sexta-feira, 19 de março de 2010

ANAEL - 19 de março

19 de março de 2010.

do SITE AUTRES DIMENSIONS


Bem amadas almas humanas em encarnação e Sementes de estrelas, venho a vocês para irradiar e efusionar minha Vibração Arcangélica na Luz da Fonte e da Luz rosa.

Mas permitam-me de início intervir e dar-lhes certa compreensão sobre o papel das árvores nos universos e mais especificamente nesta Dimensão.

Um certo número de coisas muito lógicas lhes é conhecida, como o papel na oxigenação das árvores. Outros papéis também são muito conhecidos daqueles que trabalham a Terra.

A árvore permite manter a Terra.
A árvore lhes serve também a um certo número de funções, como aquecê-los ou ainda fabricar móveis e objetos.

Para além do visível, a árvore pertence ao mundo invisível.
Por sua posição erigida, ela é intermediária e a faixa assim como a ligação entre sua dimensão dissociada e os mundos dissociados. A árvore está presente nos multiuniversos e multidimensões, assim que a Consciência está presente.

A árvore, Consciência em si, acompanha de diversas maneiras, a própria Consciência nas multidimensões. A árvore tem um papel tão importante que vocês constatam desde muito numerosos anos, que um processo chamado desflorestamento está em curso neste planeta. Com efeito, aqueles que ainda não aderiram à Luz, sabem pertinentemente que a árvore permite a Vida e sustenta a Vida, mas sustenta também e permite a elevação da Consciência. Assim, em sua loucura, esses seres empreenderam limitar, de maneira drástica, a quantidade de árvores presentes na superfície do planeta, a fim de limitar a Vida e sobretudo limitar a Consciência.

A árvore é um captador de energias solares, obviamente, mas também do conjunto de energias que vem do cosmos e, em particular, relacionadas com a Luz. A árvore é, portanto, um acumulador e um redistribuidor desta energia.

Como o faz?
A árvore é vertical.
Os ramos estendem-se lateralmente com relação ao tronco, seguindo as correntes telúricas que existem no planeta. Assim, observando o trajeto de uma árvore e o trajeto de seus ramos, vocês tem uma noção do que é invisível a seus olhos de carne, concernentes à circulação de energias horizontais e verticais, no planeta.

A árvore é um ressoador, permite-lhes alinharem-se com sua própria árvore de Vida, outro nome dado ao canal mediano da coluna vertebral ou Shushumna. Assim, quando sua Consciência se coloca sobre a árvore e, independentemente de diversos aspectos xamânicos perfeitamente descritos nas diversas tradições primitivas da Terra, a árvore lhes permite realmente realinharem-se e desencadear os movimentos de energia necessária à sua elevação de Consciência, mas também à sua saúde.

Algumas árvores privilegiadas são qualificadas, em sua Dimensão, de árvores Mestres, porque sintetizam e reunem o conjunto de informações, existentes num dado perímetro, do conjunto de outras árvores. Elas são portanto, a seu turno, ressoadoras e acumuladoras, que lhes permitem fazer vibrar suas estruturas de Consciência e suas estruturas físicas, de acordo com as leis cosmotelúricas não falsificadas pela matriz.

A árvore é uma espínha no pé daquele que não se juntou à Luz, porque participa ao mesmo tempo que sua Centelha Divina, fechada em seu corpo de personalidade, na manutenção da coesão dos mundos dissociados, bem mais que o teriam desejado os maus rapazes, entretanto, isto é uma realidade.

As diferentes espécies de árvores mantêm a energia e a Consciência e evitam que elas se apaguem definitivamente. A árvore é portanto, por Essência, um vegetal sagrado, assim como o compreenderam alguns povos ditos primitivos, que isso seja ao nível dos índios da América do Norte, como das populações um pouco mais antigas existentes na Austrália.

A árvore apresenta um certo número de virtudes, assim como, tanto por seu tronco como por suas folhas, como por sua irradiação, como todo e cada um de sua Humanidade pode captar, manifestar e aproveitar das qualidades de Consciência nova, irradiada em sua Humanidade desde mais de um ano pelo conjunto do Conclave e irradiação da Fonte e irradiação do Espírito Santo e do Ultravioleta, são assim acessíveis muito mais facilmente quando vocês comunham e quando se comunicam com a árvore.

A árvore é também um protetor, e de algum modo um fusível, quando de sobretensões energéticas que vão existir nos tempos que vem, permitindo-lhes fluidificar em vocês a circulação da Luz, em seus novos circuitos. Aí está porque eu lhes remeti às àrvores e lhes pedirei, se recordam, repetir regularmente, segundo suas necessidades, esse processo. Esse processo lhes permitirá integrar, no corpo de personalidade, ainda mais partículas de sua Existência e ainda mais irradiação de natureza Supramental, a fim de lhes permitir crescer na Luz e na Verdade.

A árvore é portanto um instrumento de Verdade e de Justiça, que nisso, obstruiu muito as sombras, mesmo nas culturas que tentaram inverter as polaridades de Luz e tentaram desenvolver um envenenamento desta Terra e de seus vegetais, limitando o afluxo de Luz como o limitaram sua Consciência.

Mas esta época acabou, definitivamente.
O ar da Consciência nova abre-se a vocês e as árvores são um dos vetores privilegiados, capazes de acumular a Luz nelas, mas também de reequilibrar sua própria Luz e sua própria personalidade.

Aí está o papel das árvores.
Observem as árvores, quando ao desprendimento de sua energia invisível, através dos ramos e o tronco, que segue como lhes disse, eles mesmos, os trajetos da energia, invisível a seus olhos. O interesse é que as correntes telúricas que vocês não percebem são manifestadas em 3 Dimensões, por intermédio das árvores. Elas mantêm, por conseguinte, um impulso dimensional para a Existência,

Assim são as árvores, em todas as tradições, em todas as civilizações. Não é por acaso que Buda viveu sua iluminação sob uma árvore. A árvore é portanto realmente um acumulador de Luz, capaz, se você entra em comunicação com ela, de redistribuí-la a você. Assim são os vegetais superiores, assim é o que foi chamado na bíblia, o arbusto ardente.

A árvore e os vegetais superiores são intermediários entre sua dimensão e as dimensões superiores, então, aproveitem-nas.

Se vocês tem agora perguntas com relação a esse processo ligado às árvores, e antes de entrar diretamente na energia e no silêncio de palavras, gostaria de acolhê-las e tentar trazer um esclarecimento suplementar.

Bem amados, eu lhes dou a palavra.


Questão: Jovens árvores entre 20 ou 30 anos, têm as mesmas virtudes?

Obviamente, quanto mais antiga é a árvoce, mais é madura.
Eu diria que, quanto mais acumulou um certo número de Luz.
Hoje, o processo está ligeiramente diferente, eis que o conjunto de vegetais superiores, árvores ou arbustos, são portadores da nova energia que lhes cabe captar. Entretanto, as faculdades de alinhamento ligadas à árvore de Vida está então no tronco da árvore, em superposição vibratória com sua própria árvore de Vida, é sempre mais acessível, numa árvore que já tem uma certa maturidade, diferente, certamente, segundo as espécies.

Tentem escolher um tronco reto, porque um tronco reto ilustrará uma regularidade energética no lugar onde a árvore cresce, o que não é o caso dos troncos inclinados ou trançados ou inclinados e reinclinados de um outro nível, traduzindo uma alteração da trama magnética nesse nível.

A árvore lhes mostra o que é invisível a seus olhos, e o retém.


Questão: Como explicar essas tempestades que derrubaram tantas árvores recentemente?

A tempestade é uma manifestação do ar ligada ao Arcanjo Miguel, como os cometas e o Fogo.

A desconstrução refere-se também a algumas árvores que não estão suficientemente sólidas para encaixar a nova energia, a nova Consciência.

Não há portanto aí a destruição mas bem mais uma eliminação natural do que não está conforme a vontade da Luz.


Questão: Há árvores mais potentes ou segue-se o sentir?

Bem amados, é melhor seguir seu sentir, porque cada um é diferente.

Existe, como sabem, o que é chamado árvores Totem, que estão ligadas a sua caractelogia dentro de sua personalidade, mas também no desenvolvimento de sua alma para o Espírito.

Assim, siga sua percepção vibratória.
Alguns serão atraídos por faias, alguns o serão por carvalhos e outros ainda por outras categorias de árvores. De uma maneira geral, evitem as árvores com folhagens persistentes e prefiram as árvores de folhagem velha.

De fato, as árvores de folhagem persistente são muito frequentemente a casa de entidades perdidas, o que não é o caso das árvores com folhagem velha (caduca).


Questão: As árvores tem uma Consciência própria ou trata-se de uma Consciência coletiva?

A Consciência é coletiva para o conjunto de árvores, mas nessas Consciências coletivas emergem Consciências individuais, por vezes muito mais evoluídas que a forma que vocês vêem, aquelas são chamadas justamente as árvores Mestres.


Questão: Você disse que seria melhor evitar as árvores de folhagem persistente que protegeriam entidades ...

Seriam retransmissões de entidades, efetivamente.


Questão: O que é das árvores Mestres que podem ter uma folhagem persistente?

A árvore é uma Luz na noite, em todo caso, ao nível da alma que sai de um corpo, no processo natural da morte, havia o que vocês chamariam estradas e autoestradas, em seu mundo denso. Essas autoestradas e essas estradas existem também, no astral.

Essas autoestradas e essas estradas são caminhos emprestados pelas almas, para se juntar a lugares necessários à reencarnação. Essas autoestradas estão ligadas entre si pelas árvores Mestres de folhagem persistente. É nesse sentido que lhes digo para evitar, essas estradas e esses espaços de cruzamento.

Vocês arriscam ter reencontros que não vão no sentido da Luz necessariamente.


Questão: A comunidade das árvores é uma Consciência unificada com individualidades que surgem, como no intraterra?

Exatamente.


Questão: Porque os pássaros escolhem tal árvore para fazer seu ninho?

Os pássaros são sensíveis como sabem, às linhas de força invisível a seus olhos.

Que isso seja para os pássaros migratórios ou para os simples pássaros que residem no lugar. Assim, a observação de um ninho em número importante, numa árvore, assinala que esta árvore está particularmente alinhada, ela mesma, nas forças cosmotelúricas, sem no entanto ser uma árvore Mestre, necessariamente.


Questão: Porque árvores, de tronco único, separam-se em seguida em diferentes troncos?

Isso significa que à altura da divisão, existiu uma anomalia eletromagnética que a árvore ilustra, como lhes disse, por seu próprio desenvolvimento.

O que não é a mesma coisa que os troncos gêmeos.
Isso corresponde a um processo de fusão extremamente específico.
Isso não quer dizer que a energia seja mais forte, ela é simplesmente diferente na Consciência.

A diferença é a capacidade que tem essas duas Consciências, fazendo parte da mesma Consciência coletiva, de estar no caminho da individualização.


Questão: Poderia repetir o protocolo da árvore?

É extremamente simples.
Você se aproxima da árvore em Consciência, pedindo para estabelecer uma comunicação consciente.

Lembre-se que na era que você entra e nos momentos que vive, a energia segue a intenção e a atenção da Consciência, portanto dirija sua Consciência para a árvore. Oriente as mãos para a árvore, mas o mais importante é a orientação de sua Consciência, para ela. Em seguida, vá para a árvore, ao lado oposto àquele que é chamado, o Norte.

Você se aproxima até sentir uma percepção Vibratória e em seguida você simplesmente encosta suas costas contra a árvore, nada mais.


Questão: Quais são as particularidades do Baobá?

Como sabem, sobre a maior parte do continente africano, as árvores, exceto alguns lugares muito próximos de certos lagos, são como dizer, não desprovidos de árvores, mas tem árvores em quantidade muito limitada que o que existe na Europa do Oeste, em particular.

Assim, os Baobás vão concentrar neles a energia de algumas florestas, em uma só árvore. Eles são de algum modo, acumuladores.


Questão: Os objetos de madeira dão os mesmos contatos Vibratórios que a árvore de origem?

Isso me parece muito difícil, porque hoje, como sabem, as árvores são derrubadas independentemente dos ciclos lunares, o que é uma heresia.

A segunda coisa, é que as árvores são secas e colocadas em estufas, matando-se definitivamente sua Consciência, o que não retira em nada as capacidades isolantes e vibratórias da árvore, mas, entretanto, a Consciência não está mais ali.


Questão: Como saber se a comunicação com a árvore é real ou mental?

Jamais o mental poderá se comunicar com uma árvore.


Questão: É possível que uma árvore recuse o contato e se sim, por que?

Do mesmo modo que você pode recusar um contato com um outro ser humano.

Não há afinidade vibratória, simplesmente.
Não há nem que se perturbar, nem se chocar, nem procurar uma explicação. Basta simplesmente procurar em outro lugar.


Questão: Cortando-se os ramos modifica-se a rede magnética local?

Não, absolutamente não.
A árvore está lá para enraizar um certo número de virtudes.
O desenvolvimento de seus galhos, de seu tronco, segue de correntes eletromagnéticas de superfície. Mas não é porque você retira a marca de um ramo desta influência eletromagnética que isso vai alterar o que quer que seja no solo. Entretanto, eu repito que a árvore é um enraizamento dos planos multidimensionais nesta realidade, independentemente de circuitos eletromagnéticos.


Se quiserem, trabalharei então hoje, com minha própria Radiância e minha própria efusão, na Radiância Arcangélica: Luz branca e Luz rosa.

... Efusão de energia ...


Bem amados filhos da Lei do Um, vai ser tempo agora de trabalhar sobre sua própria Unidade.

Eu lhes digo, quanto a mim, até muito breve.

Recebam todo meu Amor.


___________________________
Compartilhamos essas informações em toda sua transparência. Agradecemos em fazer o mesmo, se a divulgarem, reproduzindo integralmente este texto e citando sua fonte: http://www.autresdimensions.com/
Versão do francês para o português: Célia G.
Revisão: Beto Schlichting

Nenhum comentário:

Postar um comentário