domingo, 21 de novembro de 2010

AÏVANHOV - 21 de novembro de 2010 - Autres Dimensions




21 de novembro de 2010.

Mensagem publicada em 24 de novembro, pelo site AUTRES DIMENSIONS.


E bem, caros amigos, estou extremamente contente por reencontrá-los e, sobretudo, por reencontrá-los após tão pouco tempo.

Então, caros amigos, todas as minhas bênçãos.

Questão: É possível que a Onda Galáctica se produza antes dos 3 dias e 3 noites?

Então, cara amiga, a Onda Galáctica está já, vocês estão, como dizer..., plenamente dentro, mas vocês não estão no meio.

Isso quer dizer que já desde vários meses, as partículas Adamantinas da Onda Galáctica e os raios Gama que estão ligados à irradiação da Fonte, que constituem a Onda Galáctica, estão penetrando a periferia desse sistema solar já desde este verão [inverno no hemisfério sul] e começou agora a penetrar, eu diria, os planetas do sistema solar exterior.

Bem.
O que quer dizer que os efeitos da Onda Galáctica são já perceptíveis. Eles são perceptíveis para alguns humanos, mas também para a Terra, através de tudo o que vocês observam.

Então, a Onda Galáctica, há as datas que foram dadas, em particular pelo calendário Maya.

Obviamente, aqueles que conhecem desde muito tempo esta data e haviam baseado todo o plano deles de dominação e de escravidão da humanidade em circunstâncias cataclísmicas ligadas, não à Onda Galáctica para eles, mas ligadas ao que foi chamado Hercobulus ou Nemesis, ou seja, a Anã Marrom [Naine Brune], companheira desses sistemas solares nos quais estamos.

Bem.
Portanto, eles sabiam pertinentemente que à cada 25.920 anos, se reproduzía um cataclismo importante sobre a Terra, que destruía toda forma de vida. Eles haviam então antecipado, porque eles conhecem isso desde muito tempo, e «calculado», ajustando o plano deles nesta data de aniversário dos 25.920, que caía em 21 de dezembro de 2012.

Uma data da qual, agora, muitas pessoas, através dos filmes, através dos escritos, através dos pesquisadores, conhecem a importância.

Toda a sutileza da Confederação Intergaláctica da Luz foi antecipar esta data para, de algum modo, “tirar os subsídios” [*] dos fantoches, não é?

É exatamente o que aconteceu, uma vez que pudemos (para aqueles que seguiram o cenário, não é?) vetar [blackbouler] (eu adoro essa palavra), vetar Nibiru, ou seja, a embarcação dos Annunakis.

O que era essa embarcação dos Annunakis?
É uma embarcação metálica de um tamanho considerável, bem maior do que a Terra, que estava em órbita ao redor de Nemesis/Hercobulus e que, devido à aproximação de Hercobulus, provocava, por sua rotação e pela passagem na «proximidade» da Terra, um reforço do que se chamam as forças gravitacionais, nas quais vocês estão fechados.

No mês de agosto de 2009, quando houve a entrega das chaves Metatrônicas, houve também, ao mesmo tempo, uma irradiação Gama, que foi focalizada (é a palavra exata) e condensada, dirigida diretamente sobre essa Embarcação, que estava em aproximação e que foi, então, vetada para bem mais longe, do outro lado, se querem, de onde ela orbitava.

O que quer dizer que jamais as forças de compressão gravitacional se reproduzirão neste planeta, outra vez.

Desde aquele dia, desde o mês de agosto de 2009, a Luz se estabelece sobre esta Terra. Agora, é verdade que, de modo sincrônico, em algum lugar, há a chegada de Hercobulus e há a chegada da Onda Galáctica.

A Onda Galáctica, os raios Gama, vocês devem compreender que é a verdadeira Luz constituída das partículas Adamantinas.

Vocês, o que vocês observam, é algo de terrível, porque provoca mutações genéticas, penetra todos os tecidos, isso... como dizem seus cientistas... ioniza todos os tecidos e provoca a morte dos tecidos em carbono.

Mas isso permite revelar a Luz.
Então, obviamente, vocês penetram nesta Onda Galáctica.

Aliás, desde muito numerosos anos, eu o disse ontem, eu anunciei que o conjunto dos grandes acontecimentos planetários ocorreria a partir do momento em que os vulcões do cinturão de fogo do Pacífico estivessem todos novamente acesos.

É efetivamente o caso, já desde este ano.
Agora, como vocês sabem, a maior parte está em pré-erupção, em erupção ou em pós-erupção, o que traduz os movimentos extremamente importantes ao nível do planeta.

Então, sim, obviamente, a Onda Galáctica está já aí.
Agora, e como o sabem, não é a Onda Galáctica, nem Hercobulus que dão os quadros precisos da ação da Luz e da ação da Anã Marrom, que foi separada do verdadeiro Sol. Não são eles que dão esse quadro temporal específico, que é um tempo astronômico, ao qual deve responder um tempo planetário humano ligado à 3ª Dimensão dissociada.

Nesse quadro, é a Terra, e unicamente a Terra, quem decide.

A Onda Galáctica, vocês estão já dentro.
Agora, o afluxo das partículas Adamantinas, como o sabem também, é regulado pelo conjunto da Confederação Intergaláctica.

É preciso ajustar a boa dose sobre a Terra.
Demasiado, elas transbordam, o quer dizer que não está bom.

Não o bastante, não vai rápido o bastante, não está bom tampouco.

Portanto, há um ajuste que se faz e que depende, é claro, de seu trabalho para vocês, como humanos, sobre a Merkabah interdimensional coletiva.

Quer dizer que, se vocês decidem, onde quer que estejam sobre este planeta, que a Ascensão é amanhã, vocês podem desencadear, vocês mesmos, a Ascensão amanhã.

Não há mais qualquer limite, são vocês, como seres humanos, coletivamente religados com a Merkabah interdimensional coletiva que, em acordo com a Terra, podem desencadear o movimento final.

Vocês são, portanto, responsáveis por sua própria evolução.

Então, agora, quem vai dar o sinal?
Será que é um humano, será que é a Confederação Intergaláctica, será que é um Arcanjo, será que é o povo intraterrestre, será que é a própria terra que vai anunciar, por seus abalos e por seu pré-basculamento dos pólos, a Verdade do que vai chegar?

Nós não sabemos mais do que vocês, mas nós sabemos, é claro, como o dissemos, uns e outros, ontem, que é algo que acontece agora.

No agora, compreendam, pode ser imediatamente, enquanto se está aí, como pode ser, o mais tardar, daqui até o final do próximo ano.

Portanto, isso quer dizer que vocês estão num período em que, efetivamente, o cenário, tal como foi escrito pelos profetas do antigo tempo, e mesmo através do que foi visto hoje pelas pessoas que acessaram a Existência ou, em todo caso, a memória do Éter, de algum modo, que não é a memória do astral, que acessaram, pelas percepções novas e os novos corpos o que vai acontecer, veem essas imagens.

Mas as imagens mudam dia a dia.
Mas, o que é importante compreender é que, agora, o fruto está maduro, e ele pode passar na Dimensão nova de um instante para o outro.

É claro, há datas limites, há reuniões que lhes foram dadas.
Por exemplo, Maria deu-lhes reunião em 17 de dezembro, às 21h [hora francesa – 18h no horário de Brasília], mas, se necessário, será antecipada.

Não é uma reunião fixa que vai determinar a evolução da Terra, é a própria Terra e vocês todos reunidos pela Merkabah interdimensional que trabalham para isso.

Portanto, os 3 dias, eles se produzirão, eles não se produzirão, de maneira, como dizer..., preliminar ao basculamento dos pólos?

Se preciso, eles não ocorrerão.
Se suficiente seres humanos têm este impulso do Espírito para ir para a Existência, então, tudo pode ocorrer agora, doravante, extremamente rapido, de um minuto para o outro.

Tudo está pronto.
O Arcanjo Uriel, vocês sabem, está muito presente, o Cristo está agora presente em seu Éter, tal como ele partiu, e tudo pode se realizar de um minuto para o outro.

Vocês estão, como eu digo a cada vez, dentro, mas aí, até o pescoço.

Na Luz, hein, não na caca.
____________
[*] Tradução livre da expressão utilizada no texto original «faucher l'herbe sous les pieds», de origem no século XIV, que significaria «impedir alguém de se guarnecer de meios de subsistência». (Fonte: http://www.expressio.fr/expressions/couper-l-herbe-sous-le-pied.php)

Questão: Uma Vibração ao nível da Coroa da cabeça pode estar ligada à Vibração do Coração?

É exatamente a mesma coisa, dado que, na Coroa da cabeça há a imagem da Coroa do Coração.

O ponto ER, que corresponde ao 9º corpo e no cabelo de Buda há a Coroa Radiante da cabeça, ao centro, a Coroa Radiante do Coração.

Portanto, é normal que, a um dado momento, pela irradiação, por exemplo, de um Arcanjo ou de Um Amigo, vocês tenham a capacidade para entrar em ressonância e para perceber diretamente ao nível do Coração.

E cada dia, lembrem-se também o que dizia Sri Aurobindo, vocês têm a capacidade para receber diretamente as partículas do Sol no Coração, sem passar pela cabeça.

É uma realidade Vibratória.
Vocês vão constatar, por toda parte ao redor de vocês, cada vez mais seres que tinham dificuldade, mesmo se estivessem abertos ao nível da cabeça ou do sacrum, para instalar a Vibração do Coração.

Isso começa.
As quatro semanas que se chamam, eu creio, no calendário: «o advento», portam bem o nome, vocês vão poder contar os dias e abrir cada dia as pequenas janelas do calendário.

Cada dia será uma surpresa.

Questão: Qual é a diferença entre Vibração do Coração e Fogo do Coração?

Há uma diferença importante.
A primeira etapa da abertura do chacra do Coração (e do 9º corpo o mais frequentemente, atualmente, é conjunta) vai se traduzir por uma pressão, uma barra no peito.

Devido à ativação da nova Tri-Unidade, a inversão do Triângulo dito Luciferiano, hoje ativado no Coração, vai dar pressões no peito. Em seguida, vocês vão sentir Vibrações em turbilhão, ou ao redor do chacra, ou ao redor do que é chamada a Coroa Radiante do Coração.

Vibrações que seguem ritmos específicos, de acordo com seus humores, de acordo também com o humor do cosmos.

E, a um dado momento, esta Vibração será substituída por uma sensação indefinível, primeiramente de respiração.

É como se o coração, ao invés de bater, se põe a respirar, e é bem o Coração e o chacra do Coração que se põe a respirar.

Naquele momento, o Fogo chega.
É um Fogo que corresponde a agulhadas extremamente rápidas ou Vibrações extremamente rápidas com um Fogo devorando, mas que não queima.

É muito difícil explicar com palavras, enquanto vocês não o viveram. Aqueles que o viveram compreendem perfeitamente esta expressão do Fogo do Coração.

Isso pode dar um verdadeiro calor no corpo.
É um Fogo que consome, ele consome simplesmente o que eu chamaria as partículas falsificadas de carbono e lhes permitem agregar, literalmente, as partículas Adamantinas ao nível do canal do Éter, do Sushumna, do canal da Coroa Radiante do Coração e do canal de Cristal e, em seguida, na escala do corpo inteiro.

Esse processo, que se realizava de modo extremamente lento há ainda alguns anos (mesmo para aqueles que foram os «primeiros»), vai hoje muito rapidamente.

Isso quer dizer que vocês podem passar, de um dia para o outro, de um período de pressão no peito para a percepção do Triângulo da Tri-Unidade ou simplesmente para a percepção da Coroa Radiante e se estabelecerem espontaneamente no Samadhi o mais alto, na Alegria Interior que acompanha sempre o Fogo do Coração.

Mesmo se a Alegria possa acontecer, para alguns, no fundo de um leito, com dores terríveis por toda parte.

Isso não retira a Alegria.

Questão: Sentir uma Vibração diferente à direita e à esquerda é um sinal de desequilíbrio?

Do corpo sim, é um desequilíbrio.
Ao nível dos chacras, não.

Há alguns seres, por exemplo, que percebem mais as Estrelas do lado direito.

Outros, do lado esquerdo.
Outros, ao nível do chacra do Coração, nesse momento, em particular, vão sentir pressões muito fortes de um lado ou do outro, que correspondem ao trabalho nos chacras de enraizamento da alma/Espírito, nos pontos Cristo/Miguel, mais de um lado do que do outro.

Cada indivíduo vive diferenças específicas.
Agora, a diferença de percepções de alto ou baixo, de um lado ou do outro do conjunto do corpo, geralmente, é uma defasagem do conjunto do corpo etéreo.

É independente dos processos atuais.
Os processos atuais não podem descentrar, bem ao contrário, eles centram e alinham.

Questão: A que corresponde o fato de sentir como um segundo Coração para o lado direito do peito?

Mas porque no chacra do Coração há uma haste que passa da parte de trás para frente, portanto há, geralmente, ao nível da vértebra chamada D5, 5ª vértebra dorsal, o ponto de entrada das energias do canal do Éter.

Vocês sabem, o Sushumna está forrado, doravante, para os mutantes, pelas partículas Adamantinas e são essas partículas Adamantinas que se agregaram no canal do Éter, que penetram atrás, no meio do Coração, e pelo ponto que foi dado por Mestre RAM.

É um protocolo que foi dado há algum tempo, concernente, justamente, à ativação de alguns circuitos ao nível do Coração e esse ponto extremamente preciso e sob a 5ª vértebra dorsal. [*]

Após, como foi dito, e eu o disse ontem também, isso pode, por vezes, difundir lateralmente, mas isso são também outros circuitos que se ativam.

Pelo momento, vocês têm os circuitos, Anael lhes falou ontem sem lhes dizer a totalidade.
Há as correspondências e as ressonâncias, obviamente, entre a Coroa Radiante da cabeça e a Coroa Radiante do Coração, ponto por ponto.

Há 6 pontos que foram dados por Mestre RAM.
Há também 12 pontos ao nível da cabeça.
Há, obviamente, 6 pontos posteriores e vocês começam a perceber e a sentir alguns desses 6 pontos posteriores.

E eu não os darei hoje, senão vou me fazer incendiar por Um Amigo...

***
[*] http://despertardaluzinterior.blogspot.com/2010/05/ram-01-de-junho-de-2009.html

Questão: Nos protocolos ligados às Estrelas de Maria, se sentimos dores na parte de trás da cabeça, isso corresponde a um bloqueio?

Não há qualquer bloqueio.
As energias podem ser extremamente violentas, atualmente, ao nível de algumas das Estrelas da cabeça.

Vocês vão se aperceber, por exemplo, que alguns vão sentir queimaduras sobre Ki-Ris-Ti, outros vão sentir um peso de chumbo, no momento das meditações, sobre o Triângulo da Terra, atrás, entre Ki-Ris-Ti, Visão e OD, que darão, se querem, sensações de peso muito intensas.

Outros vão sentir mais os pontos adicionais, ligados ao basculamento do Triângulo Luciferiano e, outros ainda, vão sentir os pontos laterais.

É perfeitamente normal, não há bloqueio.
A partir do momento em que vocês sentem essas energias ao nível da cabeça, não se pode falar de bloqueio.

Os únicos lugares onde podem existir bloqueios, mas que vão se resolver por si, pelo que se chama a agregação das partículas Adamantinas sobre o canal mediano da coluna vertebral, as pessoas que, por exemplo, tiveram acidentes ao nível do sacrum, ou ao nível de fraturas vertebrais, podem sentir, efetivamente, dores, inflamações.

Mas não é, propriamente falando, um bloqueio das energias espirituais, e justamente ligado à ação das energias espirituais, mesmo se é inflamatória, que vão provocar um afluxo de Luz Vibral sobre as zonas que foram fraturadas ou que estão demasiado doentes, portanto, isso vai se arranjar pouco a pouco, mesmo se, no momento, isso possa dar dores por vezes bastante fortes.

Portanto, nenhuma inquietude a ter.
Lembrem-se da palavra mestre: a Luz é inteligente e ela segue sua Consciência.

Exemplo: vocês pedem à Luz para se colocar em tal lugar, ela ali irá.

Não é uma oração, é somente um pensamento consciente ligado à Atenção e à Intenção de colocar a Luz Vibral em tal lugar.

É tão simples assim.

Questão: O ponto AL corresponde à Atenção?

Há dois quadros referenciais que lhes foram dados.
Atenção para não fixar as coisas.

O ponto AL é ligado ao Fogo.
Ele é ligado, efetivamente, à Atenção.

O ponto OD é ligado à Terra.
Ele é ligado à Intenção, à manifestação da Intenção sobre a Terra.

O ponto IM é ligado ao Ar e o ponto IS é ligado à Água.

Aqui, você tem, à esquerda, a Ética, à direita a Integridade.

Mas você pode girar esta Cruz em 90º.
Portanto, não fixe as coisas.

De qualquer modo, as Estrelas, mesmo se os pontos são pontos de Vibração que foram atribuídos, mas, como vocês começam a perceber, tudo isso gira.

E os pontos AL vibram ainda aqui, mas alguns o sentem aqui, não é?, devido à reversão.

Do mesmo modo, há uma alquimia que se cria ao nível dessas 12 Estrelas, porque fala-se de Coroa Radiante da cabeça.

Ao nível do Coração, será a mesma coisa.
Há pontos periféricos que estão nas costas, que vão se alquimizar juntos.

Portanto, não fixe as coisas.
O ponto AL é a focalização da Atenção, mas isso pode ser também a Ética, ou seja, o que vai guiá-los.

Tudo depende do que vocês chamam Ética, Integridade e o lugar onde vocês se colocam.

Se, para vocês, a Ética é seu primeiro movimento [primum movens], digamos, quer dizer, sua primeira Intenção, se querem, consciente, o ponto Ética vai se deslocar sobre o ponto AL.

Aí está como isso funciona.
E, naquele momento, o que vai acontecer?
Vocês não têm 90º, vocês têm uma transmutação que se faz.

Vocês têm, naquele momento, Ética aqui, Integridade sobre OD, Ética, portanto sobre AL e, naquele momento, a Atenção vem sobre IM e a Intenção vem sobre IS. Não são os elementos que mudaram de lugar, mas os atributos dos elementos, ligados aos 4 Pilares, que se modificam.

Questão: A que corresponde o fato de sentir, de modo intermitente, sensações de calor ao nível do sacrum?

É normal.
No que concerne ao sacrum, é o Fogo da Terra.

Ora, há ondas telúricas e circulações enormes que se produzem, nesse momento mesmo, ao nível do magma. Há uma redistribuição do magma Terrestre que está ligada ao basculamento dos pólos, que se vê através dos movimentos das grandes placas tectônicas de todo o planeta, que estão se movendo.

Em momentos precisos, vocês vão se aperceber que o sacrum se põe a Vibrar, a aquecer muito forte, mas que não é constante e que vocês não têm a mesma ação como a que vocês podem ter em seu próprio Coração ou na Coroa Radiante da cabeça, ao nível do sacrum.

Lembrem-se de que vocês foram conectados, desde pouco tempo, devido à liberação do núcleo cristalino Terrestre, vocês estão reconectados ao núcleo cristalino Terrestre, ao que se chamam as raízes Intraterrestres, de maneira Vibratória e bem real.

E, portanto, vocês estão sujeitos às Vibrações da Terra e ao movimento do magma da Terra, quando outras cadeias de vulcões vão se reacender.

Naquele momento, vocês sentirão também, ao nível de suas costas, essas pressões de Fogo, porque, pelo sacrum, vocês são religados também às suas raízes Intraterrestres pelos pés, mas vocês são, sobretudo, religados à circulação do magma ao nível da Terra.

Portanto, é perfeitamente lógico.
É muito mais fácil dirigir, pela Atenção, a Coroa Radiante da cabeça e do Coração, para aqueles que a percebem, do que ao nível do sacrum.

Mas vocês podem também agir sobre isso, quer dizer, por exemplo, se seu sacrum se torna demasiado caloroso e demasiado quente, pode-se também, atenção aí, despertar tudo o que não foi resolvido ao nível do 1º chacra, ou seja, tudo o que está ligado à esfera sexual, ao desejo, à sensualidade.

Eu não falo do amor entre os seres, mas eu falo verdadeiramente de despertar de forças do Kundalini, que não conseguem subir, com sonhos bizarros, sonhos de orgias, sonhos de orgasmos espontâneos, mesmo simplesmente, mas que traduzem unicamente um desequilíbrio naquele nível, hein!

Aí, naquele momento, isso quer dizer que o estase, ao nível do sacrum, é muito demasiadamente importante.

Portanto, vocês podem perfeitamente, aí também, se deitar sobre as costas, ou seja, colocar-se na pressão sobre as costas, focalizar sua Atenção sobre o sacrum e pedir à Luz Vibral para fazer voltar a subir esta energia para o Coração.

E aí, isso obedecerá, sobretudo nos momentos em que está muito forte.

Questão: Sinto o sacrum de maneira dolorosa e a dor desce igualmente ao nível das pernas. Por que?

Perfeitamente.
Quando não consegue subir, desce.
Isso se chama as fugas de Kundalini.
É necessário fechar a torneira de baixo e abrir a torneira de cima.

Do mesmo modo que poderia ali haver resistências ligadas ao medo ou à abertura ao nível do Coração, ao nível do sacrum, é certo número de resistências que toca ao que se chama o 1º chacra.

Não é unicamente a sexualidade, pode ser também o apego ao seu próprio corpo de carbono. Portanto, aí, é preciso fazer o que eu disse com relação ao trabalho no sacrum e também focalizar a atenção, a consciência, sobre o chacra do Coração, cada vez mais.

Isso permitirá fechar a torneira de baixo e voltar a subir para o Coração.

Não é um bloqueio.
É, se quer, período de depuração que você vive.
Mas é preciso estar bem consciente disso e não deixar se tomar por impulsos, quaisquer que sejam.

Questão: Na meditação, sinto por vezes impaciências nos membros, que me incitam a levantar. A que isso corresponde?

Então, cara amiga, a partir do momento em que os espaços de meditação podem desembocar em fenômenos ao nível dos membros, sejam sensações de atrito ao nível dos tornozelos, os laços, para impedi-los de decolar, sejam sentimentos de dormência ou de Vibrações nos membros ou seja, como você descreve, fenômenos de impaciência, de necessidade de se mover, isso apenas faz traduzir um período de ajuste às energias e também, do mesmo modo, que os laços que estão bloqueados, o fato de não ter o direito de decolar pelo momento, lamento.

Isso significa que, nesse caso, será melhor continuar a meditação?

Sim, completamente.
Não há obstrução.

Mas, simplesmente, você não terá o direito de decolar, você não teve ainda o visto.

O passaporte está aí, mas é preciso o visto também.
Eu posso vender-lhe um visto (risos).

O que você chama um «visto»?
Oh, o que eu chamo o visto, é que não é o momento.
Quer dizer que, como nós o dissemos frequentemente, e nós somos muitos a dizê-lo, que vocês estão verdadeiramente no limite do ponto de ruptura do equilíbrio do carbono, quer dizer, da matriz.

Mas vocês devem esperar a Terra, e vocês devem esperar alguns de seus Irmãos e Irmãs. Todo o trabalho que vocês fazem, cada dia que passa doravante, é importante, porque ele permite à Luz se efusionar, cada vez mais, em seu ambiente e no conjunto do planeta.

E nós esperamos, e vocês devem esperar também, sem serem os salvadores, compreender que, quanto mais os humanos estiverem prontos para fazer essa viagem para a Existência, melhor isso valerá para todo o mundo.

Aí está, portanto, seu trabalho pelo momento, ele é aqui.
Sem isso, se seu trabalho não fosse aqui, vocês teriam já partido, não é?

O visto é isso.

Questão: Qual é a melhor atitude a ter durante a meditação de 19h [16h no horário de Brasília]?

Fazer o que lhes é pedido, nada mais.
Esta questão é interessante, porque ela chama outra resposta também.

Lembrem-se de que a Merkabah interdimensional é o que acontece atualmente sobre a Terra, é a penetração dos espaços interdimensionais, quer dizer que, no Espírito, mesmo se o corpo está ainda aí, ao nível de sua Consciência, vocês não estão mais limitados por um fator temporal.

Façam o ensaio, por exemplo, às 2 da manhã ou às 5 da tarde, de se dizerem: «eu me ligo à Vibração da meditação de 19h». E vocês verão que terão exatamente o mesmo efeito do que quando vocês são sincrônicos.

Isso é algo que é muito importante a apreender, porque vai se tornar cada vez mais verdadeiro.

Vocês têm a possibilidade, como estão religados a esta Merkabah e às Dimensões supralumínicas, não é?, às partículas Adamantinas, vocês escapam, já, ao nível da Consciência, da linearidade do tempo. Por exemplo, muitos seres humanos fazem hoje os Casamentos Celestes e se juntam a vocês, e vivem a mesma coisa que vocês viveram, em tempo real, naquele momento.

Porque vocês saíram do tempo.
Portanto, se vocês não têm tempo de fazê-lo às 19h [16h no horário de Brasília], vocês devem apenas colocar sua 19h em outra hora.

Isso alimentará, do mesmo modo, a Merkabah interdimensional coletiva e isso os alimentará também, do mesmo modo.

A energia que vocês constroem doravante com a Merkabah interdimensional coletiva não é cumulativa, mas, a cada vez, há partículas Adamantinas que vêm se agregar nesta Merkabah interdimensional, mas que são chamadas também sobre a Terra.

Elas estão na periferia, no Éter, ao nível da magnetosfera e ao nível, mesmo, da ionosfera.

Quando vocês fazem esse trabalho de conexão das Estrelas ou do Triângulo Tri-Unitário, se vocês o sentem, vocês chamam, literalmente, essas partículas Adamantinas.

Vocês as chamam para vocês, mas vocês as colocam à disposição dos seres humanos que estão no caminho.

Portanto, não é um papel de salvador, é o verdadeiro trabalho da Luz. Mas vocês não estão limitados pelo horário de 19h [16h em Brasília].

Questão: O trabalho da Luz seria facilitado se puséssemos menos questões?

Totalmente.
É preciso compreender uma coisa, eu já disse, mas creio que é importante.

Muitas pessoas podem se colocar a questão: «mas por que tantas questões?».

A questão é um meio, se querem, de ir além da questão e dar respostas que não lhes concernem, a vocês, aqui, mas talvez a dezenas de milhares de outras pessoas em outros lugares.

Isso é importante.
Porque, por exemplo, se você está completamente só em seu canto, nos extremos remotos de não sei qual país e você tem Vibrações, você não sabe o que é.

Você vai ser dirigido para compreender o que você vive.

Nada acontece, jamais, por acaso.
Há 25 anos, quando os primeiros seres começaram a viver a mutação em curso, quando as novas frequências justamente começaram a se ativar, em agosto de 1984, os primeiros seres que começaram a ter dores de cabeça, zumbidos nos ouvidos, o que eles fizeram?

Eles foram ao médico.
Eles criam ter tumores na cabeça.
E para aqueles que eram espirituais, eles pensavam estar subjugados ou possuídos.

Mas, hoje, todo o mundo sabe o que significam esses sintomas.

Em todo caso, eu espero, entre as pessoas ligadas.
E há pessoas que continuam a vivê-los, sem saber o que é.

E bem, tanto melhor para elas.
Talvez elas não necessitem de resposta.
Não é a resposta que dá a Ascensão, hein, não é a compreensão, nós sempre dissemos isso.

É a Vibração.

Questão: Por que erro frequentemente de caminho, dando-me conta bem mais tarde?

Isso está ligado à transformação do funcionamento de seu cérebro, que é, ele também, bem real.

Vocês sabem que o cérebro humano e os comportamentos humanos estão diretamente em ressonância com o que acontece sobre a Terra e no Sol.

Dado que o Sol se modificou, dado que a frequência de ressonância de Schumann se modificou profundamente sobre a Terra e que ela tende para um campo zero, seu cérebro segue o movimento e, portanto, vocês vão se aperceber que se tornarão «doidinhos» («neuneu»).

Não é a velhice, é um modo de transformação da Consciência em que vocês podem permanecer (vocês vão se aperceber, se é que já não é o caso) horas no mesmo lugar sem nada fazer e vocês têm a impressão de que permaneceram 5 minutos e um tempo louco passou. E às vezes, vocês dirigem, vocês entram em vocês e vocês se reencontram talvez a 100Km após o destino.

Do mesmo modo, seus comportamentos se modificam.
Vocês não podem mais olhar a televisão (enfim, eu espero para vocês), vocês não podem mais ler etc.etc.

E, em contrapartida, vocês têm acesso a outras informações, mas isso é a multidimensionalidade da Consciência, onde o cérebro e, sobretudo desde menos de um mês, onde a irradiação do Sol não passa mais diretamente pela cabeça, mas chega diretamente ao Coração.

Isso faz uma grande mudança para o funcionamento do cérebro, e é apenas o início, vocês não viram nada.

O dia em que vocês souberem mais, como vocês dizem, isso quer dizer que vocês passam na Existência.

Questão: O mental pode falsificar as sensações que se pode receber?

O mental não, mas emoções sim.
E, aliás, é a grande armadilha do que se chamam de energias Luciferianas.

As energias Luciferianas são percepções energéticas reais, que evoluem num modo profundamente diferente das energias Supramentais.

Em resumo, há um tipo de energia que se chamam as energias eletromagnéticas ou magnéticas, etéreas e há as energias que se chamam Supramentais.

O mental dificilmente tem acesso à energia.
O emocional, extremamente facilmente.

Quer dizer que basta, para um ser humano, desencadear uma emoção (e vocês conhecem todos isso) para sentir uma energia.

Por exemplo, vocês se apaixonam.
O que acontece?
Vocês se arrepiam.

Será que é o Supramental?
Não, são suas emoções.
Isso está ligado ao complexo físico-etéreo inferior.

O mental nada tem a ver com isso.
Mesmo se é o que vocês poderiam chamar, não sei, uma alma irmã, uma chama gêmea ou um reencontro mega-cósmico.

Isso permanece e residirá sempre do astral, ou seja, energias eletromagnéticas que dão uma característica de energia específica, que pode circular rapidamente, que dá uma corrente de ar.

É por isso que jamais nós empregamos a palavra energia, nós escolhemos a palavra Vibração ou Luz Vibral, porque as características são profundamente diferentes.

Então, muitos seres humanos se deixaram embarcar pelas energias ditas eletromagnéticas da qual participam, vocês compreenderam, as energias sexuais, da qual participam as energias da sedução, da qual participam as energias das emoções.

A energia Supramental nada tem a ver e nada tem a fazer, e não pode ser comparada de modo algum à energia emocional.

Dois mundos totalmente diferentes.

O que é a emoção ?
É o que põe em movimento, é uma reação.
A emoção está ligada ao Fogo por atrito, ou seja, à ação/reação, lei de ação/reação, lei da matriz.

O Supramental é uma energia que Vibra ao nível Supramental, é uma Vibração e ela se traduz pelo acesso a níveis de Consciência profundamente diferentes.

Se, agora, uma energia Supramental lhes dá vontade de ter uma relação sexual, não é a energia

Supramental, certamente não.
É preciso efetivamente fazer a diferença.
Todas as escolas iniciáticas Luciferianas são baseadas nisso, na energia.

Ao que está ligado o 3º olho?
Vocês sabem que os chacras estão ligados 2 a 2.

O primeiro chacra está ligado ao 4º chacra.
O 2º chacra está ligado ao 5º chacra.

E ao que está ligado o 3º olho?
Ao plexo solar, às emoções.

Ao que está ligado o Coração?
Ao 7º chacra.

Portanto, à Coroa na Coroa do 4º ao 7º, é normal.
E a Coroa do 3º olho Luciferiano, no 3º chacra, é também normal.

Vocês têm a distinção fundamental entre o que é da ordem do Supramental e o que é da ordem do emocional, chamada também de Prometéica ou Luciferiana.

A sede das emoções é o fígado.
O mito de Prometeu, eu os engajo a reler, é a águia que vem comer o fígado todas as noites e que obriga o corpo e o fígado a se reconstituírem energeticamente.

É o mundo da matriz, que os impede de ascender ao Coração. A passagem do ego ao Coração se faz pela Porta Estreita.

É a Crucificação.
É o final da Ilusão Luciferiana, é não mais estar no olho do 3º olho, mas estar na Coroa de Glória e da Redenção.

É Vibrar pelo Coração e não mais pelo ego.
Vocês veem porque chamamos a isso Vibração ou Luz Vibral?

Não é mais a energia, no sentido em que vocês entendem, ao nível humano.

Nada tem a ver.
E muitos seres se fazem ainda enganar por essas energias ditas espirituais Luciferianas.

Tanto que falarão a vocês de abertura do 3º olho.
O 3º olho é uma falsificação da Coroa.

Olhem, mesmo nos textos Védicos, mesmo na época de Patanjali, os Yoga Sutras, os textos os mais autênticos, eles falam de duas pétalas de Ajna chacra, certo?

Ora, vocês não acham bizarro que todos os chacras giram em círculo, mas aquele, ele não gira, apenas faz duas pequenas faixas?

Bem, evidentemente, uma vez que foi falsificado.

Agora ele gira, ele está restabelecido.
Vocês veem a diferença?

E mesmo nas tradições, vocês foram fechados na Ilusão Luciferiana. Então, as forças espirituais ilusórias tiveram bonito jogo de ativar o 3º olho e muitas escolas iniciáticas falam do 3º olho.

Mas o 3º olho não é espiritual, ele é Luciferiano, uma vez que é limitado pelo Bem e o Mal, o que vocês chamam de julgamento e de discernimento.

Portanto, energia eletromagnética e energia dita astral, de um lado.

Do outro lado, outra gama de frequências e de luz.
Num caso, é a luz da emoção, é a luz do prana, é a luz da sedução da vida (sem lado negativo nessa palavra, hein, eu entendo efetivamente, sedução, seduzir, isso quer dizer atrair).

E, do outro lado, liberação.
Não atração e gravidade, não ação/reação, mas ação de Graça, Luz Vibral, liberação, Alegria (e não prazer).

E todas as palavras que nós escolhemos juntos, ao nível dos Melquisedeques (a noção de Luz Adamantina, a noção de Luz Vibral, a noção de Existência), todas essas palavras foram escolhidas com extrema vigilância, porque elas são portadoras, como vocês sabem, de uma energia.

E nos poderíamos ir muito longe com isso.

Questão: Todos me dizem que eu não estou suficientemente ancorada.

Então, cara amiga, não ouça jamais os conselheiros.

Há seres que vão dizer que você não está ancorada.

Por que?
Porque eles estão na materialidade ou eles têm medo de que você decole.

São as teorias «new age» de dizer: «precisa estar ancorado».

Mas vocês estão ancorados, uma vez que estão aí, não?

Isso quer dizer o que?
Recoloque um pouco as coisas no seu contexto.

Qualquer um que faz tratamentos vai dizer: «você não está ancorado», e vai querer ancorá-lo com as técnicas X ou Y.

Alguém que não está ancorado é alguém que delira.
Mas você, se você vive estados multidimensionais, isso quer dizer o que?

Que você está ancorado numa outra realidade, que não é a ancoragem do 1º chacra, mas a ancoragem ao nível do que se chama o Intraterra.

Em nome de que esta ancoragem no Intraterra, que lhe dá o impulso para Ascensionar, não é uma ancoragem?

É uma ancoragem em outra Dimensão.
Agora, efetivamente, se você fosse incapaz, inteiramente, de efetuar suas ações cotidianas, poder-se-ia falar de ancoragem.

Quando eu digo que os conselheiros não são os pagadores, é que frequentemente as pessoas que lhe dizem isso são pessoas que têm medo, justamente, das outras Dimensões.

Simplesmente.
Se vocês estão aí, é que vocês estão ancorados.
E eu falo tanto do corpo como psicologicamente, quando vocês vivem os processos energéticos que vocês vivem.

Então, obviamente, aqueles que não os vivem e que estão na espiritualidade Luciferiana, vão sistematicamente lhes dizer que vocês deliram, ou que vocês não estão ancorados, ou que vocês estão no ego, é a moda.

Questão: Eu sinto, mas não consigo visualizar.

Cara amiga, a visualização é o que?
Eu sei que na «new age» fala-se muito de «visualização», de visualizar tal Mestre, visualizar a Luz, visualizar a Chama Violeta, a Chama Turquesa, a Chama Vermelha etc.

O que é que a visualização, que era, há ainda 10, 20 anos, considerada como o auge da espiritualidade, não é?

É a Ilusão Luciferiana.
No Coração, não há necessidade de visualizar.
Há o conhecimento direto.

A visualização de olhos fechados recorre ao 3º olho e, portanto, a Lúcifer.

Nada mais, nada menos.
Portanto, é preciso agradecer não visualizar.

Você é preservada de um grande perigo.
E não gracejo, de modo algum.

A atividade de visualização utilizada nas técnicas (que, aliás, depois de tudo, podem ser muito eficazes) está ligada à Dualidade e a Lúcifer, a ninguém mais.

Será que, quando vocês estão nas Dimensões Unificadas, no corpo de Existência, vocês têm olhos?

Não.
E, no entanto, vocês veem tudo.
Como é que vocês veem?
Pelo Coração.

Portanto, falar de visualização, hoje, com o que nós lhes desvendamos e colocamos em ligação ao nível Vibratório, com vices, é preciso bem compreender que é uma vantagem não visualizar.

A visualização está ligada ao 3º olho e a nada mais.
E certamente não ao Coração.

Portanto é preciso, sobretudo, não aprender.
E se vocês sabem fazer, vocês devem desaprender.

Questão: Quando se percebe muitas coisas ao nível do Coração, mas não na cabeça, é um sinal de desequilíbrio?

Não, é um sinal de realização.

Questão: Ontem, após as efusões Vibratórias, tive vertigens, ao mesmo tempo me sentindo muito bem. A que isso corresponde?

As vertigens estão ligadas à hiper-rotação dos chacras do Coração e da cabeça.

O reajustamento às energias Vibrais, as modificações de percepção ligadas às vertigens, que muitos de vocês podem sentir, não estão ligadas ao basculamento dos pólos, pelo momento.

Elas estão ligadas ao basculamento de algumas estruturas existentes ao nível de seu cérebro e uma redistribuição da energia elétrica ao nível de, como eles chamam isso..., ao nível do ouvido interno.

Os canais semi-circulares, que são responsáveis pelo equilíbrio ao nível do ouvido interno, modificam-se muito profundamente, uma vez que há sons que são ouvidos, que são ligados à construção do Antakarana, as Cordas Celestes, que modificam, com isso, as estruturas Vibratórias reais, nos níveis neurológicos, nos diferentes setores do cérebro.

Portanto, as vertigens podem ser efetivamente bastante frequentes, assim como uma alteração de percepção de seus próprios campos, a impressão se ser maior, de se bater (tropeçar) ou a impressão de ser menor.

Todas essas variações são normais.

Questão: Quando as Vibrações do Coração se acompanham de visões, é melhor fugir delas?

Não, cara amiga.
Não deve confundir visualização (a visão do 3º olho) e a verdadeira visão desencadeada pelo Coração.

Vocês têm a explicação que foi dada, maravilhosamente, por uma das Estrelas de Maria, que é No-Eyes, que corresponde à Visão. [*]

***
[*] http://despertardaluzinterior.blogspot.com/2010/08/no-eyes-7-de-agosto.html

A verdadeira Visão não está ligada ao 3º olho, ela está ligada ao ponto que está atrás e está ligada ao Coração, é claro.

Não é de modo algum a mesma coisa que o fato de ver ou projetar uma visualização pelo 3º olho.

Portanto, é efetivamente ligada ao Coração e à ativação do ponto Visão.

Lembrem-se.
Frequentemente a palavra foi deturpada.

Para o 3º olho fala-se de clarividência.
Mas isso não pode ser a clarividência, o 3º olho.

A clarividência está ligada à Visão e à Clareza, que nada tem a ver com um ponto que não existe, que está ao centro de Bem/Mal.

Eventualmente poder-se-ia chamar julgamento e mesmo não discernimento, porque o 3º olho passa seu tempo a julgar em bem e em mal. É o que se chama a vontade de bem, aliás, amplamente utilizada pelas escolas iniciáticas Luciferianas.

Portanto, a verdadeira Visão é uma Visão cardíaca, ligada ao ponto Visão e ao ponto Clareza, que dão Clari-Visão.

E não ligada ao 3º olho.

Não temos mais perguntas, nós agradecemos.

Então, caros amigos, estou muito contente por ter podido acolher tantas questões.

Quanto a mim, eu lhes transmito todo meu Amor e todas as minhas bênçãos e eu espero revê-los em breve.

Fiquem no melhor possível do mundo.

Até breve.

________________________________
Compartilhamos essas informações em toda sua transparência. Agradecemos em fazer o mesmo, se as divulgarem, reproduzindo integralmente este texto e informando sua fonte: www.autresdimensions.com
Versão do francês para o português: Célia G. - http://leiturasdaluz.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário