quinta-feira, 5 de abril de 2007

O.M. AÏVANHOV - Perguntas & Respostas [05/04/2007] - Autres Dimensions



05 de abril de 2007.
do site AUTRES DIMENSIONS.
Áudio da Mensagem em Português

Link para download: clique aqui


Bem, caros amigos, estou extremamente contente por reencontrá-los, neste período tão propício, exatamente antes do período de Páscoa, que é um período extremamente importante ao nível vibratório.

Então, como de hábito, vamos, se quiserem, começar a trocar, em relação às suas interrogações, suas questões e o que vocês têm no coração, na medida do possível em que eu possa explicar e ajudá-los a avançar para o caminho da Luz.

Então, recebam, primeiramente, meu bom dia, minhas saudações e, também, meu amor.

E estou à sua escuta, agora.

>>>

Questão: poderia falar-nos do que os astrônomos chamam os buracos negros?

Cara amiga, isso corresponde, como dizer?...
Há portas ao nível dos planetas, como no planeta Terra no qual vocês vivem, o que nós chamamos portais e portas, que permitem o acesso a novas dimensões.

Há, também, ao nível de alguns lugares do planeta, nós telúricos, extremamente importantes, porque eles focalizam nesse nível, e há, também, as influências cósmicas diversas e múltiplas que chegam sobre o planeta a partir da existência dele.

Há, do mesmo modo, ao nível do polo norte e do polo sul, portais/vórtices extremamente grandes, de acesso ao Intraterra.

Então, é preciso conceber os buracos negros como portas situadas no universo, nos inter-espaços que permitem aceder ao oniverso, ou seja, o inverso do universo.

São pontos de passagem para outras dimensões, na escala não mais da humanidade, por exemplo, encarnada sobre a Terra, mas na escala de sistemas solares, na totalidade, que são absorvidos, de algum modo, por esses buracos negros, para reencontrar-se do outro lado do espelho, que corresponde ao acesso, desta vez, não mais de um planeta ou de alguns planetas de constelação ou de um sistema solar, mas a um conjunto galáctico em outra dimensão.

Isso serve, simplesmente, ao conjunto de galáxias, passar e dar saltos para passar ao outro lado do espelho, assim como vocês, no momento da morte, passam, ao outro lado do espelho.

É uma espécie de morte, mas não uma morte definitiva, obviamente, uma morte para um estado, para renascer para outro estado, que é bem além do simples fenômeno que corresponde à ascensão individual ou à ascensão planetária.

Isso diz respeito, em geral, a mundos muito mais evoluídos do que os seus.

>>>

Questão: pode-se considerar o universo como um sistema de equivalência de bonecas russas, estruturas que se encaixam umas nas outras?

Então, essa visão é possível para os corpos sutis planetários ou para os corpos sutis de seres humanos em encarnação, sim, efetivamente, pode-se conceber isso assim.

Mas os buracos negros e os portais que são situados fora dos planetas são um pouquinho diferentes porque, aí, não se trata de bonecas russas.

Uma boneca russa que passaria através desse buraco encontrar-se-ia completamente revertida; é difícil a exprimir, mas há, através das passagens desses buracos negros, desses portais cósmicos, o acesso a um conjunto de modificações de tudo o que ali acontece.

Então, aí, não se está mais em bonecas russas, mas em uma espécie de reversão, um pouquinho como uma luva que se inverteria; é um pouco complexo a explicar com palavras, mas digamos que é uma passagem de um estado dimensional voltado a algo, para outro estado dimensional voltado para outra coisa.

Então, não é, completamente, o sistema de bonecas russas.

>>>

Questão: a reversão de que você acaba de falar é assimilável àquela que acontece no ser humano, quando ele muda de dimensão?

Então, não, porque a reversão do ser humano corresponde a uma inversão de valores, no sentido alto/baixo, ou seja, há uma penetração na matéria na terceira dimensão que se acompanha do que vocês chamaram a encarnação.

Em seguida, há um processo muito longo de subida, de plano em plano de purificação, que vai permitir, a um dado momento, o acesso, a título individual ou coletivo, em alguns períodos de vida da humanidade em outro estado dimensional.

Aí é um salto, se querem, quântico de energia de uma determinada dimensão a outra dimensão.

O que acontece, ao nível dos buracos negros, é uma reversão não, unicamente, alto/baixo, mas interior/exterior, esquerda/direita, se preferem, e em dimensões que são situadas bem além daquelas que vocês podem experimentar.

Isso corresponde a outros tipos de modificações que são infinitamente mais complexas do que as simples reversões geométricas que vocês podem apreender como seres humanos.

>>>

Questão: o que se chama de buracos brancos?

Então, cara amiga, é a primeira vez que eu ouço falar de buraco branco.
Há buracos dimensionais, mas que não são buracos negros, mas que são, ainda, outra coisa, mas eu não vejo porque se chamariam de buracos brancos.

Os buracos brancos correspondem, naquele momento, ao que se poderiam chamar os buracos dimensionais. Aqueles a quem vocês chamam os irmãos do espaço, os Extraterrestres, os Intraterrestres, não se deslocam através de um espaço que é vazio.

Há o que se chama o fenômeno de faixa de Möbius, que corresponde a dobras do espaço/tempo, tal como vocês as apreendem nessa dimensão e que permitem, no momento em que essa dobra faz-se, passar de um universo a outro universo dimensional. Isso não é, unicamente, o que se chamam buracos negros, isso poderia corresponder ao que vocês chamam buracos brancos.

Há, também, espaços que são portais ou vórtices, que são situados em lugares precisos, ao nível dos polos dos planetas, que permitem aos seres Extraterrestres serem religados, de maneira instantânea e não viajando em caçarolas, obviamente, através de milhões de quilômetros de distância e que permitiriam a eles aceder, assim, após uma viagem que duraria extremamente muito tempo e extremamente dispendiosa em energia, aceder ao seu Sistema Solar.

Isso se faz de maneira instantânea, por intermédio dos polos.

>>>

Questão: no tempo passado existiam fraternidades ou sociedades iniciáticas que acompanharam a evolução sucessiva da humanidade. O que é delas, hoje?

Então, cara amiga, já, eu não estou certo, absolutamente, de que fraternidades iniciáticas tenham permitido a evolução da humanidade.

Os movimentos iniciáticos que existiram na superfície do planeta permitiram a alguns seres humanos que estavam prontos a reencontrá-los aceder a essa evolução, mas jamais houve movimento que tenha podido estabelecer-se no planeta para permitir fenômenos de transmutação extremamente importantes.

Era, frequentemente, o feito de indivíduos isolados, seja Cristo, sejam outras entidades que se encarnaram e que tiveram, eu diria, carga de almas, mas não carga de humanidade.

O único que teve carga de humanidade foi, obviamente, Cristo, que se encarnou há mais de dois mil anos.

Isso foi, também, de alguns seres que acompanharam a criação da Terra, há tempos imemoráveis, que remontam há mais de cinquenta e dois mil anos quando, aí, esses seres acompanharam, de maneira ou de processo da encarnação clássica, para o que diz respeito aos Elohim, ou processo de walk-in consciente, para aqueles que foram grandes seres.

Mas esses grandes seres vieram apenas para iniciar os movimentos e não para acompanhar, no sentido profundo, o conjunto da humanidade porque, em momento algum, o conjunto da humanidade esteve pronto para acolhê-los.

Então, sim, obviamente, numerosos seres manifestam-se, a cada época, e inúmeros seres manifestar-se-ão, ainda, mas não para o conjunto da humanidade, isso seria ilusório.

Não se esqueçam de que a maior parte da humanidade não quer a Luz, a maior parte da humanidade é governada por forças e deixa-se governar por forças que nada têm a ver com a Luz.

>>>

Questão: deixar-se guiar pelas forças que não seriam ligadas à Luz não é, simplesmente, um fenômeno de ignorância?

Não, cara amiga, não é, absolutamente, ligado à ignorância; é, unicamente, ligado ao medo, porque vocês têm medo de ser vocês mesmos, porque vocês têm medo de opor-se a sistemas constituídos, porque vocês têm medo de recorrer à sua Divindade.

Não é a ignorância, é, unicamente, o medo.
Então, efetivamente, essas forças que não estão na Luz tentaram, de todos os tempos, mascarar-lhes sua Divindade, mantê-los em certa forma de ignorância, mas porque vocês estiveram, de algum modo, de acordo para que isso se produzisse.

E isso, pouco a pouco, progressivamente e à medida dos séculos dessa humanidade, adormeceu, de maneira consciente, sua Divindade.

Então, não é um fenômeno de ignorância, porque ninguém poderá dizer que não sabia, porque, a partir do momento em que vocês trabalham em si mesmos, vocês têm, perfeitamente, consciência de quem vocês são, em toda época da humanidade.

O que os impede de ver a realidade é seu medo, e não a ignorância.

>>>

Questão: poderia falar-nos da relação entre o período Pascal e a ascensão?

O período Pascal é uma etapa preparatória.
No plano simbólico, isso corresponde a um fenômeno de ressurreição, a ressurreição não é a ascensão, a ressurreição é a etapa que intervém após a descida na encarnação, após o batismo e após, sobretudo, a iluminação.

Após a iluminação vem o sacrifício, o sacrifício é um ato importante.
É preciso compreender que se é pó, e que se volta ao pó.

Através desse corpo de carne, a vida de matéria que vocês tomam é um corpo de ilusão em relação à veste de Luz que é a sua.

Então, períodos, em todas as tradições ou em algumas religiões foram dados para ilustrar esse caminho de retorno à casa.

A ascensão, tal como vocês a entendem, sobrevirá em outros momentos.
Mas, obviamente, o processo da ressurreição é preliminar ao fenômeno da ascensão, porque vocês não podem ascensionar se não renascem pelo processo da ressurreição à sua Divindade.

>>>

Questão: quem estaria mais na Luz para tomar a direção da França, hoje?

Eu creio que você está sonhando, aí; não creia que os homens e as mulheres que se apresentam ao seu período de eleição sejam guiados pela Luz; seria preciso, verdadeiramente, ser pueril para crer nisso.

A partir do momento em que vocês manifestam uma vontade de poder, e de poder supremo, vocês estão, obviamente, no poder e, unicamente, no poder, e o poder é-lhes dado pelo que chamam a democracia, ou seja, vocês têm a impressão de fazer ato de liberdade, dando seu poder a alguém outro.

Então, obviamente, não creia que os governantes desse planeta, onde quer que estejam, aliás (quer sejam democraticamente eleitos, quer sejam reis, quer sejam ditadores), sejam outros que não seres de poder.

Há apenas seres de poder, e eles chegam ao poder apenas através do poder e da manipulação.

Não pode ser de outro modo.
Então, há os que estão mais no poder do que outros, sim, isso é verdade; há os que estão mais no ego do que outros, sim, é verdade, mas eles estão todos no ego.

Não creiam que, entre todos esses seres que se apresentam a vocês, haja um que aja por altruísmo ou por humanidade ou pelo gosto da Luz.
Vocês estariam em um engano monumental.

Eles querem apenas a voz de vocês, e é tudo.

>>>

Questão: em nossa história, alguns seres no poder têm, de qualquer forma, um perfil diferente?

Há, certamente, muito tempo, por exemplo, São Luiz, sim, à época de alguns reis, à época em que havia uma filiação, eu diria, sagrada ou divina.

Os modos de vida que vocês têm, hoje, não correspondem, de modo algum, a modos luminosos. Por exemplo, o dinheiro é uma energia que deve ser livre, que deve circular, mas, a partir do momento em que vocês aplicam o que chamam o interesse pelo dinheiro, vocês já estão em forças demoníacas, porque o dinheiro não tem valor, se não é aquele que o faz circular.

Mas, a partir do momento em que vocês atribuem a um meio de circulação um valor, quando ele é guardado, vocês já estão em manipulações que nada mais têm a ver com a Luz.

E, além disso, um governo espiritual não pode existir na democracia, ele apenas pode existir através do que eu chamei, em minha vida, a sinarquia, ou seja, uma teocracia de direito divino ou uma monarquia de direito divino, ou seja, os mais despertos tomam o encargo, através não de uma pessoa que concentraria todos os poderes, mas através do que se chamou, por exemplo, o círculo dos anciãos, no qual os anciãos dos dias reúnem-se a doze ou a vinte e quatro consciências para iluminar o caminho da humanidade.

Então, vocês veem, efetivamente, que, aí, com seus ministros e suas democracias, vocês estão bem longe da verdade.

É, ainda, uma forma de manipulação, tudo isso.

>>>

Questão: poderia indicar-nos como viver a Páscoa, esse período Pascal?

É extremamente importante.
A coisa a mais importante para preparar-se é ir procurar os ovos no jardim.

A partir disso, creio que o período Pascal é um período de intimidade importante de face a face consigo mesmo e de acesso, se não é ressurreição, a outro nível vibratório.

A melhor preparação é fazer o silêncio no interior de si e recolher-se.
Então, também, e como eu tenho a dizer este ano, este ano é um ano extremamente importante, porque eu falei, em numerosas reprises, que durante este ano e, em especial, na primavera, vocês terão muitas manifestações meteorológicas que antecipam as manifestações de natureza telúrica, que vão crescendo e que vão tomar proporções inimagináveis para os seres humanos do planeta, atualmente.

Então, tudo isso necessita de uma certeza interior, tudo isso necessita de ser desatrelado do que vocês observam no exterior e conceber sua vida como importante, ao nível de sua Divindade.

Os eventos exteriores vão, como dizer, pô-los em face de si mesmos, e certo modo, e pô-los em face da realidade de sua Divindade e testar sua adesão, como ser encarnado, à sua Divindade.

Vocês estão apegados à sua Divindade ou estão apegados às regras de funcionamento desse planeta?

O período de Páscoa é um período de escolha.
Qual estrada vocês vão escolher?
Qual caminho vocês vão querer tomar?

Vocês vão querer tomar, como eu já disse, parece-me, na última vez, a estrada da liberação, ou seja, a estrada da ascensão para outro estado dimensional?

Ou, então, vocês vão escolher continuar a experiência da matéria?
Ou, então, vocês decidiram que nenhuma dessas escolhas é para vocês e que será necessário passar pelo desaparecimento desse corpo físico para descobrir sua Luz?

Isso são opções interiores, são escolhas que apenas pode-se fazer em toda serenidade, no interior de si, e essas escolhas não podem, absolutamente, depender de circunstâncias de sua vida, de circunstâncias afetivas, de circunstâncias relacionais ou profissionais.

Aí está o quer lhes é demandado no período Pascal.

>>>

Questão: poderia falar-nos de fenômenos meteorológicos, porque me parece que há algumas semanas havia uma acentuação muito específica de sismos na faixa equatorial?

Cara amiga, eu já havia anunciado isso, há quase um ano; eu havia dito que tudo isso, ao nível dos elementos, iria crescendo. Então, efetivamente, vocês entraram, agora, por um período de vários anos, em um período de turbulência extrema, ao nível dos elementos, seja a água, seja o ar, seja o fogo, seja a terra.

Tudo isso vai agitar, de maneira extremamente forte, mas o que agita, no exterior – retenham o que eu lhes disse – agita, também, no interior.

A mobilização dos elementos permite-lhes, também, tomar consciência de zonas de sombra que estão no interior de vocês, para poder interessar-se, ainda mais, pela Luz, e não se esqueçam de que é preciso buscar a Luz, o resto desaparecerá por si.

Então, não procurem encontrar a sombra, procurem, antes, encontrar a Luz, porque a Luz transcende a sombra.

Então, as manifestações dos elementos que vocês vão observar no exterior, que vocês já observam a cada dia, são apenas as premissas, são apenas os primeiros estremecimentos da onda de choque que chega sobre o planeta e para a qual vocês estão prevenidos já há muito tempo.

Mas não é em dez anos, não é em cinco anos, é agora, totalmente.

>>>

Questão: portanto, se se busca a Luz, o resto desaparecerá por si? Você considera que é a chave de tudo que nós vivemos?

É, obviamente, a chave da ascensão individual.
É como se vocês se levantassem, pela manhã, e tivessem o espírito enevoado, porque saem de um estado de consciência que era o sono.

Do mesmo modo, é preciso, hoje, adormecer nessa realidade, para despertar a outra realidade, se vocês a desejam.

É, exatamente, o mesmo processo.
O processo estende-se entre agora e o período que lhes é conhecido como 2012, mas, dada a acentuação que é vivida nesse momento, isso não esperará até 2012, eu posso anunciá-lo agora.

>>>

Questão: a que é devida essa acentuação de que você acaba de falar?

Ela é devida, simplesmente, ao aumento do número de almas que fizeram a escolha da Luz.

>>>

Questão: em relação a essa aceleração, poderia voltar a precisar como vai evoluir o período de 2007 a 2012?

Simplesmente, o período que vai suceder-se muito mais rapidamente.
Eu lhes disse que vocês conhecerão, para o inverno de 2008, na Europa, um frio siberiano, que corresponde a um período dito de aquecimento, mas vocês terão, sobretudo, como eu já havia anunciado no ano passado, o prosseguimento de despertares do cinturão de fogo do Pacífico.

Muitos vulcões daqui, este verão, vão obscurecer seu céu.
Também os sismos vão tornar-se cada vez mais intensos, como vocês já podem constatar, e isso nada é, em relação ao que vem.

Vocês poderão, também, constatar as manifestações do elemento ar: o elemento ar é ligado à purificação Micaélica.
O Arcanjo Miguel manifesta-se pelo elemento ar, ele se manifesta ao nível do cosmos pelos cometas, mas ele se manifesta sobre a Terra pelo ar.

A terra, ao nível dos sismos, corresponde ao reajuste de diferentes placas tectônicas de seu planeta para receber os raios solares que se derramam, em número muito mais importante.

As irradiações emitidas na superfície do planeta, que chegam do cosmos e que chegam do Sol, tomam aspectos que seus governos não poderão mais esconder muito mais tempo.

Elas correspondem a modificações magnetosféricas extremamente importantes que alguém que utilize um pêndulo vai encontrar.

Então, tudo isso está no trabalho, agora, não em três anos, em cinco anos.
É o que vocês vivem nesse momento.

>>>

Questão: o que é, em relação a essa evolução, dos povos do Intraterra?

Os povos do Intraterra devem manifestar-se a partir do momento em que seu sistema de sociedade econômica – ilegal, baseado na finança – tiver desmoronado, a partir do momento em que as forças ditas da sombra forem desmascaradas em seu objetivo de controle na humanidade, o que não tardaria.

Eles se manifestarão apenas a partir do momento em que essas forças estiverem na Terra.

>>>

Questão: uma participante viu, no céu, triângulos de Luz que constituíam como que uma espiral, como uma espécie de grelha. Poderia esclarecer sobre esse fenômeno?

Então, há várias explicações possíveis: ou é, efetivamente, uma percepção do que se trama no astral, uma percepção de forças que estão no trabalho e que, para alguns, efetivamente, têm uma configuração de natureza triangular, em especial as irradiações emitidas a partir do Sol Central da Galáxia, progressivamente e à medida que se aproximam desse Sistema Solar, são veiculadas por seres de vigésima quarta dimensão, que são triângulos de Luz.

Pode ser, também, uma projeção de você mesmo, em relação ao trabalho que ocorrem na conferência em que você assistiu.

Simplesmente, pode-se dizer que há, às vezes, trabalhos energéticos que são feitos que deixam uma marca energética que vai manifestar-se no dia seguinte ao despertar.

Mas é preciso esclarecer, também, que domingo era o período do primeiro de abril, que é o período em que há eventos extremamente importantes que são produzidos.

Lembrem-se, também, de que eu havia dado datas extremamente importantes para os afluxos de Luz sobre este planeta, essas datas continuam válidas.

Nós aí estamos nesse momento, a partir de amanhã, no fim de semana Pascal.
Eu havia falado, também, do período de 23 até o fim de abril, que se reduzirá de 28 a 30 de abril, com um período de eletricidade extremamente intenso, que intervirá durante a primeira quinzena de maio.

Depois, haverá períodos clássicos da ascensão e de Pentecostes.
Depois, como eu já dizia no ano passado, os períodos vão suceder-se quase ininterruptos, ou seja, vocês vão banhar-se cada vez mais nas energias da quinta dimensão, que se impactam sobre a Terra.

>>>

Questão: você acha que é preferível continuar a frequentar os lugares ditos sagrados?

O importante é encontrar o sagrado em si, muito mais do que qualquer outra coisa, porque há numerosos lugares que sobem em vibração, atualmente.

Há portais e os vórtices, um pouco por toda a parte, presentes na superfície do planeta, que sobem em vibração, mas essa vibração, vocês devem, também, ser capazes de gerá-la e de acolhê-la em vocês, em seu próprio espaço sagrado interior.

Então, seria preferível encontrar isso diretamente em si e não ser dependente de um lugar ou de um espaço ou de uma pessoa.

>>>

Questão: qual é a função do mestre de Luz que se chama Maitraya?

Maitraya é uma denominação Oriental para o senhor Cristo.
Desconfie dessa denominação porque, quando se diz Maitraya, não se tem a vibração «Cristo».

Então, muitas pessoas podem ter a pretensão de ser a vibração de Maitraya ou de Sananda, como se diz, está na moda, mas nada lhes garante que, porque alguém lhes diga que se chama assim, que seja o que ele diz.

>>>

Questão: Maitraya será aquele que, no momento da ascensão, comunicar-se-á, ao nível planetário, por uma fonte telepática e por uma fonte televisual?

Você acredita?
Eu entendo o que se diz, mas você acredita, realmente, que um ser de Luz manifeste-se pela TV?

Você acredita, realmente, que esse seja o papel atribuído a uma entidade encarnada: «vão, venham todos, é a hora da ascensão»?

Você está brincando ou o quê?
Então, é preciso desconfiar.

Recorram ao seu discernimento e à sua mestria.
Onde está a realidade?

A realidade é não o que vocês sentem, porque vocês podem sentir as palavras e não a vibração.

Então, é importante compreender que a coisa a mais fundamental é que, no momento do processo ascensional que sobrevirá em várias ondas, e não em uma onda, vocês serão, todos, prevenidos, individualmente, e isso eu já disse, mas pela Mamãe, por Maria.

Releiam o apocalipse de São João e vocês verão que Cristo chamá-los-á, um a um, mas lá em cima, não na pequena caixa da TV.

Mas muitas coisas podem exprimir-se por telepatia.
Não se esqueçam, jamais, de que não é seguindo alguém que vocês vão chegar à ascensão, é despojando-se de seu corpo de matéria e voltando a tornar-se próximo da Luz que vocês acederão a essa dimensão.

Então, não contem com manifestações exteriores.
As únicas manifestações, eu diria, reais e autênticas, são as manifestações da Terra, porque elas não podem enganar, porque as correntes de ar, os tornados que se desencadeiam, as chuvas torrenciais que se desencadeiam, os vulcões que despertam, a terra que treme, significam um apelo a algo.

Em contrapartida, o apelo através da caixa da TV ou através da telepatia, façam suas orações, porque é muito fácil ser enganado.
Tudo o que diz que é a Luz não é a Luz.

>>>

Questão: poderia dar-nos esclarecimentos sobre a noção dos três corações e a relação com o que se chama o enraizamento da alma e do espírito ou do que alguns chamam a gota branca ou vermelha?

Então, os três corações são o coração físico (o coração físico que vocês conhecem), o coração, digamos, que corresponde ao timo (ou seja, à identificação de si e que está em relação com a alma espiritual), o terceiro coração é o coração divino, que é chamado a gota branca, também.

Esses três corações devem reunificar-se, ou seja, todo ser humano em encarnação é depositário de um coração físico, de um coração espiritual e de um coração divino, mas uns evoluem sem ter o conhecimento do outro.

O que deve produzir-se no momento do processo ascensional – um pouco antes – é que todas as coisas que lhes eram escondidas ser-lhes-ão reveladas, ou seja, vocês saberão, realmente, quem vocês são, de toda a eternidade, ou seja, um ser de Luz que evoluiu em espaços multidimensionais, que tem a impressão de ter vivido de vida em vida, enquanto suas vidas desenrolaram-se em um espaço/tempo que não é linear, mas circular.

Vocês tomam consciência de forças que foram implementadas sobre esse planeta, vocês terão a revelação total da finalidade da vida e da finalidade desse planeta que, de momento, é-lhes escondida, ao mesmo tempo, pelos jogos da sombra, os jogos de poder que foram colocados sobre esse planeta, mas, também, para proteger as estruturas divinas que vocês abrigam.

Então, vocês estão no período que precede essa grande revelação, essa fusão dos três corações, e esse acesso a outro estado dimensional.

E, para aceder a isso, vocês deverão estar desapegados de tudo o que não é a Luz, de tudo o que são seus apegos, que vocês construíram progressivamente e à medida de sua encarnação multidimensional, porque tudo ao que vocês estiverem apegados será um laço que os impedirá de ascensionar.

Vocês devem trabalhar na mestria interior, no soltar, de que nós falamos, longamente, parece-me, no ano passado.

>>>

Questão: as mudanças vibratórias atuais têm uma ação sobre a glândula tireoide?

Há uma ação de acesso à quinta dimensão, através da ativação de zonas energéticas que são situadas ao longo das carótidas, que não estão muito longe, efetivamente, da zona tireoidiana.

Essa transformação que vocês vivem é uma transformação celular, é uma transformação, também, do DNA, é uma transformação, também, de alguns órgãos.

Então, não é mais a tireoide do que outra coisa, uma vez que tudo se transforma, atualmente.

Isso diz respeito tanto ao modo que vocês têm de vislumbrar a finalidade da vida, isso diz respeito à célula, isso diz respeito aos seus ritmos de sono, seus ritmos alimentares, suas relações uns com os outros.

Tudo se transforma muito, muito rapidamente.
Não, unicamente, a tireoide ou os corações.

>>>

Questão: no caminho para essa ascensão, o que é do caminho em casal?

Então, é verdade que inúmeros canais ou médiuns disseram, ensinamentos de Mestres de Luz, que era importante reencontrar a alma irmã, a chama gêmea.

É importante para alguns, mas, mesmo a dois, se você não se volta para sua própria mestria, a sua, no interior de si mesmo, para nada serve ser dois.

O fenômeno de ascensão é um fenômeno de ascensão coletivo, mas que diz respeito a cada alma, individualmente, independentemente de reencontros que possam fazer-se para alguns.

Então, o fato de serem dois não é uma vantagem em relação à ascensão, é uma vantagem em relação aos eventos vividos ao nível dos elementos que se desencadeiam sobre o planeta, efetivamente, mas não ao nível do fenômeno ascensional propriamente dito.

>>>

Questão: o ensinamento do sopro sagrado favorece as transmutações que vivemos?

Então, eu já disse, em numerosas reprises, eu repito, eu havia dito isso no ano passado, no mês de outubro, e, já, bem antes: é importante compreender que nenhuma técnica permitirá a vocês aceder a essa dimensão que vocês esperam, se vocês não soltam em relação aos seus apegos.

Se vocês se apegam a pessoas, a técnicas, vocês não acederão à quinta dimensão.

Não existe, hoje, eu digo, efetivamente, hoje, qualquer técnica que permita aceder à quinta dimensão.

A única técnica é o soltar, é o abandono dos medos, há apenas isso: busquem o reino dos céus, e o resto ser-lhes-á dado em acréscimo.
É preciso abandonar-se à vontade da Luz, é tudo o que lhes é solicitado, nada mais.

Não é porque você jejuará, não é porque praticará alguns exercícios de reiki, de respiração, de oração que você será mais capaz de aceder à quinta dimensão.

O acesso à quinta dimensão é um processo que, creiam e, minha palavra, é absolutamente ligado à ausência de medo e ao soltar, são as duas palavras-chave.

Nada mais há.

>>>

Questão: as mandalas de pedra, os cristais podem ajudar?

São métodos de purificação preliminares, mas se você tem medo de não estar em seus cristais no momento em que isso se produzir, você não ascensionará.

Toda preparação, qualquer que seja, é apenas uma preparação.
No momento do grande salto, cabe soltar.

Do mesmo modo, vocês podem imaginar isso como a morte, ou seja, há seres que chegam às portas da morte e que não querem morrer, que se prendem à vida, estes morrem de um modo específico, eles morrem, de qualquer modo, mas é diferente morrer na recusa do que morrer aceitando a Luz, são duas coisas diferentes.

Então, vocês podem preparar-se tanto quanto quiserem com cristais, com a água, com a respiração, com o reiki, com o magnetismo, com o que quiserem, mas a verdadeira liberação sobrevirá apenas se, no momento em que isso chegar, vocês estejam prontos para soltar e para entrar em sua mestria.

O mínimo medo impedi-los-á de aceder a isso.

>>>

Questão: quando se trabalha no soltar, é normal que haja mais manifestações da sombra?

Esse pode ser seu caminho pessoal, mas não é uma obrigação. É nem anormal nem normal.

Eu creio que cada caso é específico, nesse nível.
Obviamente que tudo, na humanidade, é feito para impedi-los de encontrar a Luz ao nível coletivo.

Muitas coisas foram mantidas secretas, de maneira voluntária; muitas coisas escaparam-lhes, impediram-nos de aceder à sua mestria, de todos os tempos.

O caminho para a mestria, antes do período que vivemos atualmente, nós também, do outro lado, era algo de extremamente árduo, extremamente difícil, porque era preciso fazer um verdadeiro caminho de cruz, passar por etapas iniciáticas.

Hoje, vocês têm essa graça excepcional de ter a Luz que vem a vocês.
Então, efetivamente, vocês podem ter manifestações da sombra. Mas eu creio, sinceramente, que é uma questão pessoal.

Não creiam que as forças da sombra vão deixar-se abater assim, ao nível coletivo, há lutas de cada minuto que se produzem.

>>>

Questão: quando se manifesta uma criança sorrindo, nos sonhos, isso pode ser assimilado a uma expressão de sua parte divina ou ao que se chama a criança interior?

Isso pode ser múltiplas coisas.
Eu não posso responder de maneira unívoca a essa questão.
Não se deve, aí também, eu repito, generalizar, dizer que, quando vocês veem uma criança em seus sonhos, será sua criança interior ou será o pequeno Jesus, ou será o diabo, pouco importa.

Mas deve reenquadrar, contextualizar a cada vez, em função do sonho, em função de quem você é.

>>>

Questão: a que pode corresponder um acidente que transtorna a vida?

Um acidente que interrompe, de maneira brutal, alguns processos de vida, é ligado a um sinal que é enviado pela alma, um sinal forte, que significa que coisas devem ser mudadas no desenrolar da referida vida. Então, não se deve ver isso como uma punição, não se deve ver isso como uma retribuição cármica.

É preciso ver isso, simplesmente, como uma oportunidade que é dada de modificar o que deve ser modificado na vida, mesmo se isso seja, por vezes, difícil.

Um desafio, eu diria, de algumas metas.

>>>

Questão: no ambiente de seres que vivem na quinta dimensão, naqueles que vivem ao nível do Intraterra, há plantas ou animais?

Há muito, muito poucas plantas e há muito, muito poucos animais.
O ambiente é, sobretudo, feito de Luz, de água e, também, de certa característica de solo.

É preciso, efetivamente, compreender que não há construção, no sentido em que vocês entendem, mas há construções de Luz.

Então, não há muito lugar para outra coisa que não a Luz.
Os alguns vegetais que vocês encontram são vegetais extremamente diferentes daqueles que existe, na superfície desse planeta.

No que diz respeito aos animais, trata-se, essencialmente, digamos, não de mamíferos, mas de animais que vivem na água.

Não há qualquer vestígio animal no Intraterra, ao nível do solo.

>>>

Questão: o processo de sacralização toca os Devas da natureza?

Eles já estão em outras dimensões.
Eles os têm acompanhado nesta dimensão, que é a terceira dimensão, mas não estão na terceira dimensão.

Então, eles esperavam a sacralização da matéria, mas eles não são matéria.
Então, eles são implicados, obviamente, ao primeiro chefe, pode-se dizer que eles participam porque já estão nessa dimensão.

>>>

Questão: há contatos regulares entre os seres da quinta dimensão e seres que vivem em nosso planeta em terceira dimensão?

Há cada vez mais, cara amiga.
A comunicação, quer ela seja mediúnica ou de outra natureza está, obviamente, tocando cada vez mais seres humanos.

As dimensões aproximam-se e é importante estabelecer essa comunicação, porque essa comunicação será, de algum modo, eu diria, não um guia, não um guard-rail, mas, de qualquer forma, elementos que podem ajudá-los a abandonar, no interior, suas últimas resistências.

>>>

Questão: pareceria que cada vez mais pessoas nutrem-se de Luz?

Para algumas pessoas, sim, é um processo bastante corrente, tanto mais que, na quinta dimensão, vocês não têm mais necessidade de nutrir-se, tal como o concebem. Então, alguns seres, efetivamente, vivem de luz, mas não creiam que é solicitado a todo ser humano.

Vocês têm o direito, ainda, de comer e de fazer tudo o que pertence à terceira dimensão, se o sentem assim, é claro.

>>>

Questão: por que tudo o que viveu Jesus não deu os resultados desejados na partida?

Não estou certo de bem compreender a questão.
Primeiro, Cristo nada fundou, foram os homens que fundaram algo, não é a mesma coisa.

Cristo disse «amem-se uns aos outros, como eu os amei».
Ele deixou um ensinamento.

A igreja foi criada pelos homens, ela não foi instituída por Cristo.
Jamais Cristo quis instituir uma religião, jamais Buda quis instituir uma filosofia, jamais Moisés quis criar uma religião.

Foram os sacerdotes que encontraram Moisés que quiseram criar regras, mas Moisés nada quis criar, se não aportar as tábuas da Lei, que foram quebradas.

Ele tinha apenas os dez mandamentos, e esses dez mandamentos eram sua religião.

Em contrapartida, o que foi criado depois foi inventado do zero.
Do mesmo modo, Jesus jamais criou religião, são os homens que criam as religiões, não é o Pai.

Então, é preciso saber que, assim que um ser humano é portador de uma verdade transcendente, aqui embaixo, nesse planeta, há, sempre, pequenos astutos que vêm cercar, para criar algo, para tomar o poder sobre os outros, isso é constante, por toda a parte.

É preciso, enfim, hoje desembaraçar-se disso.
Então, o sacrifício de Cristo foi bem além da mensagem d’Ele, o sacrifício real de Cristo foi sacralizar o planeta.

Pelo sangue que ele derramou Ele veio sacralizar o planeta e preparar o processo de ascensão que vocês vivem hoje, o que, estritamente, nada tem a ver com a religião católica ou com qualquer outra religião.

Há seres que vieram a esse planeta e que, aparentemente, não deixaram, historicamente falando, grandes vestígios e que, no entanto, eram seres de dimensão muito mais elevada do que se pode imaginar, mas, simplesmente, no silêncio, na ausência de ensinamento, na ausência de criação de religião, foram muito mais eficazes do que alguns seres que estiveram na vanguarda da história.

E vocês sabem, há mais anjos que se encarnam em corpos que são distorcidos, que morrem de fome, do que anjos que se encarnam em salvadores.

É uma visão que é ligada aos seus pressupostos, que vocês têm em vocês em relação ao papel do que é a Luz.

Então, não houve erro de elenco, houve, simplesmente, homens que manipularam a Luz para dela fazer instrumentos de poder e, isso, em todas as religiões, obviamente.

>>>

Questão: qual era o papel de Maria Madalena junto a Cristo?

O papel de uma pequena mulher que está com seu marido.

Amá-lo, eventualmente, dar-lhe filhos, dar-lhe a comer juntos e participar, como dizer, de um caminho comum.

>>>

Questão: nas oliveiras, houve uma troca de alma entre Jesus e Cristo?

O processo de mudança de alma é algo que é, ao nível dos Mestres, extremamente fácil, ou seja, o que vocês descobrem, hoje, que chamaram os walk-in, é um processo extremamente frequente, não com a morte da entidade que deixa o lugar para a alma, mas as trocas de alma a alma, entre outros planos multidimensionais e planos encarnados.

Assim como é possível para dois seres de Luz, dois Mestres de Luz, encarnados, trocar a alma, trocar, portanto, o corpo, são processos extremamente correntes.

Então, que Cristo tenha sido sustentado ou tenha sido investido ou tenha mudado seu lugar no jardim da agonia, corresponde a processos perfeitamente possíveis, em todo caso, processos de Luz extremamente potentes, naquele momento, porque é um dos raros momentos em que Cristo manifestou o medo.

Porque é fácil falar, para todo ser humano, mesmo se seja difícil, encarnado em um corpo, quando o elemento está distante, dizer «sem problema, é fácil para mim», mas, quando o evento acontece, eu posso garantir-lhes que, mesmo um ser multidimensional, terá um medo extremo [il fait dans la culotte].

>>>

Questão: esse ponto é central na diferença entre os islamismo e o cristianismo?

Mas o islamismo e o cristianismo são religiões, então, as diferenças, há múltiplas delas, obviamente, mas são apenas religiões, não é a Divindade.

Não assimilem as religiões ao Divino.
As religiões foram transmitidas pelos homens porque, mesmo se houve profetas ou o Filho de Deus ou pessoas como Moisés ou como Elias, depois, isso foi retomado por homens e não por eles.

A partir do momento em que há retranscrição, há deformação.
Então, as oposições ou as visões de uns e de outros não têm qualquer espécie de importância, tal como é escrito nos livros.

Qual importância tem que Cristo seja morto na cruz, seja ressuscitado no quarto dia ou no terceiro dia?

Qual importância que ele tenha terminado sua vida no céu ou que tenha terminado sua vida junto a Maria Madalena?

Qual importância tem isso?
O importante é o sacrifício, o resto não tem qualquer importância.

O que eu posso, simplesmente, acrescentar, é que nenhuma religião permitirá a vocês liberar-se da matéria, absolutamente nenhuma.

Vocês não têm qualquer ensinamento que lhes permitirá aceder à sua Divindade, são apenas imaginários mentais que podem dar-lhes regras de conduta morais, regras de conduta sociais e que podem dar-lhes a ilusão da liberação.

A única liberação é o caminho em si mesmo.
A única liberação e a única verdade é sua Divindade interior, todo o resto é apenas falácia, todo o resto é apenas uma ilusão e obstáculos que são colocados para sua liberação.

Então, caros amigos, eu lhes aporto todas as minhas energias de amor, energias de coragem para ir caminhar no interior de si mesmo.

Não se preocupem com o que acontece no exterior, vejam isso como algo de exterior a si, digam-se, efetivamente, que o que vocês veem no exterior acontece, também, no interior de si, então, ocupem-se de si. Não procurem imaginar em relação a profecias, em relação a coisas que foram ditas.

Contentem-se em viver, serenamente, no interior de si mesmos, o que lhes é pedido: o soltar, evacuar os medos.

O resto far-se-á sozinho, vocês nada mais têm a considerar.
Vocês podem, se quiserem, acender velas.
Vocês podem, se quiserem, acender incensos.

Podem, se quiserem, ir à igreja, à sinagoga, ir a lugares de oração.
Mas o mais importante é o que acontece no interior de si.

Então, não se esqueçam, jamais, disso, eu o disse em múltiplas reprises: a liberdade os libertará e a liberdade não se encontra no exterior, ela se encontra no interior, não há qualquer outro lugar onde procurar que não no interior de si mesmo.

>>>

Aí está, nessas últimas palavras, eu lhes agradeço e eu lhes digo, talvez,
até a próxima vez.

Obrigado a vocês.

******************
Mensagem de O.M. AIVANHOV no site Francês Autres Dimensions:
http://autresdimensions.info/article6d01.html
05 de abril de 2007 (Publicado em 05 de abril de 2007).
Tradução do francês para o português: Célia G.
via: http://leiturasdaluz.blogspot.com.br

Um comentário:

Postar um comentário