sexta-feira, 11 de agosto de 2006

O.M. AÏVANHOV - Ninguém, nenhuma alma poderá dizer que não viu o Cristo [11/08/2006] - Autres Dimensions



11 de agosto de 2006.
do site AUTRES DIMENSIONS
Áudio da Mensagem em Português

Link para download: clique aqui


Bem, caros amigos, estou extremamente contente por reencontrá-los.

Então, como de hábito, vamos começar a trocar entre nós e, se posso aportar minha ajuda ao seu caminho, é com grande prazer que eu responderei às suas questões.

>>>

Questão: de qual tipo seriam as intervenções Crísticas a vir?

Parece-me, cara amiga, que eu havia dito, na última vez, que o Cristo voltaria como ele partiu, ou seja, nas nuvens.

Ele partiu com o corpo de ascensão, ele voltará com esse corpo, mas, em caso algum, ele poderá rebaixar seu nível vibratório até a dimensão de vocês, sobretudo no estado atual no qual ela está.

Então, a vinda do Cristo do fim dos tempos corresponde a um fenômeno de apelo da alma individual, coletiva, planetária, que se manifestará sob a forma de Luz, mas, em caso algum, o ser Cristo estará, eu diria, presente, historicamente, falando através de um processo de encarnação ou um processo, mesmo, de walk-in.

É evidente que a energia Crística estará presente em todos os seres humanos que estiverem prontos para dar o salto quântico evolutivo para a quinta dimensão. Mas, em caso algum, deve-se esperar qualquer manifestação de Cristo em um corpo de carne.

Obviamente, os seres que estiverem, eu diria, no fenômeno de pré-ascensão, quando de alguns eventos, poderão portar, eu diria, a energia Crística, mas, em caso algum, trata-se da presença do Cristo autêntico.

Ele se manifestará, diretamente, quando do intercruzamento, eu diria, da terceira e da quinta dimensão.

Ele será visível e perceptível a todo o planeta, mesmo aqueles que recusarem voltar-se para Ele, porque a anunciação de fenômenos vibratórios ligados à ascensão à quinta dimensão é um processo no qual todo ser humano deve estar, eu diria, em face de suas escolhas de aceitação ou de recusa.

E a aceitação ou a recusa de passagem a essa nova dimensão de vida é, unicamente, função de sua liberdade individual, ou seja, saber se vocês estão prontos para ir para o abandono, eu diria, e ao acesso à mestria individual, ou será que sua alma tem necessidade, ainda, de fazer o caminho de separação, de dissociação, de gozo, eu diria, de prazeres da terceira dimensão durante, ainda, certo tempo?

Mas ninguém, nenhuma alma poderá dizer que não viu o Cristo, que não tenha sentido a energia de Maria.

Obviamente, é um processo que tocará ao conjunto da humanidade e não alguns escolhidos ou algumas pessoas que estarão em uma diligência de elevação, de ascensão, como vocês chamam, para a quinta dimensão.

>>>

Bem, caríssimos amigos, eu estive muito, muito contente por apresentar-me entre vocês e, como de hábito, vou aportar-lhes todo o meu amor e, sobretudo, toda a minha bênção, desejando-lhes, também, uma boa continuação em seu caminho.

Eu lhes digo até breve, caros amigos.

Até breve, fiquem bem.

************
Mensagem de O.M. AÏVANHOV no site francês Autres Dimensions:
http://autresdimensions.info/articlec422.html
11 de agosto de 2006 (Publicado em 11 de agosto de 2006).
Versão do francês para o português: Célia G.
via: http://leiturasdaluz.blogspot.com.br

Um comentário:

Postar um comentário