domingo, 31 de janeiro de 2010

ANAEL - 30 de janeiro

30 de janeiro de 2010

do SITE AUTRES DIMENSIONS


Questão: O triângulo das Bermudas é uma Porta?

Bem amado, existe, na superfície deste planeta, como em seu interior e também em seu exterior, um certo número de estruturas chamadas Vibratórias.

Essas estruturas Vibratórias podem ser portas, portais, peneiras, vórtices, ou ainda « Stargates », Portas de Estrelas.

Existem de diferentes naturezas.
Algumas permitem ascender e viajar nesta matriz, elas mesmas utilizadas desde extremamente muito tempo por aqueles que foram chamados os Arcontes.

Existe também, devido mesmo à nossa ação, ou seja, os Arcanjos, a criação de um certo número de portas novas em sua estrutura, do mesmo modo que estamos criando atualmente, com a ajuda da Confederação Intergaláctica, no Sol e em seu ambiente próximo, um certo número de Portas de Estrelas que nos permitem retificar, literalmente, a matriz na qual vocês estão e lhe permitir novamente ser alimentada pela Luz.

Assim, portanto, existem muito numerosas Portas.
Aquela de que você fala foi, efetivamente, uma Porta, num passado remoto, ligado à Atlântida. Essas portas evoluem no tempo, quer sejam inscritas na matéria (como nas pirâmides), quer sejam suspensas no ar ou estejam no intraterrestre.

Portas, Portais, « Stargates » e um certo número de estruturas permitem hoje verificar, por vocês mesmos, que as modificações Vibratórias em curso sobre este planeta, obviamente, nada tem a ver com o que, como vocês dizem, o que lhes « martela » ao longo do dia e chamada mudança climática.

Há uma perturbação, uma transformação essencial que está em curso nesta humanidade, como no conjunto do sistema Solar. Assim, portanto, convém acolher em vocês essas modificações porque, lembrem-se que essas modificações exteriores lhes concerne.

A ação que realizamos no Sol se realiza no interior de suas estruturas de Existência, porque o Sol não é nenhum outro senão o lugar onde estão estocados seus corpos eternos e seus corpos universais.

Questão: Você havia precisado, há algum tempo, que a Luz havia ganho. Pareceria que esse não seja o caso.

Obviamente que a Luz ganhou, cara amiga.
A Luz mais que ganhou mas, simplesmente, existe uma latência entre o que está no Céu e o que está sobre a Terra. Um certo número de processos teriam que chegar, como aliás lhes anunciou o Venerado Omraam Mikael Aivanhov, como o desabamento do sistema financeiro. Esse sistema financeiro está definitivamente desabado mas, entretanto, ele prossegue sua rota como se nada fosse durante um certo tempo. Isso ilustra, para nós e para vocês, a dificuldade inerente entre o que acontece no Céu e o prazo de tempo (delay) do que deve chegar sobre a Terra.

A Luz ganhou porque, ao nível dos mundos interestelares, ao nível da Confederação Intergaláctica, as oposições ligadas a esses maus rapazes não podem mais existir. Entretanto, ao nível de seu mundo de superfície, existe um certo número de forças que estão ainda no trabalho, obviamente.

Elas não estão totalmente dissolvidas pela Luz, ainda não.

Questão: Isso não seria para pessoas que estão « na Luz » ou num caminho de Luz combaterem esse gênero de coisas?

Bem amado, nada há a combater, há simplesmente que Ser.
As forças que criaram esta matriz gostariam apenas de uma única coisa: é que vocês entrassem no combate, Sombra/Luz.

A Luz não combate jamais.
O Arcanjo Miguel combate, tal como isso foi dito.
Foi-lhes dito, no ano passado, em inúmeras vezes, mas seu papel era Ser. Quando você É, você combate mas sem utilizar as energias que correspondem a esse nível de realidade.

O combate bem/mal, a força de antagonismo e as forças eletromagnéticas que vocês conhecem são aquelas que, justamente, permitiram a instalação desta matriz. Desfazer a matriz necessita situar seu combate além da dualidade do bem e do mal. O combate que vocês devem conduzir é um combate interior entre personalidade e Existência, a fim de estabelecer, em vocês, a Luz e a Existência.

A partir do momento em que você irradia a Luz, a Luz age por sua Inteligência própria. O abandono à Luz, de que me exprimi largamente no ano passado, é algo que lhes permite vencer sem combater, simplesmente pela Presença em vocês mesmos e a Presença em sua Radiação. Não há outra solução.

A partir do momento em que vocês entram num combate, em que vocês lutam contra o mal, vocês participam, de uma maneira ou de outra, da matriz. Vocês são obrigados a superar o estágio bem/mal e da oposição bem/mal para entrar na Unidade. Não há outra possibilidade.

O que quer dizer que, enquanto vocês conceberem o combate da Sombra contra a Luz, ou da Luz contra a Sombra, por um afluxo de Luz de uma pessoa ou de um grupo social, vocês mantêm, de maneira indefinida, a dualidade.

Jamais vocês sairão da dualidade pelo combate.
O combate concerne à forças de oposição presentes neste Universo e, em particular, nesse setor do Universo ligado à falsificação da Luz, criada, há extremamente muito tempo, pelos Arcontes.

O único combate é um combate interior: crescer em Luz permite à Luz lhes investir e manifestar-se cada vez mais. É apenas a partir desse momento que vocês compreenderão a finalidade do bem e do mal, tal como foi enunciado por todas as correntes, eu diria, religiosas, deste planeta.

Vocês estão numa matriz.
O único objetivo desta matriz é perdurar.
A única maneira que ela tem de perdurar é lhes fazer crer que é preciso combater: bem contra mal e mal contra bem.

As leis do carma tal como foram editadas, não pelos Senhores do Carma, assim como eles foram chamados, mas bem mais pelos Arcontes, lhes fazem crer que na força de estar no bem vocês chegarão a vencer o mal mas, se isso fosse verdade, a humanidade toda ou a maior parte dela estaria já liberada desta matriz.

Olhem as forças ligadas àquelas que quiseram impor a Luz.
A Luz não se impõe.
A Luz se vive.

A Luz não combate a Sombra.
A Luz se instala e, por sua Presença e sua Radiação, dissolve a sombra. Não é a mesma coisa que dirigir a Luz contra a Sombra.

A primeira diligência é uma diligência Unitária.
A segunda, uma diligência de dualidade que mantém, portanto, esse mundo de dualidade.

Questão: Quando praticamos o protocolo de 19h à 19h30 – horário francês (nota: « reunificação das Radiações no Templo Interior » encontrado na rubrica « protocolos a praticar » em nosso site), a que corresponde o fato de sentir diante do rosto uma corrente de ar fresco e como um peso na orelha esquerda?

Isso corresponde a fases de ativação bem precisas.
Quando do alinhamento com a Radiação da Tripla Unidade reunida em uma só (Radiação do Espírito Santo, Radiação da Fonte e do Ultravioleta retransmitido pelos Arcanjos e o Conclave dos 24 Anciãos), há, em suas manifestações, presenças Vibratórias extremamente precisas.

Elas são muito numerosas.
Não me estenderei sobre sua descrição, mas tudo o que é vivido naquele momento corresponde à instalação do Fogo do Coração. Alguns vão começar a sentir pressões no peito, antes de manifestar correntes de ar no rosto ou calor na frente do rosto, acompanhados de diversos sons ou diversas pressões nas orelhas mas também sensações de queimaduras ou de Vibrações na Coroa da cabeça ou na Coroa do Coração.

Isso apenas traduz a ativação, em vocês, dos processos ligados ao Fogo do Coração e ao Fogo do Amor.

Questão: Atingir a Existência pode ser sinônimo de se sentir como em harmonia, da manhã à noite e a impressão de que nada existe?

Sim, a Existência, caro amigo, afirma isso em Si.
Há uma Presença a si mesmo mas também uma presença no mundo, mas destacado do mundo, ilustrando, com isso, a parábola de Cristo: « vocês estão nesse mundo mas vocês não são desse mundo".

A partir do momento em que você toca a Existência, você experimenta a Alegria, uma Alegria indizível, chamada pelos orientais, como lhes disse Sri Aurobindo: « Samadhi ». Nesse « Samadhi » você vive a harmonia com o conjunto do universo, quaisquer que sejam as provas e quaisquer que sejam as dificuldades de sua própria Vida.

Tudo é abordado com um olhar e uma Consciência nova.
A Existência se acompanha também de manifestações Vibratórias na Coroa da cabeça, da Coroa do Coração, nos ouvidos e também da capacidade de sentir a si mesmo como o todo, naqueles momentos.

Questão: É normal, depois desses períodos de harmonia, sentir-se na densidade, no peso da materialidade?

Bem amado, isso participa, de maneira evidente, da escolha a fazer entre a densidade, o peso e a leveza.

Como poderia você diferenciar os dois estados se não os experimentasse um depois do outro? O momento em que viverá isso, de maneira permanente e definitiva, será o momento em que deixar, de maneira definitiva, esta ilusão.

Questão: Durante o protocolo de 19h à 19h30 – hora francesa, sinto como um peso nos tornozelos e nos pés que me impede de decolar. Por que?

Isso é um processo de autoproteção.
Nós temos necessidade de vocês aqui, caro amigo, sobre a Terra, e não, pelo momento, lá em cima. Nós nos desembaraçamos muito bem sem vocês, pelo momento. O que quero dizer com isso é que algumas almas tem a predisposição, contatando a Existência, de escapar muito rápido desse corpo.

Ora, o que vocês tem a realizar é a ascensão mesmo nesse corpo se isso é possível e se não houvesse essas sensações, muito precisas, de peso, nos tornozelos e nos pés, bem, você já se teria se juntado a nós ha muito tempo.

Questão: Depois da meditação de 19h à 19h30 (hora francesa), sentir vibrações nas pernas e nos braços até muito tarde, pode fazer parte do mesmo processo?

Completamente.
Alguns o vivem através de sintomas extremamente precisos.
Nós acabamos de falar de pesos, ou simplesmente de ser cercada nos tornozelos, isso corresponde, provavelmente, como dizia, à necessidade de permanecer encarnado.

Para outros, há abalo, este abalo que pode surgir ao nível do corpo ou dos membros. Ele traduz uma necessidade de alívio. Aí, ao contrário, trata-se de uma necessidade de elevar ainda mais o nível Vibratório.

Existem muito numerosas modificações ocorrendo na estrutura energética e na estrutura física do ser humano quando vocês realizam esse trabalho que propusemos de 19 às 19:30h (hora francesa). As manifestações podem ser múltiplas e inumeráveis.

Elas tem todas, obviamente, uma tradução.
Não é necessário se transtornarem mas integrá-las e deixá-las se desenrolar.

Questão: Por que estar em alguns lugares me leva a arrotar ou bocejar fortemente?

Bem amada, existem, desde um certo tempo, para inúmeros seres humanos, modificações de ampliação energética. Esta modificação de ampliação energética existente no corpo etérico vai se traduzir, em momentos precisos em que você é confrontada a energias que vamos chamar « exteriores » a você, que não estão ainda em acordo com vocês mesmos, pelas manifestações de bocejamentos, arrotos e manifestações diversas, ou mesmo de sufocação, palpitações, que traduzem um fenômeno de reajustamento de sua energia expandida com a energia do lugar em que penetra.

Não deve se inquetar.
Entretanto, isso corresponde, com efeito, a uma modificação brutal existente ao nível do chacra do baço que corresponde à entrada de energias no corpo.

São fenômenos de reajustamento Vibratório.
Imagine que você está num dado estado Vibratório, em você mesma, à vontade com esta Energia e com esta Consciência, e você se encontra confrontada com lugares frequentados por muitos seres humanos e sua sensibilidade particular se exprime através do sentir energias e remanescências de muros, lugares ou pessoas, lugares que você frequenta.

Naquele momento, seu chacra do baço vai reagir.
Do mesmo modo quando eu entro no interior daquele que eu guardo, eu desencadeio fenômenos de bocejos que correspondem à modificação da distribuição energética e da modificação da Vibração mesmo do chacra do baço.

Isso é completamente normal, num sentido como no outro.

Questão: Ver fogo se manifestar em sonho é um processo ligado à Luz ou não?

O Fogo, obviamente, na tradição judeu-cristã, está assimilado ao inferno. Isso é o que quiseram lhes fazer crer os Arcontes.

O Fogo está ligado à Luz, bem mais que todos os outros elementos.
O Fogo é o agente purificador, o Fogo é o agente de Shiva, o Fogo é o agente da Luz. Portanto, toda manifestação de Fogo vai corresponder, em suas estruturas, a algo em relação com a Luz.

Questão: As crianças autistas tem a visão de coisas que nós não teríamos?

Bem amada, aqueles que você chama "crianças autistas", essas crianças fechadas na relação, no social, tem, obviamente, percepções incomuns, diríamos, ao nível da humanidade.

São seres que estão perfeitamente conscientes que evoluem num mundo falsificado de uma matriz, com um sofrimento enorme, mas, entretanto, lhes permite perceber o que vocês mesmos não percebem nesta matriz.

Eles são capazes de ver o que é da ordem da Luz e da ordem da Sombra, o que, obviamente, cria um sentimento de insegurança essencial nessas almas.

Questão: Como se faz se não há mulheres entre os 24 Anciãos?

Os 24 Anciãos são seres que foram, todos, encarnados nesta Terra e, tanto quanto possível, para a maior parte deles, desde que Cristo veio. São portadores de uma energia específica porque foram capazes, durante suas vidas e sua última vida, de tocar uma parte da Verdade.

São sobretudo seres de equidade, qualquer que seja sua proveniência, qualquer que seja (para aqueles que vocês conhecem), oriental ou ocidental, ou ainda, extremo oriental (como alguns que não se exprimiram ainda entre vocês) ou ainda de origem de países, vamos dizer, árabes.

É importante compreender que esses seres evoluem em mundos intermediários que estão muito próximos de seu mundo, de maneira a dirigir e canalizar os fluxos de Consciência e as ondas de Energia que chegam até vocês e que adaptam, de maneira precisa, as reações da Energia da Consciência com relação ao resultado produzido sobre a Terra.

Eles são homens.
Obviamente, a Consciência Unificada colocou-se ao serviço da entidade que criou esta dimensão, há tempos imemoráveis, tempo em que esta dimensão não havia ainda sido falsificada por aqueles que vieram depois e que chamei os Arcontes. Assim, portanto, a Consciência Unificada apenas pode se fazer através da emissão da Energia e controle da Energia.

Esse é o papel do homem.
O papel da mulher sendo de gerir, organizar e distribuir, de algum modo, esta Energia, papel central tido por Maria.

Questão: Existem Assembléias femininas equivalentes àquela dos 24 Anciãos?

Não existem nesta densidade na qual vocês vivem.
A Terceira Dimensão dissociada deve recorrer a uma Energia que qualificaria de masculina ou yang, se preferem.

Os Conclaves ou as Assembléias de mulheres, dado que isso lhes interessa, são, em geral, Assembléias que intervém como geneticistas e geradoras de mundos e não no salvamento de mundos como o seu.

Questão: Isso significa que há apenas homens que salvam?

As mulheres não estão lá para salvar.
As entidades do tipo feminino estão lá para criar o que é um papel bem mais importante que o fato de salvar.

Por outro lado, existe algo importante ao nível histórico.
Os Arcontes, que criaram esta Dimensão há mais de 300.000 anos, são essencialmente entidades rebeldes de natureza masculina, e não feminina.

Imaginamos difícil uma mulher se rebelar contra a Fonte.
O que é aliás o caso na superfície de seu mundo: podemos dizer que a maior parte de crimes, mesmo se existem mulheres específicas, diremos, foram cometidos por homens. Além do que já disse com relação ao polo criação e ao polo manifestação, aqueles são os dois atributos correspondentes mais à mulher.

A existência de uma polaridade, mesmo ao nível dos andrógenos, é uma realidade até a 18ª dimensão, eis que esta polaridade é aquela que « precipita », a palavra é empregada intencionalmente, a criação de mundos.

Além da 18ª dimensão, há entidades de Consciência que não podemos mais dizer que sejam masculinas, femininas, ou de polaridade Yang ou de polaridade Yin porque, naquele momento, não é mais a polaridade que intervém, mas uma noção muito complexa para vocês, que é sobre seu mundo, mal representada, que eu chamaria a Trindade.

A partir da 18ª dimensão, entramos além do antromorfismo e portanto além da polaridade masculina e feminina, em manifestações que estão ligadas a uma organização Trinitária, ou seja, não mais num princípio de complementaridade ou uma forma específica, ou a dualidade, mesmo unificada, não há mais razão de se manifestar.

O lugar da mulher, ao nível desses mundos, não existe mais, dado que não há mais homens também. Esta dicotomia existe, de modo muito claro, até a 11ª dimensão. Assim que se penetra na 18ª dimensão, como os Arcanjos de que faço parte, não pode existir a polaridade masculina ou feminina. Há o que vocês chamariam, ainda que a palavra não corresponda verdadeiramente, um andrógeno, ou seja, que reunimos em nós as qualidades e as polaridades masculinas e femininas.

Apenas nesta Dimensão, e em certos mundos de quinta Dimensão, que há este aspecto tanto separado como cortado, mesmo na aparência, entre um homem e uma mulher.

Questão: O que é um ser « cristal » e o que é um ser « arco-íris »?

Então, de acordo com a dimensão estelar de origem, de acordo com seu mundo Dimensional de origem, você coloca, se assim podemos falar, um corpo específico.

Esse corpo pode ser de Luz, pode ser de cristal, pode ser arco-íris, pode ser de diamente, pode ser da civilização dos Triângulos, pode ser simplesmente, enfim, uma esfera e pode ser um tubo de Luz como o Arcanjo Metatron. Cada forma corresponde a um limite da Consciência ao nível onde ela se situa, mas este limite não é uma barreira, é, obviamente, liberável.

Então, existe uma diferença Vibratória, essencialmente.
Quando eu falo, por exemplo, de um corpo de cristal, é um corpo que pertence à linhagem dos Elohim que existem na 11ª dimensão.

Um corpo de diamante pertence ao mundo dos mais etéreos da 18ª dimensão, dado que representa o limite da manifestação antropomórfica.

Os Arcanjos, como sabem, tem uma representação antropomórfica tal como foi imaginado em sua tradição, quer seja judeu-cristã ou extremo oriental. Entretanto, é preciso bem compreender que os Arcanjos nada tem a ver com esta forma antropomórfica, mesmo se, por vezes, nós nos apresentemos sob forma antropomórfica àqueles que contatamos. Nós estamos bem além desse limite, estamos bem além dessa configuração anatômica, mesmo a mais angélica, tal como vocês possam concebê-la ou desenhá-la.

Existem corpos precisos, de acordo com as Dimensões que vocês penetram, ou que encontram, que vibram de diferentes modos, cuja dimensão é diferente e cuja estrutura também é diferente. Quando falamos de mundo material e imaterial, é preciso bem compreender que o que, para vocês, é imaterial, é, para nós, extremamente material. Há a mesma diferença, se quero raciocinar e exprimir isso por analogia, entre o que vocês vivem na 3ª dimensão e o mundo de 5ª dimensão que lhes aparece como imaterial, que lhes aparece como outro lugar ou como diferente.

Do mesmo modo entre a 11ª e a 18ª dimensões existe, não barreiras, dado que nos comunicamos, mas diferenças de densidade e de estruturas e de composições e de formas. Assim, se tomo o exemplo dos corpos de 11ª dimensão, corpos de cristal, estes são à base sílica. Há corpos específicos que foram criados nas civilizações e nas constelações que nada tem a ver com a sua, que foram corpos à base de ouro monoatômico.

Este ouro monoatômico é o constituinte essencial.
Vocês, seu constituinte essencial, nesta densidade, fora a água certamente, é, antes de tudo, o carbono. No que concerne aos seres de Fogo, de Cristal, sua base é a sílica, etc... etc...

Existem inúmeras partículas e inúmeros constituintes que, para vocês, nesta densidade, são totalmente inexistentes e portanto me seria, aliás, muito difícil falar. A estrutura de um Arcanjo, por exemplo, poderia se assimilar ao que vocês chamariam, nesta densidade, mesmo se a imagem não é completamente certa, de « quarks » e de « bosons » [*].

Somos seres de Luz pura mas esta Luz pura possui um certo número de características de matéria, mesmo se esta matéria não seja matéria para vocês.

Questão: Os 3 dias de catalepsia se referem ao mundo inteiro?

Bem amado, o fenômeno chamado catalepsia ou estase, ou ainda « os três dias de trevas », corresponderá a um momento preciso da história da humanidade que alguns médiuns captaram e isso foi captado há muito tempo, há mais de um século de seu tempo Terrestre.

Isso corresponde a um processo específico onde, efetivamente, o conjunto da humanidade deve se encontrar num fenômeno de estase. Esse fenômeno de estase será concomitante com o desaparecimento total do que é chamado a magnetosfera, significando o fim inegável e final, sobre esta Terra, da dualidade.

A passagem da dualidade à Unidade acompanhar-se-á de um « switch » da Consciência, do mesmo modo que vocês o vivem, para alguns de vocês, assim como lhes explicou Sri Aurobindo, precedentemente, sobre esta noção mesmo de passagem de um nível de Consciência a um outro estado de Consciência, exceto que aí, esse « switch », a nível coletivo, durará 72 horas.

Ninguém conhece a data, ninguém conhece a hora, porque tudo se adapta e tudo muda, de hora em hora e de dia a dia, sobretudo atualmente. Lembrem-se de que o que está no Céu se manifesta na Terra mas que a latência é função de resistências existentes mesmo em sua humanidade e não mais ao nível das franjas de interferências que foram dissolvidas.

Assim, o conjunto dos 24 Anciãos e nós mesmos, Arcanjos, reajustamos permanentemente em função do que observamos sobre a Terra, os afluxos energéticos sobre o planeta e os afluxos de Consciência. Há um mecanismo extremamente preciso que está atualmente em trabalho, sobre este planeta, em que há reajustes permanentes com relação ao que vem.

O que precisamos, como lhes disse o Arcanjo Miguel, é que tenhamos o máximo de Transmissores de Luz, que tenhamos o máximo de Pilares de Luz que tenham integrado, neles, esta Luz, porque quanto mais vocês forem numerosos mais as coisas serão facilitadas.

Questão: Com relação ao que temos a viver, o lugar tem importância?

O lugar não se tornará o que vocês são, vocês é que são impotantes. Por sua presença, por sua vibração e sua Luz, vocês serão capazes de mudar todos os lugares. Mas, obviamente, há lugares que são mais propícios para a manifestação de sua Luz. É evidente que o que é o mais importante não é o lugar, mas vocês mesmos nesse lugar.

Isto dito, nós, Arcanjos, e outros aspectos da Luz, podem intervir sobre lugares para favorecê-los, privilegiá-los, desenvolvê-los, a fim de que eles sejam eficientes no que vem.

Questão: Como saber se as informações que circulam são precisas?

O importante não é isso porque eu responderei o que já respondi: o importante não é que o que seja dito seja verdadeiro ou falso, o importante é o que você faz.

O importante não é a veracidade exterior, mas a veracidade interior.

Se o que eu lhe digo faz vibrar seu Coração, então, é certo, mesmo se em si não seja justo. Do mesmo modo, o que você lê, o que enfrenta em sua Vida, vai colocá-lo frente a seus princípios de ressonância e de atração. Assim, portanto, se você pensa mal, apenas lhe chegará o mal, se você pensa na Sombra, a Sombra manifestar-se-á.

Se você pensa em Deus, você verá Deus por toda parte.
Assim é feito o cérebro humano, mas o cérebro não é o Coração. Assim, portanto, o aspecto discriminante que existe no cérebro nada tem a ver com o que pode acontecer no Coração, porque o Coração não depende de vocês mesmos e absolutamente não do exterior.

Enquanto você adotar um olhar exterior para saber quem é quem e quem é o que, você não estará em você mesmo mas no exterior de você mesmo, porque a única resposta é interior e não exterior.

Questão: Se o carma é Ilusão, qual é então nosso futuro depois da morte física?

Bem amado, a boa nova é que não há mais morte física.
A morte física se acompanhava de um esquecimento e de um retorno em uma nova forma, chamada reencarnação.

Isso, hoje, está irremediavelmente terminado.
As almas que deixam esses corpos, atualmente, são colocadas em estados Vibratórios específicos. Elas não tem mais a necessidade, nem a obrigação, de se encarnar. Aqueles que se encarnam hoje, em maior número, não são reencarnações, mas são almas novas que vem experimentar o final de um sistema.

O carma é, efetivamente, uma Ilusão criada a partir do zero pelos Arcontes, a fim de fechá-los num sistema, a fim de prendê-los, literalmente, e obrigá-los a fazer o que vocês não querem fazer, de acordo com um princípio de livre-arbítrio e segundo um princípio de bem/mal que não existe senão na imaginação bem particular de algumas raças que os fecharam aqui.

O carma, a Lei de ação/reação, é, de todo modo, extremamente mal compreendido, mesmo na matriz, pelas pessoas que estão e que vivem no Ocidente. Jamais o carma, mesmo criado por esta matriz, disse que vocês deviam enfrentar as consequências de suas ações nos séculos e séculos e em suas encarnações. Entretanto, o ocidental, evoluindo geralmente na ação/reação, por sua predominância do mental (o mental evoluindo também segundo o modo de ação/reação) apressou-se em ali colocar esses qualificativos e esses limites que acrescentaram limites aos limites.

Mas vocês são seres ilimitados, que tem feito a experiência do limitado. Hoje, vocês devem redescobrir a experiência do ilimitado. Então, vocês devem lançar ao mar o conjunto de crenças que os guiaram até hoje.

A única responsabilidade que vocês tem é de encontrar a Luz que vocês são.

Questão: Se partimos do princípio que as almas se encarnam voluntariamente...

Quem lhe disse isso?
É o que você leu, é o que você acreditou.

Mas nunca uma alma presa pela matriz se encarna voluntariamente. Ela é obrigada a se reencarnar porque não há outra escolha. Estando isolado numa Dimensão dissociada, você não pode escapar desta dissociação.

Então, obviamente, um certo número de sistemas foi criado para lhes fazer crer que vocês podem se liberar, por seus esforços e pelo bem, realizando um certo número de ações, e escapar desta noção de carma.

O que é falso.

Questão: ... como podemos explicar a recrudescência de violência nas crianças?

Isso é extremamente simples.
A partir do momento em que você não concebe que está fechado, e que você é livre para se deslocar, você não tem qualquer cólera. Mas, quando a evolução da alma e do Espírito clareia e você percebe esta noção de fechamento...

O que acontece quando você fecha um animal num espaço restrito, que o impede de ir onde deve ir, em função do que ele é? Como ele pode manifestar sua recusa, senão pela cólera e pela violência?

A cólera e a violência fazem parte desse mundo, porque é um mundo que foi constrangido e fechado sobre si mesmo. Foi obrigado a enfrentar as leis da atração e de repulsa.

A violência é a forma extrema de repulsa.
A partir do momento em que o conjunto da Humanidade começa a perceber, de maneira muito vaga, para alguns, que há uma armadilha, que há um fechamento, que há uma manipulação e que há um erro, como você quer que a saída seja a Luz? Ele pode apenas se manifestar através da recusa e através da violência.

Apenas os Transmissores de Luz, os Pilares da Luz, aqueles que estão na busca desde um certo tempo e que estão despertos à realidade e à Verdade da Luz Unitária que são capazes de evitar a violência.

Isso, infelizmente, pelo momento, é impossível para as almas jovens, sujeitas a um certo número de estímulos, cujo único objetivo é de provocá-los à violência. Quer isso seja através da mídia, quer isso seja através do consumo, quer isso seja através dos alimentos, tudo é feito, em seu mundo, para conduzi-los, de maneira inexorável e inegável, à ação/reação.

E a forma a mais violenta da reação é, obviamente, a violência.

Questão: As iniciações Crísticas são ainda de atualidade?

A Luz Crística não é caminho.
A Luz Crística é Iluminação e transformação imediata.
Aquele que encontra o Cristo não pode mais jamais ser o mesmo.

Ele é crucificado, como o Cristo.
Não há necessidade de colocar palavras.
Ele se torna o que foi, por exemplo, um São Francisco de Assis, ou um Padre Pio, em sua Humanidade.

Esconder-se atrás de palavras como Iniciação e colocar acima de conceitos Energéticos ou Vibratórios, apenas tem muito pouco sentido.

Isso os afasta da simplicidade.
Isso os afasta da Unidade.
Tentam aproximá-los de sua Essência.
Aí, ainda recorrem a técnicas externas.

Então, obviamente, você me responderá que colocar as mãos de cada lado de seu Coração é também uma técnica (nota : referência ao último protocolo colocado em nosso site). Sim, mas esta técnica tem por objetivo religá-los ao essencial, sem frivolidade, sem iniciação, mas simplesmente estando no instante.

A finalidade não é a mesma.

Questão: Temos um papel a desempenhar enquanto humanos na preservação de Gaïa?

A resposta é ambígua, bem amada.
Gaia faz sua Ascensão.

Ela não precisa de vocês para fazê-lo.
Entretanto, vocês estão sobre esse mundo e, portanto, o acompanham, porque foram presos, como ela, nesta Ilusão. E vocês, como ela, e ela, como vocês, estão vivendo a emancipação e o final da escravidão.

Então, obviamente, vocês se suportam mutuamente e se levam mutuamente. Há portanto uma relação Vibratória, mas Gaia não precisa de sua ajuda, assim como, vocês mesmos, não tem necessidade da ajuda de Gaia, mas, entretanto, vocês participam do mesmo projeto ascencional ou de Translação Dimensional.

Questão: O que ocorre, nos planos divinos, com aqueles que chamamos os maus rapazes e aqueles que os representam nesse mundo?

Bem amada, esses seres fazem parte da Criação.
Eles vem também da Fonte, ainda que estejam afastados ainda mais que vocês. Eles devem também, retornar um dia à Fonte. Não pode haver destruição de um Espírito, qualquer que seja ele, mesmo que ele seja, em sua linguagem, o mais torcido.

Ele será corrigido um dia.
Então, não tenha qualquer inquietude.
Tudo retorna à Fonte e tudo retorna à Luz, um dia ou outro.

Questão: Quem são eles?

Eles são uma parte de você mesmo.
Eles são a parte de Sombra em você que permitiu sua manifestação, que permitiu sua ação. Eles são o que você não conseguiu transcender você mesmo hoje, não no plano histórico e original, mas unicamente nas condições de hoje.

Eles são seres que nada tem de humano.
Eles tem a forma, a aparência, mas, entretanto, não são humanos, no sentido em que vocês entendem. Eles também não são diabos, ainda que gostem de se chamar assim, Diabo, Deus, Arconte, Mestre absoluto.

Eles são decorados com enfeites.
Eles se adornam com coisas falaciosas e os guiam e esperam conduzi-los, como uma manada, para onde querem conduzi-los.

Eles não podem conceber que o humano possa ser autônomo e soberano por si. Eles são seres que não concebem a Vida senão sob uma forma de dominação, sob uma forma de poder exercido sobre o outro e não sobre si mesmo, embora eles sejam, numa medida relativa, Mestres deles mesmos, porque eles evoluem desde bem mais tempo que vocês nos mundos da encarnação e da densidade terceira unificada, como dissociada. Eles são portanto seres que não pertencem a esse sistema Solar, assim como vocês, geralmente não pertencem a esse sistema solar.

Eles tem uma origem segundo constelações bem precisas.
Foram chamados de diferentes nomes e correspondem ao que chamamos os Dracos, ou ainda os Reptilianos e seus associados ou acólitos. Mas, entretanto, vocês não devem lhes apontar o dedo, porque apontar-lhes o dedo é lhes dar um poder. Vocês devem exercer seu próprio poder de Luz e eles nada mais poderão contra vocês.

Isso foi já realizado nos planos da Luz celeste, ao nível da 5ª dimensão, em seu Sistema Solar. Resta, agora, a esta Verdade penetrar em sua ionosfera pela dissolução da magnetosfera.

Isso realizar-se-á no momento vindo.
Estejam certos de que não devem apontar o dedo, que não devem procurar, que não devem nem mesmo compreender quem eles são e quais foram sua determinação e suas funções. Hoje, tudo deve recentrá-los em vocês mesmos e unicamente em sua história interior, esta história interior que nada tem a ver com suas histórias de vidas passadas, mas que tem a ver com sua Essência, com o que vocês são, em Verdade e em Unidade.

Questão: Como conciliar uma Vida profissional e o fato de não mais estar na dualidade?

Isso é impossível, bem amada.
Tudo, em seu mundo, participa da dualidade.
A noção de casal, a noção de família, a noção de trabalho.
Porque esse mundo é construído na noção da dualidade e ação/reação, mas cortados da Fonte.

Então, portanto, isso afigura-se cada vez mais inconciliável.
Conciliar uma Vida, tal como vocês a conceberam até o presente, e viver a Unidade, é relacionar-se com dois mundos totalmente opostos e totalmente diferentes e, no entanto, lhes é preciso manter sua Vida nesse mundo, a fim de aí permanecer até o momento oportuno.

Então, obviamente, para alguns de vocês, as coisas serão mais difíceis. Obviamente, isso é transitório, porque quanto mais vocês penetrarem os arcanos da Unidade, mais as coisas se tornarão fluidas, quer isso seja em sua família, em suas atividades, quaisquer que sejam. Inúmeras coisas nivelar-se-ão, coisas que, hoje, lhes parecem ainda insuperáveis.

Isso não se faz de um dia para o outro.
Então, estamos bem conscientes que fazer-lhes viver a Unidade, tal como nós o fazemos, vai levá-los necessariamente a tomadas de Consciência cada vez mais importantes e desafios cada vez mais importantes, quer isso seja em suas vidas familiares, afetivas, profissionais ou relacionais, simplesmente.

Mas vocês são obrigados a passar por aí, não temos outras soluções.

Questão: Em caso de agressão física ou verbal, qual é a atitude concreta a ter para permanecer na Luz?

Já, não reagir.
Bem amado, se se manifesta a você, e para você, uma agressão, quer seja, física, verbal ou outra, é que há necessariamente em você a falha que permitiu isso.

Senão, isso jamais aconteceria.
Convém, portanto, não lançar a pedra ao outro, nem a si mesmo aliás, mas bem mais aceitar que o princípio de ressonância e de atração jogou. Porque, a partir do momento em que penetrar nos mundos da Unidade, depois das primeiras fases de reajustamento, obviamente, você vai entrar sob a influência da Lei da Unidade que é sincronicidade, abundância, Fluidez e evidência.

Mas até lá, obviamente, você vai se encontrar confrontado a coisas que vão tentar trazê-lo de volta à dualidade e fazê-lo sair da Luz.

A armadilha está aí.
Convém bem compreender que o que se manifesta a você nas primeiras etapas e nas primeiras fases de contato com a Luz Unitária são apenas as representações de suas próprias falhas interiores ligadas à ausência de transparência, num plano ou outro.

Questão: Isso significa então que convém deixar-se « agredir » nesse caso?

Bem amada, compreenda bem que se você é agredida, é que há em você uma ressonância com relação à agressão.

Isso não pode ser de outro modo.
Você atrai para você o que está reprimido em seu Interior ou que está inaparente, mas, entretanto, presente em seu Interior. Então, assim, fazer o jogo da reação manterá a dualidade e refará, deste modo, com que a agressão se remanifeste ainda e ainda.

Você atrai para você o que você é, nada mais, nada menos.
Se você atrai flores, é que você está na Dimensão da flor.
Se você atrai agressão, é que em você há a agressão.

Não pode ser de outro modo nesse mundo dual.


Não temos mais perguntas, agradecemos.

Então, como o diz o Arcanjo Miguel, caras Sementes de Estrelas, vou abandoná-los. Vou deixá-los na sua Luz, na sua Existência.

Vocês observarão, progressivamente e no passar dos meses (e isso é uma constante para muitos de vocês já), que os contatos com nossos planos serão cada vez mais facilitados. Mesmo se não podem se estabelecer na durabilidade, pelo momento, eles serão encorajamentos para muitos de vocês, assim como o disse, há dois anos, o Arcanjo Jofiel que anunciou, naquele momento, o reencontro com o Anjo Guardião. Muitos de vocês o vivem sob forma de fulgurância, em um momento ou outro.

O importante é esse primeiro contato.
Uma vez que o primeiro contato seja estabelecido, vocês tem um tempo, que é seu tempo, para ascender ao contato permanente.

Então, não se desencoragem, tentem avançar o mais exatamente possível com relação à influência da Luz e da Vibração em vocês. Então, não se desencoragem, tentem avançar o mais exatamente possível com relação à influência da Luz e da Vibração em vocês.

Progressivamente e à medida em que vocês aceitarem esta influência da Luz Unitária em vocês, sua Vida mudará completamente. Obviamente, eu não posso lhes prometer um tapete de rosas mas, entretanto, isso será frequentemente um tapete de rosas.

Eu lhes transmito todo o Amor do Conclave Arcangélico e lhes digo até muito breve.


***********
(*) Nota da tradução.
Não encontrei tradução para “quarks” e “bosons”, mas achei essa explicação no google:

Quarks, Leptons, and Bosons Quarks, léptons e bósons

Os físicos acreditam que atualmente existem três tipos de blocos básicos da matéria: os quarks, léptons e bósons. Quarks e léptons formam a matéria cotidiana, que é realizada em conjunto por bósons. Cada bosão está associada a uma força. O fóton, a unidade da força eletromagnética, detém o elétron ao núcleo do átomo. A maneira como essas partículas combinam dita a estrutura da matéria.


___________________________
Compartilhamos essas informações em toda sua transparência. Agradecemos em fazer o mesmo, se a divulgarem, reproduzindo integralmente este texto e citando sua fonte: http://www.autresdimensions.com/
Versão do francês para o português: Célia G.
Revisão: Beto Schlichting

Nenhum comentário:

Postar um comentário