terça-feira, 1 de novembro de 2011

MARIA - 01 de novembro de 2011 - Autres Dimensions





01 de novembro de 2011.

do SITE AUTRES DIMENSIONS


AUDIO EM FRANCÊS:


MARIE_01-11-2011 por autresdimensions

Eu sou MARIA, Rainha dos Céus e da Terra.

Filhos bem amados, eu venho a vocês, com Amor e Graça.

E volto, como havia anunciado, nos momentos que são importantes, para vocês e para o Amor, na Luz que vem, agora, chamá-los, de modo cada vez mais premente.

Onde quer que estejam, quaisquer que sejam suas idades e suas atividades, a Luz chama-os, agora, de modo cada vez mais premente.

Qualquer que seja a forma desse Apelo (quer ele concirna à Vibração da Consciência ou sua Consciência, ou mesmo, simplesmente, um sentimento, mal definido, de que algo acontece, nesse momento), o Apelo da Luz, através de múltiplos sinais, em vocês e sobre esta Terra, vem dar-lhes a certeza e a prova de que elementos importantes desenrolam-se, nesse momento mesmo.

Qualquer que seja o lugar (tanto em vocês como no exterior de vocês) onde quer que vocês se situem, os Sons, os Sonhos, os Apelos da Luz (para aqueles que os percebem, nas Portas e nas Estrelas) tornam-se cada vez mais claros, a cada dia.

Muitos, entre vocês, colocam-se, ainda, questões.
Muitos, entre vocês, ainda sentem, em si, interrogações quanto ao processo completo da Luz que está em obra.

Os elementos que lhes são dados a ver sobre esse mundo podem mesmo, por vezes, parecer-lhes, com o olho da personalidade, totalmente afastados da Luz.

Não é, estritamente, nada disso.
Apenas o modo pelo qual vocês olham, e com o que vocês olham pode dar-lhes essa impressão.

O Apelo da Luz vem tirá-los de seu estado comum, da consciência habitual.

Ela vem, realmente, chamá-los, de múltiplos modos, e é a vocês que cabe apreender, com o Coração, o que quer dizer, para vocês, esse Apelo.

Muitos de meus Filhos, onde quer que estejam sobre a Terra, percebem os Sons do Céu e da Terra. Alguns, em lugares específicos desta Terra, viram os sinais do Céu.

Muitos de meus Filhos podem estar, ainda, na negação do que acontece, porque, neles, existe, é claro, a dúvida.

Essa dúvida, que é segregada pela personalidade, que é cortada da Luz.
Essa dúvida, que é oriunda do mental e de suas faculdades de interrogação perpétuas, enquanto tudo isso pode ser varrido, com a maior das facilidades, a partir do instante e do momento em que vocês estão atentos aos sinais, quer eles se desenrolem em sua consciência, em seu Ser, em seu ambiente ou onde quer que seja sobre a Terra.

Nós jamais lhes escondemos que os sinais da Terra eram aqueles que viriam decidir o momento esperado ou temido.

Nós sempre dissemos, também, que certo número de dias e de noites que precedem alguns elementos da Luz, ser-lhes-iam acessíveis, de maneira evidente, sem que houvesse a mínima dúvida sobre esse Apelo Final da Luz.

Hoje, mais do que nunca, eu venho dizer-lhes para viver cada minuto com a Plenitude e o Coração o mais Total porque, é claro, se vocês estão nessa Plenitude e nesse Coração o mais Total, o que vocês querem que lhes advenha que seja oposto a essa Plenitude e a esse Coração?

Mais do que nunca, durante estes dias, vocês são capazes de religar-se e de Comungar à Luz. Há muito pouco tempo eu lhes falei desse princípio de Comunhão e de Graça que, a cada dia, reforça-se.

Se seu olhar torna-se aquele da Criança, se seu olhar torna-se aquele do Coração, cada dia será cada vez mais fácil, a partir do instante em que vocês capitulam à Verdade do que vocês são, à Verdade do Amor, que é sua natureza e sua Essência.

Eu não venho dizer grande coisa mais, a não ser que a Terra está, agora, definitivamente pronta e que tudo o que se desenrola e que se desenrolará, a partir deste instante, fará apenas traduzir o Casamento do Céu e da Terra e o Casamento, também, da Consciência (ainda comum, para alguns de vocês), com a Verdade de seu Ser, com a Alegria de sua Presença, tanto nesse mundo como em outros lugares.

Quanto melhor vocês acolherem, quanto melhor vocês viverem cada instante presente, melhor a Alegria ser-lhes-á perceptível e real.

Se essa Alegria não está aí é, simplesmente, porque a personalidade ainda não deixou, suficientemente, o que deve sê-lo.

Os sinais da Luz, os sinais do Céu e da Terra, os sinais de seu próprio Corpo de Existência vão tornar-se, para muitos de vocês, cada vez mais evidentes e como foi dito, tanto em seus dias como em suas noites.

E, para aqueles que não o vivem ainda, isso vai aparecer-lhes.
É claro, nesse mundo sobre o qual vocês estão ainda, existem forças que entrarão em resistência à Luz, que podem encarnar algumas dificuldades, para elas, para transmutar-se, na Graça e na Alegria. Mas, em definitivo, tudo se fará, muito precisamente, no Amor e na Alegria.

Não pode ser de outro modo.
Algumas das Estrelas disseram-lhes que o tempo dos profetas havia sido encurtado, porque a Luz trabalhou em sua consciência.

E, hoje, mais do que nunca, a Luz trabalha, na Comunhão e na Graça.
Mais do que nunca, seus momentos de Alinhamento, de 19 horas – hora francesa (ndr: ver a rubrica «protocolos a praticar / protocolos prioritários») permitir-lhes-ão Comungar a essa Graça, de maneira cada vez mais evidente, de maneira cada vez mais potente e cada vez mais Feliz.

Cabe a vocês abrirem-se, sempre e ainda mais, à Alegria da Luz, à Alegria de sua Unidade, porque o que vem – e nós sempre o dissemos – é uma Muito grande Alegria, o que quer que manifestem as resistências, tanto em vocês como fora de vocês.

Como dizia o Comandante dos Anciões (ndr: O.M. AÏVANHOV), já desde alguns meses, tudo isso se desenrola agora.

A novidade desse dia, pela qual eu intervenho, é que, especificamente o que eu lhes disse: que a Terra está pronta e que, agora, o mais importante é, unicamente, manter seu Ser na Alegria, manter a Luz Eterna de seu Coração. Todo o resto aparecer-lhes-á cada vez mais fútil, cada vez mais pueril.

Vocês se juntarão, cada vez mais rapidamente, à sua Criança, sua Transparência.

Meu Canal, que está ao seu lado (esse famoso canal chamado Mariano) (ndr: ver intervenção de ANAEL, de 24 de outubro de 2011, na rubrica «mensagens a ler»), vê sua Presença e sua Vibração, também, amplificar-se.

Então, não se ofusquem com percepções Vibratórias que podem, por vezes, parecer invadi-los e tomar todo o lugar.

Efetivamente, a Luz vem tomar todo o lugar, não deixando qualquer interstício para a Sombra, qualquer interstício para o medo, qualquer interstício para o sofrimento.

E sua consciência decidirá colocar-se na Luz ou no medo.
Mas a Luz é a mesma, para cada Irmão e cada Irmã, qualquer que seja seu caminho e qualquer que seja seu destino.

Isso vocês sabem.
Muitos de vocês, também, começam a Vibrar e a perceber a consciência desse corpo, em lugares que não são nem Portas nem Estrelas nem suas Lâmpadas (ndr: seus chacras), nem o sacrum, nem as costas, mas, efetivamente, agora, Pontos periféricos, como as mãos e os pés.

Não se alarmem com isso,
Como eu disse, a Luz preenche todos os interstícios e vem preencher toda Sombra e toda resistência.

Quanto melhor vocês a acolherem, melhor vocês viverem a Alegria e melhor isso acontecerá (tanto para a Terra como para o conjunto de Irmãos e de Irmãs).

Sua função, na encarnação, vai tornar-se, mais do que nunca, Transparente à Luz, a fim de que ela, através de vocês, nutra seus Irmãos e suas Irmãs, na Comunhão e na Graça.

Cada hora e cada dia de sua vida é, doravante, um apelo para viver a Graça e para viver a Paz Eterna. Não há outro Apelo, agora, que não aquele da Luz, não há outra Verdade, como vocês vão viver, que a Luz, que faz cessar todos os medos e todos os mecanismos de projeção, de exteriorização.

Assim que vocês reconhecerem isso como a Verdade Essencial, bem, vocês viverão isso.

Vocês descobrirão, então, a Graça, para aqueles de vocês que ainda não vivem a Consciência da Unidade.

Vocês viverão a Consciência da Luz.
A Luz vem bater à Porta e, em breve, o Apelo, Total, da Luz, ecoará.
Mas já é agora: não há que esperar amanhã ou aguardar amanhã ou temer o amanhã.

Há apenas que imergir-se, cada vez mais, no Instante, em sua Presença, porque todo o Amor da Fonte ali está e pede apenas uma coisa: fazê-los viver a natureza de seu Ser, o Amor e a Abundância.

Espaços em que vocês vão aperceber-se que tudo pode produzir-se como mecanismo de resistência, tanto no exterior como em vocês, afastar-se-ão de vocês, de maneira rápida.

Qualquer resistência será vã à Luz, tanto em vocês como fora, porque a Terra decidiu assim, porque o Céu realizou-o, há muito tempo e porque vocês estão entre o Céu e a Terra e isso se realiza, em vocês.

A Liberdade é o outro nome do Amor e da Verdade.
A Liberdade não é o que vocês buscam em suas ações da personalidade, mas trata-se, efetivamente, da Liberdade do Espírito que é Alegria e Eternidade.

Como nós dissemos, há alguns meses, nós estávamos na orla de sua Dimensão. E nós podemos dizer, agora, que estamos, agora e já, em Sua Dimensão, porque a Luz aí está, porque a Luz aí se revelou e porque a Luz consumou o que havia sido anunciado.

É claro, de acordo com suas próprias resistências, de acordo com seu próprio olhar, o que eu digo pode parecer-lhes distante, muito próximo ou, verdadeiramente, vivido.

Mas, a cada instante, isso se aproximará de vocês, e vocês constatarão, muito rapidamente, que o que, no instante precedente, parecia-lhes tão distante de seu quotidiano, pouco a pouco, vai tornar-se a Totalidade de seu quotidiano.

Porque, de qualquer modo, tudo o que foi construído sem Amor, tudo o que foi construído na negação do amor não existirá mais.

Porque a Luz reina na Alegria.
Porque a Luz não permitirá, jamais, que se instale o mínimo sofrimento e que se instale, nunca mais, a mínima separação com sua natureza profunda, com o que vocês são.

Tudo isso se realiza nesse momento mesmo, em vocês, de diferentes modos: quer isso se realize na perda desse Corpo ou na Alegria total desse corpo que renasce, vocês constatarão que, tanto num caso como no outro, sua consciência, cada vez mais, está totalmente independente de tudo o que foi construído pela falta de Amor.

Porque a Consciência é Amor e isso não será, simplesmente, um refrão ou uma crença, mas, verdadeiramente, a Verdade do que vocês têm a viver, a cada instante.

E nós estaremos ao seu lado.

Nós estaremos com vocês.
Nós estaremos em vocês, cada vez mais, cada vez mais fortes e cada vez mais frequentemente.

O Arcanjo MIGUEL tomará a palavra para dar-lhes certo número de elementos. Ele passará, também, de algum modo, a Tocha (como Príncipe e Regente das Milícias Celestes), ao Arcanjo URIEL.

Porque o Arcanjo MIGUEL estará estabelecido, inteiramente, no CRISTO-MIGUEL, na Nova Tri-Unidade.

Isso se desenrolará em menos de dez dias.
Daqui até lá, vocês terão vivido muitas coisas que lhes permitirão viver, de maneira ainda mais intensa, a Realidade e a Verdade dessa Passagem de Tocha.

Eis as algumas palavras simples que eu tinha a dizer-lhes, porque elas são, por minha Presença e minha Vibração, a oportunidade de reforçar quem vocês são e afastar de vocês, sempre mais, as interrogações e as dúvidas.

Porque, quando vocês perceberem que apenas o Amor é Verdade e Verdadeiro e que apenas o Amor é a Resposta, vocês não pararão de querer viver esse Amor, que vem preencher, em vocês, eu repito, toda interrogação, todo vazio, toda falta, todo sofrimento.

É a isso que eu venho chamá-los e é a isso que eu os chamarei, cada vez mais, ao mesmo tempo que a Terra, ao mesmo tempo que as Estrelas e os Arcanjos e os Anciões.

Não há melhor momento do que esse dia para dizer-lhes: «preparem-se, preparem-se para viver a Alegria, inteiramente».

«Preparem-se para ser a Alegria».
Eu pararei aí, minhas palavras.

E, em contrapartida, na Comunhão de nossos Seres e de nossas Presenças, e, se existem interrogações concernentes, muito precisamente, ao que acabo de dizer (a título coletivo, e não individual), que possam ajudar seus Irmãos e suas Irmãs, que possam ajudar-nos, a nós, Irmãos e Irmãs, então, eu os escuto, na Comunhão e na Graça.


Não temos perguntas, agradecemos.

Filhos bem amados, Filhos da Fonte, nós somos todos UM.
É isso que há para viver, é isso que há para verificar, porque isso é a estrita e única Verdade da Vida, não tal como nós temos costume de concebê-la, quando estamos nesse mundo, mas na Verdade de todos os Mundos que não estão separados da Verdade.

A Verdade não é desse mundo, mas ela vem ali restabelecer-se.
Então, na Confiança e na Graça, eu deixarei a palavra aos Arcanjos MIGUEL e URIEL, que virão prosseguir o que eu lhes disse, hoje.

Isso ocorrerá antes de 10 de novembro de seu ano (ndr: ver detalhes na parte inferior da página).

Eu lhes peço para, simplesmente, aceitar, ainda uma vez, o Amor de nossa Comunhão e o Amor de nosso Reencontro, tanto aqui como em outros lugares.

Comunguemos, juntos, e até muito rapidamente, em vocês, em cada um.


...Efusão Vibratória e Comunhão...


Que o Amor do Um seja nossa Eternidade comum, em Verdade e no Amor.

Até já.


**************
NDR: MIGUEL e URIEL intervirão, no espaço Vibratório, exclusivamente (em silêncio), na quinta-feira, 10 de novembro de 2011, de 22 às 23 horas – hora francesa, no relógio.

Essa intervenção não se desenrolará em público.
Trata-se, simplesmente, de «religar-se», em Espírito, onde quer que vocês estejam.

MIGUEL e URIEL intervirão, em seguida, trocando palavras, no sábado, 12 de novembro de 2011, às 15 horas – hora francesa, no relógio.

Uma canalização pública já está no programa nesse momento, em Bruxelas, essas duas intervenções desenrolar-se-ão, portanto, nesse contexto (ver rubrica «canalizações públicas»).

A transcrição dessas intervenções será divulgada no site nas horas que seguirão (na rubrica «mensagens a ler»).

As horas indicadas correspondem à hora francesa que, atualmente, correspondem a três horas à frente do horário de Brasília.



*************
Os horários indicados correspondem à hora francesa, no relógio. O link Décalage Horaire (http://www.lolo.free.fr/Divers/DecalageHoraire.html) permitirá deduzir sua hora local.




________________________________
Compartilhamos essas informações em toda sua transparência. Agradecemos em fazer o mesmo, se as divulgarem, reproduzindo integralmente este texto e informando sua fonte: www.autresdimensions.com
Versão do francês para o português: Célia G. - http://leiturasdaluz.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário