quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

ANAEL - 3 de dezembro

3 de dezembro de 2009

do SITE AUTRES DIMENSIONS


Questão: Poderia nos falar da criança interior e do que favorece este estado?

Bem amada, a criança Interior é a dimensão que, em você, evoca a espontaneidade, a ausência de julgamentos e a ausência de referenciais com relação a um tempo linear, ou a ação não é em função de um resultado futuro, ou o estado Interior da Consciência é aquele de um ser novo, atento, e aberto, cujo comportamento e o olhar não é em função de um certo número de condicionamentos oriundos da educação ou ainda de um certo número de crenças ou de constrangimentos que foram elaborados no Interior do ser.

Deixar desabrochar, assim, e nascer a criança Interior é portanto, aceitar, totalmente, esta dimensão nova, esse olhar novo, esta espontaneidade nova em que não há mais lugar para o medo, onde apenas há lugar para o maravilhamento, para a beleza e para o que está em relação com a Unidade. Assim, esta abordagem se obtém melhor no que nomeei o abandono à Luz. Este abandono e esse dom à Luz é a condição «sine qua non» e absoluta para viver este estado novo que lhes é prometido, a todos, sem exceção.

Somente o peso de suas crenças, o peso de seus condicionamentos, e de um certo número de medos, pode bloquear esta evolução natural e espontânea. Não se esqueça que você está a caminho para sua soberania, que você sai de um período extremamente longo em que foi literalmente comprimido, literalmente fechado.

A criança Interior é aquela que não foi fechada.
A criança Interior é aquela que não foi dissociada.
A criança Interior é aquela que encontra a liberação e a leveza.

Questão: Qual é a função esotérica dos passadores de almas?

Bem amada, o que nomeia passadores de almas são frequentemente entidades de Consciência que têm a capacidade de se comunicar com os mundos, aqui, da 3ª Dimensão, que vocês chamam dissociada, com os mundos astrais, aí também dissociados, em que vão as almas a partir de sua morte.

É preciso bem compreender que, quando foi dito que vocês estiveram fechados nesta tridimensionalidade dissociada, vocês aí estiveram fechados de corpo e alma.

Mesmo no momento da morte.
Não há liberação pela passagem das portas da morte.
Passar da Vida à morte e da morte à Vida se faz numa mesma esfera, onde não pode haver adesão aos mundos multidimensionais, dado que a alma foi também prisioneira na Ilusão, assim como seu corpo biológico.

Os passadores de almas são as almas que têm a capacidade de estar no meio do caminho, entre essa ponte, da Vida à morte, cuja função é permitir a essas almas não mais permanecerem agregadas e dependentes das condições de Vida desse lado do véu. Entretanto, é preciso compreender também, e aceitar, que as passagens de almas que acontecem hoje são profundamente diferentes do que poderia acontecer há ainda algumas dezenas de anos.

Com efeito, e hoje mais do que nunca, as almas que deixam esse corpo não se encontram prisioneiras nas franjas de interferências ligadas aos mundos astrais, mas são liberadas, literalmente, das forças astrais constrangedoras e dissociadas, para acessar a espaços intermediários que estão ligados, a grosso modo, ao que chamaria o supramental e onde essas almas esperam a nova Terra e a nova Vida.

Questão: Como retranscrever no cotidiano, na vida social, a não dualidade?

Bem amada, a resposta é muito simples.
Isto é impossível.

O mundo social e os códigos sociais, como também os códigos familiares, de vestuários e o conjunto de códigos aos quais você está sujeita e aos quais aderiu, pelo conjunto de suas crenças, são oriundos da dualidade. Os mundos da Unidade não podem se misturar ao mundo da dualidade, trata-se de dois níveis Vibratórios totalmente opostos e que tudo opõe.

Não é portanto possível viver a Unidade na Vida social e na Vida manifestada. A única maneira é extrair-se desta dualidade e mergulhar, em Si, nos níveis Vibratórios da Luz que os conduz, literalmente, a conectar e instalar-se nos mundos unificados, ao participar do mundo da dualidade.

Mas você não pode manifestar esta Unidade na Vida comum.
É nesse sentido que, durante os períodos que vêm, será confrontado cada vez mais, literalmente, a dois aspectos profundamente diferentes de sua Consciência: uma Consciência dita social, dual e dissociada que trabalha nesta dualidade e uma Consciência que é, embora a mesma, mas que não participa de modo algum desse plano. Esta é liberada e totalmente não submissa às leis em curso nesta dimensão.

Isto pode criar, efetivamente, uma dificuldade de adaptação em que terão, propriamente falando, a impressão de estar entre duas Dimensões.

Este será o caso.
Mas vocês não podem criar a Unidade na dualidade.
Isto é impossível.

Questão: O fato de ser vegetariano facilita a elevação vibratória?

Bem amada, isso, obviamente, favorece amplamente a elevação Vibratória, mas existe um limiar Vibratório: qualquer que seja o nível Vibratório que atinja, a subida em Vibração vai se encontrar confrontada, num dado momento, a esta noção de limiar.

O que é o momento do limiar?
O momento do limiar está assimilado ao momento em que, justamente, sua Consciência dual atinge seu limite e bascula na Unidade. Isso se acompanha de uma Vibração/rotação do chacra do Coração e do chacra da Coroa.

A Vibração do chacra da Coroa e do chacra do Coração conduz à criação de uma Coroa Radiante de Energia, situada na periferia da cabeça e na periferia na frente da região cardíaca. Essas duas Coroas Radiantes se mixam e desembocam, naquele momento, sobre uma Consciência Unificada.

A Consciência Unificada não está limitada pelas crenças nesse mundo. A Consciência Unificada é liberação, justamente, das crenças e exploração dos multiuniversos e multidimensões.

Vocês têm a viver, literalmente, duas vidas ao mesmo tempo, por um período temporário e transitório mas, entretanto, indispensável a seu aprendizado desta Unidade.

Questão: Como desenvolver nossa autonomia, em nossa vida cotidiana?

Bem amada, a autonomia é profundamente diferente de acordo com o ponto de vista da Consciência que pronuncia essa palavra.

Para alguns, a autonomia será não ser mais dependente, de uma maneira ou de outra, de tudo o que é a sociedade e simplesmente confinado ao que é chamado autosuficiência, a Vida em recesso sobre si.

Para outros, isso será simplesmente um ordenamento de praias de Unidade na dualidade e continuar fazendo, na medida do possível, atividades profissionais, familiares e sociais.

Tudo é função do nível de gradação de sua Consciência.
Se ela não suporta mais o que faz jogo da dualidade, então, sua Consciência o levará a parar esses jogos de dualidade. Mas enquanto a dualidade é, para você, possível, sobre o plano Vibratório, você pode efetivamente se fechar em seus carros, ter meios modernos de comunicação à sua porta. Mas vem, realmente, um momento em que a Consciência não pode mais se satisfazer com isso e/ou ela requer uma autonomia maior face à noção de Unidade.

A autonomia financeira, a autonomia mesmo com relação à sociedade, com relação à Ilusão do que chamam democracia e sobre a qual tem demais sobre este planeta, mas que é apenas uma falsificação e, ainda uma vez, apenas meios de desviá-lo da Verdade.

A partir do momento em que você toca as esferas da Unidade, fará o aprendizado. Este aprendizado é Vibratório, mas também experiencial com relação a suas viagens, mas, entretanto, constatará, ao voltar, que há por vezes uma oposição muito perturbadora e desagradável entre o que vive nos mundos ditos da sociedade e o das esferas da unidade.

Entretanto, isso é uma passagem obrigatória.
A velocidade em que o viverão é em função de seus laços, de suas crenças e de seus próprios condicionamentos. Mas, quando você conhecer a Vibração da Unidade, quando chegar a tocar a Vibraçao da Presença e o momento onde o limiar é atingido, jamais poderá voltar atrás porque terá enfim realizado, em você, o que é a Verdade e o que é a Ilusão.

Questão: Podemos ascensionar pela simples elevação vibratória ou é necessário repatriar as diferentes partes de nós mesmos, em particular personalidade e alma?

O que se tornou possível, bem amada, pela Presença do Arcanjo Uriel e do Conclave Arcangélico em sua Dimensão, no plano Vibratório é, de um lado, permitir-lhes integrar, nesta dualidade, uma parte de Vibração vinda da Unidade. Isto realizou-se e continua a se realizar neste momento mesmo. Isto participa de seu desenclavamento, eu diria, desta Ilusão na qual você crê e na qual você está persuadida de que apenas ela prevalece.

Esta é a primeira etapa.
Entretanto, é preciso compreender que é a Vibração do Conclave Arcangélico e a Presença da Vibração do Arcanjo Uriel que lhes permite viver nesse corpo, nessas personalidades, a Vibração da Presença e da Existência. No entanto, viajar em Consciência na Existência é ainda outra coisa.

É uma etapa, eu diria, que ocorrerá posteriormente.
É preciso de início que vocês controlem a Vibração, nesse corpo de personalidade, a fim de expandir a Consciência até o limite do que chamei o limiar.

Além desse limiar, vocês têm toda latitude e toda liberdade para explorar os mundos da multidimensionalidade e, aí, penetram diretamente nos mundos da Unidade.

É preciso portanto que encarem um duplo caminho.
Esse duplo caminho pode se fazer de maneira sincrônica mas também de maneira sucessiva em seu tempo linear.

A primeira etapa é, portanto, a subida em Vibração.
A subida Vibratória vai lhes permitir conectar, em sua Consciência, seu corpo espiritual que permaneceu ao nível do Sol. Esta subida Vibratória é possível, em realidade, desde o final de seu ano passado porque, naquele momento, a magnetosfera foi rasgada. Há portanto uma conexão que é restabelecida entre o Sol e a Terra. É por isso, e por esta Vibração (que corresponde à Vibração da Coroa) que vocês são capazes de se conectarem a seus corpos de Unidade que permaneceram no Sol.

A segunda maneira é, agora, ativar a Coroa do Coração que é um processo conjunto, ou consecutivo no tempo, de acordo com os indivíduos. A ativação da Coroa do Coração Vibratória vai lhes permitir abandonar esse corpo e transferir sua Consciência diretamente em seu veículo multidimensional. Isso corresponde a um acesso pleno e consciente ao que é chamado o corpo de Existência. A Ascensão e a reconexão com a Vibração do corpo de Existência, mesmo nesta personalidade.

É isso que vocês estão vivendo, nesse momento.
Ali haverá também, de novo, um limiar ainda maior da Consciência. Esse limiar apenas será atingido quando um número suficiente de Vibrações se elevarem para tocar e ancorar esta nova realidade e permitir, então (ao conjunto desse sistema Solar e não unicamente a esta Terra), dissolver totalmente os envelopes isolantes.

Nós estamos, atualmente, e como o sabem, alguns de vocês, retificando o espaço/tempo. O que explica que as unidades astronômicas e as unidades de distância que eram dadas pelos planetas que vocês conhecem, de modo imutável, em seu Céu, não são mais válidas, e isso, obviamente, aqueles que vocês chamam cientistas, lhes esconderão até o último momento.

O mesmo quanto da chegada de corpos estelares provenientes de certos lugares de seu sistema Solar, em seu ambiente gravitacional, lhes será escondido até o último limite.

Questão: O que é hoje da Advertência e do Anúncio de Maria?

No que concerne ao Anúncio, está sempre previsto, como foi anunciado pela própria Maria, durante seu ano de 2010 e, preferencialmente, no mês de maio de 2010, e, eventualmente, até o mês de agosto de 2010. Entretanto, e como o sabem, um certo número de eventos tem a tendência, atualmente, mais a se aproximar de vocês do que se afastar. Assim, o Arcanjo Uriel manifesta sua Presença de diferentes maneiras. É a Radiação do Arcanjo Uriel que lhes permite conectar, em seu corpo de personalidade, a Vibração da Existência e coloca-os no estado de Alegria Interior.

Então, agora, no que concerne à Advertência: corresponde a um certo número de choques que devem ocorrer na Humanidade.

Isso é para agora.
Quando eu digo agora, isso poderia se produzir já, durante seu mês de outubro, e tem muita chance de se produzir no mês em que estão.

Entretanto, não procurem correlação através de um evento físico.
Trata-se, antes de tudo, de um abalo total da Consciência da Humanidade, entretanto, sem que as almas tenham a possibilidade de ligar isso a um evento espiritual, pelo momento. Isso será apenas realizado, pela maior parte da Humanidade, a partir do momento em que o Anúncio de Maria será feito.

Questão: O que tem de específico as almas que se encarnam agora?

Seria extremamente longo falar de todas essas almas que, hoje, tomam corpos, bem amada. Entretanto, muitas almas que deixam esse plano não vão mais para os planos astrais, mas permanecem nos planos de Luz estabilizada, a fim de estarem prontas a voltar, sob uma forma e sob outra, no momento em que a nova Terra será atualizada.

É preciso bem compreender que inúmeras crianças que se encarnam hoje são seres já despertados. Elas participam, à sua maneira, por sua encarnação, porque sabem pertinentemente que esse sistema acabou. Não há portanto mais risco, para esses seres que vêm de muito longe e de muito alto, no plano Vibratório, de ficarem prisioneiros de qualquer matriz.

Essas crianças (não todas, obviamente, mas algumas delas) participam, por seu sacrifício de encarnação, na elevação Vibratória desta Terra, do mesmo modo. É-lhes possível compreender que tudo, de uma maneira ou de outra, nesse sistema solar, e neste planeta, e em seu mundo de superfície participa, à sua maneira, da Translação Dimensional.

Questão: Quais são os índices de subida em Vibração?

Bem amada, a partir do momento em que sua Consciência se expande, a partir do momento em que acolhe a Luz e a Verdade, a Vibração de suas lâmpadas em seu corpo se aceleram.

O único marcador da subida Vibratória é, portanto, realmente, uma subida Vibratória. Isto não é uma visão do Espírito nem uma concepção mental, isso é uma Verdade vivida na estrutura física.

O corpo vibra, as lâmpadas vibram.
Um certo número de funções se ativa.
Obviamente, existem consequências comportamentais, afetivas, sociais, mas são apenas a resultante da subida Vibratória. A subida Vibratória é, portanto, antes de tudo, ligada à percepção de Vibrações e a modificação de Vibrações em seu corpo físico. Não pode haver subida Vibratória unicamente presente na cabeça, não no plano Vibratório mas no plano dos pensamentos e de concepções.

Quando falamos de elevação e de expansão de Consciência, em sua dimensão, falamos verdadeiramente do estabelecimento de Vibração em seu Coração, sua cabeça e depois o conjunto do corpo. Não é portanto uma visão do Espirito, não é portanto um índice, mas é realmente uma vibração que muda.

Questão: Como utilizar os sete Selos Arcangélicos?

Bem amada, nós demos um certo número de Selos.
Esses Selos são meios de colocar em Vibração, em vocês, a qualidade específica de um Arcanjo. A utilização não obedece a técnicas, embora existam.

Deve se fazer além da crença.
Compete-lhes, aí também, experimentar, desenhar um Selo e colocá-lo, por exemplo, sobre uma de suas lâmpadas, sobre um dos lugares de seu corpo e ver o que acontece.

Não me compete, neste espaço, dar técnicas ou meios fechados de conectar a energia Arcangélica. Entretanto, é preciso compreender e aceitar que a tripla Radiação que recebem atualmente sobre a Terra (desde o início deste ano, inicializada pelo Arcanjo Miguel, em março) que é a ativação do Ultravioleta, seguida pela ativação do Espírito Santo (que está presente desde muito tempo), acoplada à energia da Fonte, lhes permite trabalhar na recepção desta energia, na Consciência Unificante.

A Consciência Unificante não é um trabalho técnico, seja com uma oração precisa, com um cristal preciso, ou um Selo preciso. Antes de tudo, e previamente, o mais importante é confiar e se abandonar à Luz. Abandonar-se à Luz corresponde, atualmente, ao que é para vocês o mais fácil para superar a dualidade induzida pelas encarnações que tomaram, de maneira extensiva, neste planeta.

O ser humano experimenta, desde milhares de anos, para a maior parte de vocês, um sistema de controle humano que é baseado no controle do mental humano, através da elaboração de crenças sofisticadas, através da elaboração de um certo número de religiões que tem por objetivo afastá-los do que vocês são, que tem por objetivo afastá-los da Fonte, ou seja, de sua Unidade e das moradas da Alegria.

A alegria, no sentido espiritual, é o oposto do medo.
Progressivamente e à medida em que vocês sobem seu nível Vibratório, o medo se apaga. Não pode haver qualquer medo, de nenhum tipo, na Vibração da Unidade.

Questão: Qual é a origem dos textos do Apocalipse e que devemos pensar?

Bem amada, o Apocalipse é um Livro recebido pelo bem amado João, hoje, um dos 24 Anciãos, cuja última encarnação, como o sabem agora, foi Sri Aurobindo. É quem descreveu a chegada do supramental e da Luz em sua dimensão.

Aquele que, há 2.000 anos, recebeu um texto.
Esse texto, assim como ele mesmo disse, sob ditado de Cristo, seria «doce à boca e amargo ao ventre». Isso quer dizer que aquele que tentasse compreender esse texto nada compreenderia, porque o alcance desse texto não está ligado a eventos, mesmo se alguns ali sejam colocados. O alcance desse texto se encontra na leitura Vibratória que pode ser feita, qualquer que seja a língua e, aliás, isso foi dito pelo próprio Cristo: «aquele que mudar uma vírgula, que seja maldito até o final dos tempos».

Nesse Livro, encontra-se a realidade Vibratória da Unidade, não tanto através da compreensão, mas através da pronunciação de todas as palavras que ali estão contidas, sem exceção, em seus capítulos. Não há portanto que querer integrar uma compreensão, mesmo se exista, mas sim, mais, integrar o aspecto Vibratório que é realizado, não pela compreensão, mas pela leitura em alta voz do Apocalipse de São João.

Questão: Que significa o fato, nos sonhos, de ser como que atacado por outras pessoas?

Bem amada, o significado pode ser múltiplo.
Pode corresponder a um certo número de conflitos que não estão resolvidos, em si, com relação ao que chamaria de subpersonalidades ou personalidades fragmentadas que fazem sua Unidade e que não estão ainda recolhidas. Mas, entretanto, significa, de uma maneira como de outra, uma necessidade de se liberar de um certo número de modos de funcionamento que, de uma maneira ou de outra, são ligados a esse fato de ser atacada.

O ataque corresponde a um fenômeno dual.
Por que é que hoje nós atraímos todos, sem exceção, quaisquer que sejam os canais, a atenção sobre esta noção de Unidade?

Porque na Unidade, há elevação Vibratória.
Na dualidade, você responde no mesmo nível Vibratório, mesmo se isso se faz por preces e pela vontade de uma ação certa e boa, que obedece a princípios que chamariam morais ou, mesmo, ainda mais elevados, princípios espirituais.

Mas esses princípios espirituais ou morais, que se fazem sob a Lei da ação/reação, não os conduzirão jamais à Unidade. É a coisa mais fundamental que lhes mascararam e esconderam os Arcontes, que se revela, hoje, por diferentes ensinamentos pelo mundo.

Corresponde ao fato de que, enquanto você mantém a dualidade, não pode sair da dualidade. Apenas adotando um ponto de vista Unitário que sua Consciência, pouco a pouco, chega a liberar-se de ações/reações, de dualidades inexoráveis de toda manifestação, aqui presente, nesta dimensão. Assim, portanto, os sonhos perturbados, este, como tantos outros, apenas mostram, para vocês, um chamado a realizar esta Unidade.

Realizar esta Unidade não se faz através de um aprendizado.
Não se faz através de um estudo, mesmo de disciplina esotérica.
Faz-se, ainda menos, através de uma crença, mesmo nova.

Faz-se, e far-se-á cada vez mais, e unicamente, através da subida Vibratória e a Vibração percebida nas diferentes formas do corpo, mas essencialmente na Coroa da cabeça e da Coroa do Coração.

Questão: O que é hoje do ensinamento do tarot? E quais são os limites?

Bem amada, você deve, hoje, integrar que não está mais num mundo isolado, que seu mundo se reabre às influências da Fonte.

Há uma retificação de seu espaço/tempo.
As modificações astronômicas, as modificações de seu Céu, são pelo menos desorientantes, mesmo para seus cientistas.

Como sabe, você está sob a influência do Sol Central da Galáxia, já, desde algum tempo, e de maneira muito intensa, desde o final de 2008, é essa irradiação galáctica que perfurou as bainhas isolantes de seu Sistema Solar. Na Ilusão que viveu, um certo número de dogmas e um certo número de técnicas foram elaboradas e transmitidas, e o tarot faz parte disso. Foram meios, únicos e essenciais, de religarem-nos a seu corpo espiritual que não estava religado a vocês.

Era uma lembrança, um meio de aproximá-los.
Hoje, vocês devem viver, se isso lhes é autorizado por vocês mesmos, que o que acontece nada tem a ver com uma concepção linear do tempo.

Vocês entram no choque dimensional, ou seja, passam de um mundo fragmentado e dissociado para um mundo Unificado e de Alegria. Então, é preciso que abandonem, assim como uma criança pode fazê-lo, todas suas crenças, quaisquer que sejam. Todas as ferramentas, quaisquer que sejam, podem ser de ajuda, mas podem ser também travas.

A única ferramente, a mais certa para sua evolução é, ainda uma vez, a Vibração de sua Consciência e esta deve se fazer com o menos de artifício possível. Isso não quer dizer que deve rejeitar os sistemas de conhecimento, quaisquer que sejam. Isso não quer dizer que sejam falsos ou que foram verdadeiros e tornaram-se falsos. Isso quer dizer simplesmente que hoje, você está aí numa etapa de seu crescimento que está bem além de tudo o que lhe pode ser conhecido.

Você penetra diretamente em esferas desconhecidas e, nessas esferas desconhecidas, a única coisa que lhe será útil, é sua capacidade de reencontrar este estado de alinhamento com sua Presença, de alinhamento com seu ser e com a Vibração. Não há ponto de saída fora deste e esta Vibração encontra-se ao nível do peito, no chacra do Coração e também chacra da cabeça, os dois devendo se casar e se fusionar.

Não há outras possibilidades, não há outras ações possíveis além de realizar esta subida vibratória, esta subida vibratória se faz com o descarte de toda crença ou todo o condicionamento, qualquer que seja, mesmo espiritual.

É a partir do momento em que você aceita esta Inteligência da Luz, pelo abandono e diminuição de sua própria inteligência a esta Inteligência (como o disse Cristo na cruz: «que tua vontade seja feita e não a minha»), naquele momento, você reatingirá, sem dificuldade, as esferas da Unidade.


___________________________
Compartilhamos essas informações em toda sua transparência. Agradecemos em fazer o mesmo, se a divulgarem, reproduzindo integralmente este texto e citando sua fonte: http://www.autresdimensions.com/
Versão do francês para o português: Célia G.
Revisão: Beto Schlichting

Nenhum comentário:

Postar um comentário