sábado, 1 de setembro de 2012

SRI AUROBINDO - Os marcadores presentes nesse corpo [01/09/2012] - Autres Dimensions



01 de setembro de 2012.
Mensagem publicada em 31 de agosto, pelo
site AUTRES DIMENSIONS.


Áudio da Mensagem em Português

Link para download: clique aqui


Nota DLI: A Gravação do audio desta mensagem, foi realizada a partir do texto original em Francês direto para o português, por Célia G., implicando portanto, em correções (se necessárias) em sua transcrição, como segue abaixo.

>>>

Eu sou SRI AUROBINDO.

Irmãos e Irmãs na humanidade, que a Luz Azul da Fusão regue-os.

Antes de começar a exprimir-me no que concerne aos efeitos esperados da Liberação, tenho a atrair sua atenção como, talvez, vocês já se aperceberam, que nossa Comunhão, entre nós e vocês, estabelece-se de modo mais intenso e mais lúcido.

Isso se traduzirá, cada vez mais frequentemente, por uma desaceleração do fluxo verbal, que se traduz, aí também, por um aumento do fluxo Vibral que traduz, quando de nossos reencontros (seja aqui, na leitura ou na audição), uma capacidade, cada vez maior, para perceber os estados Vibrais, bem além das simples palavras pronunciadas.

O espaço entre as frases dá-lhes a viver uma integração, bem maior, bem além do sentido primeiro das palavras.

Vocês constatarão, por si mesmos, que o efeito sobre o corpo e a consciência irá crescer.

O quadro de minha intervenção de hoje inscreve-se na sequência do que foi abordado, em parte, por IRMÃO K, quando de sua última intervenção (ndr: sua intervenção de 31 de agosto de 2012, na rubrica «mensagens a ler»).

Do mesmo modo que, durante os Casamentos Celestes, foi-lhes dado a viver certo número de manifestações ligadas às Etapas.

Hoje, desde a última vinda do Arcanjo MIGUEL (ndr: sua intervenção de 18 de agosto de 2012, na rubrica «mensagens a ler») e até sua próxima e última vinda, vocês vão constatar o mesmo processo em vocês.

Vou abordar, de maneira quase exclusiva, não o que pode ser-lhes conhecido ao nível da consciência (como todas as experiências de Comunhão, de Fusão ou outras), mas, bem mais, insistir sobre os marcadores presentes nesse corpo.

De fato, a aproximação da Luz Vibral, a resposta da Terra ao nível da Onda de Vida, sua maturação celular vai conduzi-los a viver uma amplificação sem precedente de diferentes sinais, de diferentes sintomas.

Esses sintomas esperados são explicáveis pela conjunção do Reencontro entre o corpo Etéreo desse corpo físico e o corpo Etéreo novo, aquele que será forjado pelo Fogo e pela Água do Céu, que dá, ao nível desse corpo físico que vocês habitam, uma interface de percepção de diversos elementos que vou detalhar-lhes.

O primeiro, para inúmeros de vocês – e isso, talvez, já pode ter começado há alguns meses – é o reforço, sem precedente, do Nada ou Canto da Alma.

Os sons percebidos ao nível do ouvido (tanto dentro como fora), por intermédio do que é nomeada a ampola da clariaudiência, o Antakarana e o Canal Mariano, além de permitir-lhes perceber a modificação que pode sobrevir quando de seus Reencontros (humanos ou não), pela lateralidade esquerda ou direita que eu havia exprimido há algumas semanas, independentemente disso, o som toma uma tonalidade cada vez mais aguda, que se aproxima, por sua modulação, do Coro dos Anjos.

Último Som do Nada ou Som da alma, que precede o Maha Samadhi.
O Som, cada vez mais ativo, poderá parecer-lhes espalhar-se para o conjunto da cabeça, depois, para o conjunto do corpo, em perfeita ressonância com o que sobrevirá, de maneira audível, para todos, no momento em que o Som do Céu e o Som da Terra – ouvidos em diversos lugares da Terra – tornar-se-ão quase permanente.

Esse som traduz, é claro, a elevação da consciência, mas, também, a chegada de certo número de elementos celestes.

Segundo sinal, o mais importante, se já não é o caso, o aparecimento ou a amplificação de sensações de formigamento e de calor ao nível da planta dos pés e da palma das mãos, que traduz a intensificação da Onda de Vida.

A subida da Onda de Vida, quando tornar-se possível (se já não é o caso), pela superação dos últimos medos virá, preferencialmente, elevando-se ao nível do sacrum e ao nível dos órgãos genitais, desencadear, à frente, um fenômeno de tremor – como um arrepio – e desencadear, atrás, sensações, por vezes, nevrálgicas e dolorosas, ao nível da parte inferior de suas costas.

A manifestação das Coroas Radiantes, no que concerne ao coração, dar-lhes-á a viver o estremecimento da caixa torácica, de maneira mais intensa, que vem reforçar a pressão e, por vezes, as dores no Ponto KI-RIS-TI de suas costas e nas zonas laterais de KI-RIS-TI das costas.

A Coroa Radiante da Cabeça verá ativar-se, de maneira preferencial e em alguns momentos, a energia específica dos Triângulos Elementares.

A um dado momento: o Fogo.
Em outro momento: o Triângulo da Água.
Em outro momento: o Triângulo da Terra ou, ainda, do Ar.

A ação sobre as três Estrelas de sua cabeça, de um determinado elemento, implicará, é claro, manifestações precisas e específicas sobre as quais eu não me estenderei hoje, que os deixam vivê-las (ndr: ver a rubrica «Protocolos/As Doze Estrelas de Maria).

No conjunto da pele começará a manifestar-se – se já não foi feito – uma percepção, cada vez mais clara, como se milhares de golpes de agulhas percorressem essa pele, até um arrepio.
Será, então, possível, quando da Fusão/Dissolução preparatória com o Duplo, perceber, claramente, ao redor do corpo, uma espécie de estremecimento, ou mesmo de uma corrente de ar.

O Canal Mariano, qualquer que seja o modo de percepção que vocês tenham dele, dar-lhes-á – se já não é o caso – a percepção de uma Presença, permanente, no alto e à esquerda.

O estabelecimento dessa permanência, seja ligado a MARIA, ao seu Duplo, ao Duplo KI-RIS-TI, a um Duplo Monádico ou a um mecanismo de Fusão/Dissolução vivido com um Irmão ou uma Irmã tornar-se-á, para vocês, cada vez mais tangível, cada vez mais intenso, que lhes dá o sentimento de ser tocado ao nível do ombro esquerdo e na parte alta da face esquerda.

O ponto ER da cabeça ativar-se-á até poder desencadear uma sensação, por vezes, dolorosa, de cabeça pesada, no topo.

A zona específica do hálux parecer-lhes-á acumular, por momentos, os formigamentos percebidos ao nível da pele.

A percepção do conjunto do Canal do Éter e de seus diferentes componentes tornar-se-á perceptível.

Em especial, as quatro Portas que cercam o sacrum, assim como a Porta KI-RIS-TI e suas zonas laterais que correspondem às asas Etéreas.

Inúmeros sinais digestivos poderão surgir – se já não é o caso – que traduzem o impacto do Manto Azul da Graça e da Fusão de seus Éteres, ao nível das Portas ATRAÇÃO e VISÃO, que podem desencadear mecanismos novos, que lhes dão a viver o fato de não poder comer tal ou tal tipo de alimento, e que lhes convirá respeitar.

Filamentos de sangue poderão aparecer ao nível da narina esquerda, frequentemente, pela manhã, ao acordar, ou, então, de improviso, o que traduz a finalização da perfuração do assoalho nasal, sob a ação da Onda de Vida e do Supramental.

Na posição deitada, vocês constatarão, cada vez mais facilmente, que o conjunto do corpo pode pôr-se a mover e a tremer, de alto a baixo ou da esquerda à direita.

As sensações táteis tornar-se-ão diferentes, e podem dar-lhes o sentimento de menos sentir ou de mais sentir, seja ao nível das mãos, geralmente, ao nível dos braços.

Poderá produzir-se, sobretudo nos momentos de imobilidade, uma impressão – além do estremecimento – de entorpecimento doloroso de um membro, de dois membros ou dos quatro membros.

Haverá alguns momentos privilegiados nos quais o corpo não parecerá mais responder a qualquer vontade de mobilização.

A percepção sensorial, visual, auditiva, espacial poderá ser, por momentos, profundamente diferente, o que lhes dá a impressão de sobreposição dessa realidade com outra realidade.

A respiração poderá parecer-lhes parar.
A zona cardíaca poderá revelar anomalias do ritmo cardíaco, assim como dores que se projetam na parte anterior de seu peito, que ultrapassam, de maneira específica, nas portas AL e UNIDADE.

Parecer-lhes-á emanar – e esse será o caso – a Luz, sem desejá-lo e sem querê-lo, pelo conjunto do peito, preferencialmente, por uma zona de expressão da Luz, independente de qualquer vontade, justamente, ao nível das Portas AL e UNIDADE.

O conjunto de funções – fisiológicas, automáticas – desse corpo será, por momentos, profundamente modificado.

Nesses momentos, se sua consciência está atenta a esse corpo, vocês constatarão, facilmente, que o simples fato de portar sua consciência sobre esse corpo, sem qualquer interrogação ou sem qualquer questionamento, reforçará a percepção que está presente naquele momento.

O conjunto desses sinais e sintomas aparecer-lhes-á cada vez mais claramente, como os efeitos diretos da Ascensão.

A intensificação de um ou do conjunto desses processos – que, de qualquer modo, irão completando-se, uns e outros – será, para vocês, a ocasião de verificar o que se desenrola na consciência, concernente à Última Presença ou ao estabelecimento do Absoluto.

Tudo o que se desenrolará quando dessa Fusão do Corpo Etéreo, habitual e amputado, com o Corpo Etéreo regenerado pelo Fogo e a Água do Céu tornar-se-á uma evidência.

Seu corpo físico e o que está presente nele começará a emanar a Luz, de modo cada vez mais tangível, além mesmo da Visão Etérea, que cria ao redor de vocês uma forma de luminescência, de transparência, observável.

Existem, é claro, circunstâncias de seu ambiente de vida que favorecerão, se posso dizer, a integração desses estados e outras que os diminuirão, mas eu deixarei a Estrela SNOW exprimir mais coisas sobre isso.

Eu permaneço, quanto a mim, centrado, exclusivamente, nas manifestações corporais.

Durante essas fases de manifestações corporais, poderão apresentar-se momentos e instantes nos quais, de repente, de um só golpe, o conjunto dessas percepções para, o que pode traduzir-se por um sentimento de perda iminente.

É naquele momento que lhes convirá, sobretudo, permanecer tranquilos, não colocar-se a mínima questão sobre o sentido do que é vivido, compreender e aceitar que isso os leva a estabelecer-se no Absoluto.

Nesses momentos privilegiados, se o mental cala-se, se as emoções calam-se, então, a Onda de Vida lançar-se-á, de maneira extremamente intensa e bem além do simples Êxtase, tal uma torrente de Fogo, que se junta a outra torrente, que desce a partir de sua cabeça, que não lhes dá mais a exata percepção de um lugar de um Reencontro, mas, efetivamente, de um brilho e de uma irisação do conjunto de suas células.

Isso se reproduzirá em diferentes reprises, até o momento em que, por experiência, vocês constatarão, por si mesmos que, se o mental não intervém, que se não há emoções, então, a Morada de Paz Suprema está aí, independentemente desse corpo, independentemente de sua pessoa, independentemente da Última Presença e independentemente de percepções vividas no instante anterior.

É naquele momento que vocês perceberão que, não tendo mais percepção do corpo, que não tendo mais percepção de uma consciência, nem mesmo de uma pessoa e, ainda menos, de um ambiente, que vocês poderão estabelecer-se no que vocês São, bem além das percepções do corpo que estavam aí, no instante anterior.

Tudo isso deve desenrolar-se, aí também, em seu ritmo, mas esse ritmo tornar-se-á cada vez mais aparente para cada um, progressivamente e à medida que vocês se aproximarem de 22 de setembro deste ano.

Além de toda interrogação e de todo questionamento virá um instante em que a evidência do que se desenrola chocar-se-á em vocês, de modo importante.
Tudo isso corresponde à Liberação da Terra, assim como à sua Liberação desse Plano.

Vocês constatarão, também, facilmente, que a partir do instante em que seu mental, que, a partir do instante em que suas emoções não venham mais interferir com o que se desenrola, vocês perderão o sentido de toda interrogação, por um reconhecimento imediato de quem vocês São, para além de toda pessoa, de toda aparência, de todo papel e de toda função. Isso decorre, diretamente, da Ascensão da Terra, assim como da sua.

Eu não irei mais longe sobre as consequências sobre a consciência, outras que não aquelas que eu acabo de enunciar.

Eu não irei mais longe, tampouco, sobre as circunstâncias que podem ser concebidas como ambientais, que vêm facilitar ou obstruir o que se desenrola.

Se vocês têm questões concernentes a esses sintomas, e sinais físicos, então, eu os escuto.

>>>

Questão: sentir como uma descarga elétrica na cabeça faz parte desses processos?

Sim, isso pode fazer parte.

>>>

Questão: esses sinais podem ter começado há várias semanas, episodicamente?

Eu o confirmo, assim como eu disse.
Essa intermitência, independentemente de onde vocês partiram, reforçar-se-á, de qualquer modo. Mas eu especifiquei, efetivamente, que isso pôde começar, já, há numerosos meses.

Simplesmente, dado que vocês são e serão cada vez mais numerosos a vivê-lo, era importante, dada a intensificação em curso, que vocês fossem informados, não para explicar, mas, justamente, para, no momento em que vocês o viverem, vivê-lo, o mais serenamente possível.

>>>

Questão: as pessoas que não seguiram esse caminho, vão viver a mesma coisa?

No que concerne aos Irmãos e Irmãs adultos que nada vivem disso, eles não estão, portanto, envolvidos, de momento, por isso.

>>>

Questão: tenho, por vezes, sangramentos do nariz, mas do lado direito.

Os sangramentos de nariz podem, efetivamente aparecer, por vezes, do lado direito.

Isso corresponde, simplesmente, a um deslocamento do septo nasal, em relação ao que é nomeado assoalho das fossas nasais.

>>>

Questão: há alimentos que convém evitar?

Isso é diferente para cada Irmão e cada Irmã.
Contudo, existem elementos de resposta, eles lhes foram comunicados, já há algum tempo, por ANAEL e reespecificados mais recentemente (ndr: sua intervenção de 8 de junho de 2012, na rubrica «mensagens a ler»).

A alimentação de tipo líquido permite evitar que o sangue dirija-se, de modo demasiado importante, ao nível dos órgãos digestivos.

É desejável, e vocês o constatarão, por si mesmos, limitar seus aportes sólidos a partir das 17 horas, onde quer que vocês estejam (em sua hora, portanto).

Isso corresponde aos seus ritmos internos de sucessão dos dias e das noites, assim como de uma alimentação que deverá fazer-se, preferencialmente, antes que o Sol esteja demasiado baixo.

Vocês constatarão, aliás que, se são surpreendidos por um processo Vibratório que eu acabo de descrever, e se seu ventre está demasiado cheio, isso provocará dor.

>>>

Questão: e o que é de uma dor frequente ao redor da sétima vértebra cervical?

Existe uma conexão, ao longo do Canal do Éter, entre o ponto ER da cabeça e, é claro, o conjunto da Lemniscata Sagrada, à frente, mas, também, com o Ponto OD da cabeça e a Porta KI-RIS-TI das costas, que pode dar, efetivamente, sensações de peso ou de dor ao nível da sétima vértebra cervical, independentemente de qualquer desequilíbrio.

>>>

Questão: quando se sente uma dor, é contraindicado tentar fazê-la cessar?

Vocês nada podem fazer nesse gênero de dores, quando elas são ligadas à Onda de Vida, ao Supramental, à Luz Vibral.

>>>

Questão: quando se sentia a Onda de Vida, ao nível dos pés e das mãos e, hoje, não se sente mais, isso é uma evolução normal?

Isso é diferente para cada Irmão e para cada Irmã.
A Onda de Vida não deve permanecer nos pés e nas mãos: ela circula, obviamente.

Existem diferentes percepções que são ligadas, eu diria, às lufadas que são enviadas do Núcleo Cristalino da Terra, que não dependem de vocês.
Há, efetivamente, várias ondas da Onda de Vida, que podem dar – do mesmo modo que para as Coroas Radiantes e, em especial, da cabeça – flutuações e variações ligadas aos momentos do dia, às fases lunares e às fases solares.

Isso é perfeitamente lógico.

>>>

Questão: perdas de consciência podem, também, fazer parte desses processos?

Isso foi exprimido por IRMÃO K (ndr: sua intervenção de 7 de junho de 2012, na rubrica «mensagens a ler»).

Eu, também, fiz alusão a isso (ndr: sua intervenção de 16 de agosto de 2012, na rubrica «mensagens a ler»).

>>>

Não temos mais perguntas, agradecemos.

Irmãos e Irmãs na humanidade, Comunguemos, juntos.
Eu lhes digo até uma próxima vez e até breve.

Permaneçamos juntos, dois minutos de seu tempo.

... Partilhar da Doação da Graça...

Até logo.


***************
Mensagem de Sri Aurobindo no site francês Autres Dimensions:
http://www.autresdimensions.com/article.php?produit=1587
01 de setembro de 2012 (Publicado em 02 de setembro de 2012).
via: http://leiturasdaluz.blogspot.com.br

3 comentários:

Postar um comentário