domingo, 10 de julho de 2011

ANAEL - 10 de julho de 2011 - Autres Dimensions





10 de julho de 2011.

Mensagem publicada em 12 de julho, pelo site AUTRES DIMENSIONS.



Eu sou Anael, Arcanjo.

Bem amados Filhos da Luz e bem amadas Sementes de Estrelas, que a Paz e o Amor sejam sua morada.

Eu venho a vocês, pela Vibração e pelas palavras, além das palavras, a fim de fazer ressoar e preparar a Copa, aquela em que a Vibração do Um, da Fonte Una, revelar-se-á.

Para isso, é necessário acolher, na doação e no Abandono.
Abandono no qual não existe qualquer Repulsão, que lhes permite viver HIC e NUNC, a Vibração da Unidade e da Consciência, na qual não existe qualquer distância entre vocês e o conjunto da Criação.

O Abandono à Luz, assim como eu o desenvolvi já há certo tempo, é chamada a viver sua etapa final, da doação de sua Consciência separada à Inteligência da Luz, que os conduz a revelar, em vocês, a Alegria de sua própria Unidade, a Alegria de sua Verdade, num espaço que não é um espaço, num tempo que não é um tempo, mas que engloba todo o Tempo e todos os Tempos.

HIC e NUNC, que permitem, então, à Alegria da Dimensão e Vibração KI-RIS-Ti, inscrita em todos os Tempos e em todos os espaços, revelar-se.

Doação Final, Abandono e Ressurreição, espaço no qual se vive a Graça, espaço no qual se vive a ausência de distância, que põe fim a toda distância, que põe fim a toda ilusão, que põe fim ao sacrifício do Espírito, sacrificando uma Ilusão.

Espírito, isso vocês são, de toda a Eternidade.
Resta-lhes retornar e retornar-se ao que vocês são, na Paz, na Alegria, no Amor e na Unidade, que é sua Morada para a Eternidade.

Filhos do Um, na hora em que a Porta se abre e em que a Porta do Céu derrama, em vocês, o fluxo da Unidade, Ressurreição, o Cristo vem chamá-los.

Vocês vão responder ao chamado pela doação e por seu Abandono?

Ousem.
Ousem ir, como o dizia meu companheiro Uriel, para sua Eternidade, na qual não existe qualquer sofrimento, na qual não existe qualquer questão, na qual não existe qualquer interrogação, na qual tudo é beleza, na qual nada está separado.

Vocês são os Filhos da Unidade, os Filhos da Fonte.
Vocês vão voltar a tornar-se o que vocês são, extraindo-se da ilusão do sofrimento, da ilusão de sua presença aqui, que os faz passar da presença limitada à sua Presença ilimitada, Aqui e Agora, pondo fim àquele que os tinha presentes e em Presença, como lhes dizia Uriel, Anjo da Presença e da Reversão.

Fazendo-os passar à verdadeira Repulsão, que não é a antinomia, que não é a oposição nem a confrontação, mas que é, simplesmente, a ausência de separação.

A Unidade em sua beleza, a Unidade em sua magnificência e em sua Graça, na qual tudo é apenas Alegria, tudo é apenas felicidade. Isso se reúne em seu Coração, em seu Templo e no espaço Sagrado de HIC e NUNC, para além da pessoa que canta o canto, como Ele lhes disse, da reunificação, do que sempre foi o que jamais pôde ser tirado.

Vivam e abram.
Vivam.

Vão para onde vocês estão na doação e no Abandono e na transparência.

Transparência a mais pura, arranjada pela Humildade e pela Simplicidade, na qual não existe mais do que a Totalidade, na qual nenhuma Consciência poderá ser isolada.

Deem-se, como Ele se deu a vocês.
Abandonem-se.

Tornem-se a Fonte.
Tornem-se a Verdade, a Vida e a Unidade, KI-RIS-TI.

Filhos criados na Unidade, as Portas abrem-se, a Luz revela-se, tal como anunciado.

Agora, nesses tempos e nesse espaço limitado, que vem desposar o prometido, realizando a Promessa, fazendo-os tornarem-se os esposos e as esposas da Unidade, domínio de Alegria, no qual não existe qualquer outra coisa que a totalidade da Alegria, na qual tudo é Inteligência, tudo é Abundância.

O tempo de nascer chegou.
O tempo de ressuscitar chegou.
Vocês são a Luz do mundo.

O que Ele fez em Sua vida, quando de Sua Passagem, vocês o farão e bem maior ainda, saindo da Ilusão.

A Fonte e o conjunto de Forças da Presença, as Forças da Unidade, chamam-nos para realizar sua Unidade, para além da pessoa, para além dessa vida, para além dessa Ilusão, para além dessa projeção, HIC e NUNC.

Encurtem o tempo, fechem-no, para liberá-lo.
Saiam desse tempo, entrem em seu Templo, aquele do Sagrado.

A hora do Sagrado chegou.
O Amor revela-se em sua majestade.
O Amor abre-se e revela-se.
As Portas estão abertas.
A Luz Vibral revela-se.

Acolham Cristo.
Acolham a Verdade, porque é sua Essência e sua Natureza.

Onde está a punição, se não no ego confinado?
Onde está a Ilusão, se não no sofrimento?
Como aqu’Ele que cria toda a Vida e toda a Alegria poderia privá-los d’Ele?

Como aqueles que estão na Clareza e na Verdade do Um teriam o que quer que fosse para provar nos mundos da densidade, onde nada pode ser encontrado, onde nada pode ser provado?

A Fonte chama-os.
Metatron vem derramar, passando pelo Sol, que é o Coração, que é seu Coração.

O Sol não é um ponto ao longe, ele é sua Natureza e sua Essência.
Ele é o Logos, Filho do Pai, Filho da Mãe.

Bem amados do Um, abram, acolham o que, para sempre, vai liberá-los.
Penetrem as esferas da Alegria, na qual nenhum julgamento e nenhum peso podem alterar o Canto da Vida Una.

Preparem-se para acolhê-lo.
Preparem-se para a Alegria, porque apenas a Alegria é a Essência da Verdade, porque apenas a Alegria, presente em HIC e NUNC, que transcende a Repulsão, põe-nos no Abandono à Verdade, aquela que nasce em seu Sacro e em seu Sagrado.

Elevem-se em suas moradas de Eternidade.
Relevem-se, porque jamais vocês caíram.
Vocês estão em pé, em toda a Eternidade.

Então, os Arcanjos, outra parte de sua Unidade, então, a Fonte que vocês são, então, a Alegria que vocês são, então, a Verdade que vocês são torna-se a própria Consciência.

A borboleta vai revelar-se.
Sintam o calor da vida e do Fogo, aquele do Espírito, aquele da Liberdade, cujo testemunho é a Alegria, na qual não existe qualquer ofensa feita à Vida, toda a Vida; aquele em que mais nenhuma palavra é necessária, porque tudo está transcendido, no olhar de sua própria Presença, na Vibração da Unidade.
Alegria e Felicidade.

Bem amados do Um, o Tempo da Ressurreição está inscrito em seu Coração e em seu Sacrum.

Vocês são a Luz da Criação.

Não se trata de um jogo de palavras, mas a Verdade de sua Unidade, que lhes resta penetrar, inteiramente.

Ele virá chamá-los, Um a Um, Uma a Uma, para penetrar as esferas da Alegria, as esferas da Eternidade.

É claro, a Liberdade é total e aqueles que recusam são livres e amados com a mesma intensidade e a mesma perfeição.

Como poderia ser diferentemente?
Não há julgamento algum, exceto na Ilusão.

Não há punição alguma, nem perdição, exceto nessa Criação alterada.
Não existe competição alguma nos mundos da Unidade.

Então, àqu’Ele que lhes estende a mão, em breve, vocês vão estender-Lhe seu Abandono?

Vocês vão instalar-se na Eternidade de HIC e NUNC?

Não é mais tempo de escutar o ego.
Não é mais tempo de escutar as dúvidas.
Não é mais tempo de sofrer.

É tempo de reviver.
O que, há um dia, parecia-lhes tão distante, parecer-lhes-á, no dia seguinte, cada vez mais próximo e, um dia depois, vocês serão isso: o que eu acabo de dizer, pelas palavras e pela Vibração.

Nenhuma distância poderá mais existir, pondo fim à projeção de toda a ilusão.

O Amor é a chave.
Um Amor além de toda contingência existente na alma encarnada e voltada para a personalidade.

Então, vocês cantarão com Ele, HIC e NUNC, no Abandono: «eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida», por que pode existir outra?

O que pode existir mais do que a Vida, a Verdade e a Vida?
Que pode existir (ou ser) mais do que a vida?

Apenas o confinamento criou a Ilusão da morte.
Apenas essa vida que não é a Vida reproduziu-se em si mesma, isolando-se, cada vez mais, da Fonte.

Vocês levaram a Luz, porque ela os conduziu a abandonar-se a ela.
Filhos do Um, criados no Um.

Ressurreição.
É a hora.

O canto de Metatron vai ressoar, permitindo a revelação total e a Ressurreição.

O conjunto do que estava alterado vai Vibrar.
A Luz será Tudo o que é: a Vibração sem limite, sem limitação, sem sofrimento.

Canto de Glória.
Vocês são isso.

Metatron aporta, em vocês e para vocês, se tal é seu acolhimento, a Ressurreição, atualizando a Promessa e o Juramento, pondo fim a tudo o que mente, a tudo o que os afasta, criando a ilusão de uma distância.

HIC e NUNC: No Aqui e Agora encontram-se a Humildade e a Simplicidade, chaves do Coração, chaves da Unidade, abertas para Todos.

Acolham, como nós os acolhemos, nas esferas da Graça, que é sua esfera.

Essa esfera na qual a Perfeição se abre.
A hora do Sagrado põe fim ao Sacramento da Ilusão.

Vocês vão, se tal é sua Vibração, revelar-se.
As asas revelam-se.

Nunca mais elas voltarão a fechar-se.
Na Vibração e no Amor, onde tudo é Luz, onde nenhuma sombra pode ser projetada.

Vibração e HIC e NUNC.
Eternidade.

Misturando minha Presença ao Arcanjo Uriel, nós dois reunidos e em uma Unidade, em vocês, preparando Metatron, anunciando Cristo e a Alegria.

Abram e ouçam, como Ele lhes dizia.
E escutem o Canto da Graça, o Canto da Presença, o Canto do Silêncio.

HIC e NUNC.
Abandono que transcende a Repulsão e a Atração, que cria o equilíbrio que não é o equilíbrio de dois, mas o equilíbrio da Verdade.

O Sacro do Sagrado torna-se o Fogo, aquele do Espírito e do Coração, aquele do Éter e da Terra, reunidos em um único Fogo, aquele da Unidade.

Filho Ardente do Sol, Ele dirá: «Eu e Você somos Um», a vocês, que o provam no HIC e NUNC e no Abandono.

Eu sou o Arcanjo Anael e eu sou vocês, uma parcela de sua Eternidade.
Como vocês são uma parcela de minha Eternidade.

HIC e NUNC, alquimia além da química, do confinamento.

Abandono.
Espaço sem espaço, tempo sem tempo, no qual tudo é doação, no qual nada há a perder, porque tudo é transparente, porque nada pode ser separado.

Sejam a Alegria, dancem a Alegria.
Cantem o HIC e NUNC.

Revelem-se.
Revelem a Verdade.
O Espírito e a alma de Ressurreição, Aqui e Agora, ressuscitam na Luz esse corpo, a fim de que vocês se tornem o Corpo do Cristo e o Corpo da Fonte.

Há apenas a acolher, nada fazer, nada querer, nada desejar.
Apenas Presença.
Apenas Ser.

Deixem a Alegria tomá-los, porque é sua Essência.
Nada há a esperar para amanhã, porque tudo é HIC e NUNC.

Eu sou o Arcanjo Anael, uma parte de vocês, uma parcela de sua Eternidade, eterna, ela também.

Então, no HIC e NUNC, preparemos o Sacro.

HIC e NUNC.
E Cristo.

Eu rendo Graças à sua Presença.
Eu rendo Graças ao Ser.

Eu sou o Arcanjo Anael.
Eu me banharei em sua Eternidade, no alinhamento.

Eu lhes dou minha Paz, que é a sua.

Até já.



________________________________
Compartilhamos essas informações em toda sua transparência. Agradecemos em fazer o mesmo, se as divulgarem, reproduzindo integralmente este texto e informando sua fonte: www.autresdimensions.com
Versão do francês para o português: Célia G. - http://leiturasdaluz.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário