segunda-feira, 19 de setembro de 2011

PROTOCOLO - Pilares do Coração - Autres Dimensions






19 de setembro de 2011.

do SITE AUTRES DIMENSIONS.



Os quatro Pilares do Coração.

De 11 a 16 de setembro de 2011, diferentes intervenientes comunicaram informações sobre os quatro Pilares do Coração: HUMILDADE, SIMPLICIDADE, INFÂNCIA, TRANSPARÊNCIA.

Vocês encontrarão os textos na rubrica “mensagens a ler”, em especial:

APRESENTAÇÃO GERAL DOS QUATRO PILARES DO CORAÇÃO:

ANAEL (12 de setembro)

INFÂNCIA: ANNA (13 de setembro)
TRANSPARÊNCIA: UM AMIGO (14 de setembro)
HUMILDADE: IRMÃO K (15 de setembro)
SIMPLICIDADE: SRI AUROBINDO (16 de setembro)

Elementos foram desenvolvidos, desde agosto de 2010, sobre as Consciências Elementares (Água, Terra, Fogo, Ar), inscritas nos Triângulos da Coroa Radiante da cabeça.

Vocês encontrarão as explicações detalhadas dos pontos da cabeça no protocolo “as 12 Estrelas de Maria", divulgado, então, na mesma rubrica "protocolos".

Os protocolos que são comunicados hoje, abaixo, têm por objetivo facilitar o desenvolvimento dessas Consciências Elementares, da Coroa da cabeça, nos quatro Pilares do Coração.

Dois tipos de práticas são possíveis, segundo sua preferência:


PRIMEIRA POSSIBILIDADE:

Pôr, delicadamente, durante uma dezena de minutos, o polegar, o indicador e o médio de uma mão, ao mesmo tempo, sobre cada ponto Estrela de um Triângulo Elementar (descrito no protocolo “as 12 Estrelas de Maria”, na mesma rubrica “protocolos”).

E, simultaneamente, pôr o indicador da outra mão sobre um ponto de uma Porta torácica.

Essa prática pode, também, realizar-se a dois: uma pessoa põe seus dedos na cabeça e no tórax de uma segunda pessoa (isso pode, por exemplo, facilitar a prática, com os dedos, do elemento Terra).


SEGUNDA POSSIBILIDADE:

Permanecer sentado, durante uma hora, aproximadamente, ao centro de um triângulo de três cristais postos ao solo (correspondentes às Estrelas da cabeça do Triângulo elementar praticado) e portando um cristal sobre o corpo, correspondente a um dos Pilares do Coração.

- Qualquer que seja a prática escolhida (com os dedos ou com os cristais), convém realizá-la para cada elemento (Ar, Terra, Água, Fogo e Éter).

- A ordem de prática dos elementos não tem importância.

- Não é necessário observar um prazo de integração entre a prática (dedos ou cristais) de cada elemento, que podem portanto, ser encadeados.

- A prática global desses elementos pode ser repetida, a fim de melhor integrar-se.

- Como qualquer prática, indicações são dadas como pontos de marcadores, mas o caminho de cada um é específico e convém seguir seu próprio sentir, seja sobre a ordem das sequências, sua duração, sua modalidade, sua repetição...

- Os esquemas abaixo indicam as posições, os cristais, por elemento.


ELEMENTO FOGO
Pontos da cabeça: ATRAÇÃO (BEM) – REPULSÃO (MAL) - AL
Porta torácica: OD (da ponta do esterno) ou Pilar da INFÂNCIA.




ELEMENTO TERRA
Pontos da cabeça: OD - VISÃO – KI-RIS-TI
Porta torácica: KI-RIS-TI (entre as omoplatas, na altura de D5) ou Pilar da TRANSPARÊNCIA.




ELEMENTO AR
Pontos da cabeça: CLAREZA - IM/HIC - UNIDADE
Porta torácica: UNIDADE (chacra de enraizamento do Espírito: uma altura de mão acima do seio esquerdo) ou Pilar da HUMILDADE.




ELEMENTO ÁGUA
Pontos da cabeça: IS/NUNC - PRECISÃO - PROFUNDIDADE
Porta torácica: AL (chacra de enraizamento da alma: uma altura de mão acima do seio direito) ou Pilar da SIMPLICIDADE.




ELEMENTO ÉTER
Ponto da cabeça: ER (7º chacra)
Porta torácica: ER (9º corpo ou saliência do esterno)
Excepcionalmente, pratica-se deitado (a).




________________________________
Compartilhamos essas informações em toda sua transparência. Agradecemos em fazer o mesmo, se as divulgarem, reproduzindo integralmente este texto e informando sua fonte: www.autresdimensions.com
Versão do francês para o português: Célia G. - http://leiturasdaluz.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário