terça-feira, 7 de julho de 2009

MA ANANDA MOYI - A água é, também, revelação [07/07/2009] - Autres Dimensions




07 de julho de 2009.

do site AUTRES DIMENSIONS.



Áudio da Mensagem em Português

Link para download: clique aqui

Bem amados filhos da Luz, eu sou MA ANANDA.
Acolham, em vocês, todo o Amor que eu lhes dispenso, todo o Amor que nos religa.

Eu sou a filiação da Divina Mãe.
Eu encarnei a Divina Mãe e eu a encarno ainda hoje.

Bem amados filhos da Luz, regozijem-se, regozijem-se porque a hora chegou, a hora chegou de reencontrar a Luz.

Não dêem qualquer importância aos gestos do medo, porque aqueles que têm medo não sabem ainda que a Luz está aí.

Suas Núpcias chegam a seu fim.
Vocês chegam, enfim, à revelação e à resolução de tantas e tantas encarnações passadas nesta ilusão, a fim de revelar a hora de Glória que está aí, agora.

Nesses momentos que vêm, vocês viverão a Alegria, cada vez mais.
Vocês se tornarão lúcidos e conscientes do que é.

Então, jamais, jamais, oh jamais, o medo poderá chegar em vocês, porque a Alegria os mantêm no Amor e na Verdade.

E no Amor e na Verdade não há lugar para o medo, não há lugar para outro a não ser a Luz.

Vocês dançarão, seu Ser interior vai dançar a dança da Criação.
A dança da Criação chega para vocês.

E vocês já sentem a presença e a pressão em suas estruturas, no que
vocês são?

A roda gira e ela chega agora no momento do intenso, no momento do extraordinário.

Esse momento que vocês todos procuraram, tanto esperaram, está aí, no silêncio de seu Templo Interior, no silêncio de seu espaço sagrado.

Algo nasceu, algo se revelou e vocês estão aí, como crianças maravilhadas do que se manifesta a vocês e vocês podem tomar consciência de que o Amor e a Verdade são simples, que o Amor e a Verdade são humildade, beleza.

A hora da Ressurreição está próxima, meus filhos, vocês todos que trabalharam, aqui e em outros lugares, vocês todos que tatearam, afundaram, recuaram, experimentaram, chegaram ao final e ao apogeu de sua experiência humana, a hora soou.

Vocês chamaram o Pai, o Pai responde.
Vocês chamaram a Fonte de seus desejos, de suas orações, de suas intenções e de suas ações, a Fonte lhes responde.

Vocês são restituídos a esse agora eterno.
O eterno se revela, em Graça e em Majestade, a fim de restituí-los à sua Eternidade, à sua Beleza, à sua Luz.

Vocês são os filhos do Eterno, vocês são meus filhos.
Assim, talvez vocês já percebam o sopro da Graça, o sopro do Amor e da Luz que lhes penetram, pelo instante, pelo momento.

Esses momentos de Graça, de Verdade que vocês vivem, uns e outros, vai se tornar sua Eternidade e sua permanência.

Na Imanência, no atemporal, vem a Luz.
A Luz, ainda uma vez, é sua Alegria e sua promessa.

Vocês percorreram tanto e tanto esses momentos, alguns de vocês...
Vocês experimentaram tanto e tanto que a hora do repouso chega enfim.
É também a hora da retribuição ou a hora em que vocês vão, também, acolher a totalidade de sua herança e ressuscitar em vocês o Ser que vocês jamais deixaram de ser, apesar das aparências desse mundo.

Hoje é um dia dedicado, pelo mundo, à água, a água que sobe, a água que inunda e também a Água Benta, a água do Batismo, a água da Purificação.

O que alguns homens chamam de desastres, nós, nós chamamos de elevação.

O que o homem chama de abominável, nós, nós chamamos de revelação.
Tudo é questão de ponto de vista e de olhar.

O olhar da Luz não pode jamais encarar a Sombra, o olhar da Sombra apenas vê a Sombra.

O Pai é Amor e Luz.
A Sombra é apenas a Luz não manifestada e, hoje, a Sombra murcha e deixa lugar para a Luz, em suas estruturas, em seu corpo, em sua consciência, neste planeta, neste sistema solar.

O conjunto deste Universo festeja hoje sua ressurreição.
Vocês ressuscitaram, na Glória do Senhor, na Glória da Verdade e vocês viverão, neste espaço de densidade, em suas vidas, o cumprimento da Promessa, o cumprimento da Graça.

Isso é agora, isso não é um sonho.
Nesta ilusão, isso é Verdade.

O cumprimento desta promessa é, aliás, a única Verdade: é a irrupção da Verdade em meio à ilusão.

Ser-lhes-á solicitado que participem da dança, que participem da Luz.
Como participar?

Simplesmente estando consciente, sendo vocês mesmos e não personagens que vocês desempenharam ou que vocês creem desempenhar na Unidade.
Tudo é simplicidade.

Na Unidade, a Verdade é simples.
Você deve ser simples e humilde, mas ser você mesmo, na força e na afirmação da Luz.

A Luz não está mais escondida.
A Luz deve iluminar.
A Luz deve revelar a Sombra ainda presente, em você e ao seu redor.

Para isso, você afirma a Luz, você afirmará a Luz, você afirmará, enfim, o que você É.

A água purifica em você o que deve sê-lo, jamais tenha medo da água, a água quer seu bem, mas a água sem o fogo não seria nada e o fogo sem a água nada seria.

A água e o fogo são os agentes criadores, por excelência, os dois primeiros Viventes, aqueles que dançam a dança de Shiva, a dança da Criação, da desconstrução e da reconstrução do mundo.

Assim, a água toma uma importância capital na revelação da Luz, em sua humanidade, mas também em suas estruturas.

A água é o elemento que, hoje, lhes permitirá suavizar o fogo da revelação, lhes permitirá suavizar em vocês o que deve sê-lo.

A água é um bálsamo, a água é uma carícia, a água é a Mãe, a Mãe é a água, a água é a Fonte manifestada nesta densidade, a água é o útero, a água é, enfim, o que permite ao fogo existir.

Vocês são os filhos da Eternidade, assim como Miguel os nomeou, os Portadores de Luz, os Transmissores de Luz, mas também os Criadores da Luz.

A água é útero.
A água é, também, revelação.

Aí estão as algumas palavras que eu tinha a lhes dizer, meus bem amados filhos, antes de fazê-los se beneficiarem totalmente de minha radiância.

Eu gostaria de acolher os questionamentos com relação à água, com relação a vocês, não em seus sofrimentos, mas com relação ao que vocês são, com relação à Luz.

Eu os escuto.

>>>

Questão: eu me sinto tão na gratidão nesse momento que me pergunto se podemos morrer de Amor?

Sim, é claro.
Vários seres humanos, aliás, o farão.
O Amor mata, mas mata apenas o corpo e desperta inteiramente o Espírito.

Isso é Verdade, meu filho.
O Amor, quando se torna tão verdadeiro, tão justo, e tão pleno, pode induzir à perda desse corpo que é apenas ilusão, porque não há mais qualquer importância na revelação da Luz em vocês.

E, quando seu veículo (chamado, eu creio, veículo de Eternidade) se revela a vocês, vocês entram na dança da plenitude, assim como eu o expressei em minha vida, durante tempos muito longos onde nada mais desse mundo me interessava, onde eu não tinha mais necessidade nem de água, nem de alimentos, nem de contatos, porque eu estava imersa nesta Verdade.

Vocês viverão cada vez mais esses períodos em que tudo se basta por si, sem haver necessidade de qualquer Fonte exterior, porque vocês se tornam a Fonte e vocês se confundem com ela.

Este abraço, esse casamento é um casamento místico.
Esse casamento místico é a conclusão perfeita das Núpcias Celestes, assim como o definiu Miguel desde vários meses.

Entretanto, compreendam bem que lhes é solicitado para permanecerem nesta densidade para trabalhar, ainda e mais, como lhes dizem os Arcanjos, como eu lhes digo, e como lhes disse Maria.

É-lhes solicitado muito, porque lhes é dado muito e o muito consiste, simplesmente, em Ser e em irradiar o que vocês são, sem julgamento, sem tomada de partido, com Alegria, com lucidez e, sobretudo, com simplicidade.

Seu olhar, sua radiação pode mudar a face do Mundo e isso está em curso.

>>>

Questão: nadar num lago, numa piscina, ou no mar, tem as mesmas virtudes?

Não, bem amado filho.
Os lagos, os lagos de altitude, em particular, são os lugares onde a Presença da Divina Mãe é pura e intacta.

As piscinas são os lugares contaminados de todas as vibrações pesadas dos seres humanos que ali mergulham.

A água do mar é a água do útero, a água da mãe indiferenciada, contrariamente à água dos lagos, na altura, que é, ela, a água da Mãe diferenciada nesta matriz.

Ela é pureza.

>>>

Questão: habitando numa zona de montanha, eu vou oferecer minhas emoções nos cursos de água (torrentes).

A torrente é movimento, contrariamente à água do lago.
Na montanha, a torrente de montanha abriga certo número de vidas.

Essas vidas são movimentos.
Há elementais diferentes.
Alguns pertencem à ordem da Luz e outros pertencem à ordem da Sombra.

Isto está ligado ao que é a torrente, então, é preciso estar atento ao que acontece numa determinada torrente.

A torrente jamais é neutra, contrariamente à água de montanha de um lago.
O que eu disse para as torrentes é uma generalidade para todas as torrentes.

Existe, nas torrentes, uma proporção variável de Sombra e de Luz, o que não é o caso nos lagos de montanha.

>>>

Questão: poderia desenvolver sobre a relação entre o feminino e o masculino?

Bem amado filho, todo ser encarnado apresenta duas polaridades, qualquer que seja seu sexo.

Obviamente, para o homem predomina, geralmente, a polaridade masculina e, para a mulher, deve predominar, normalmente, a polaridade feminina.

Mas, em um determinado momento da evolução, é preciso deixar aparecer a polaridade oposta na criança interior e, um dia, progressivamente e à medida que o crescimento da Luz se faça, vocês devem, necessariamente, equilibrar as polaridades.

O homem, a mulher, em vocês, deve apenas fazer juntar a androginia primordial. Isso se manifesta, em Verdade, em diferentes níveis, mas é este o trabalho a realizar.

Ora, frequentemente, para o homem a parte feminina é procedente da mãe, do mesmo modo que para a mulher a parte masculina é procedente do pai.

Assim, vocês devem se despojar dessas imagens construídas progressivamente e à medida de sua educação, mas essas imagens não são vocês, é preciso, portanto, então, desconstruí-las, transcendê-las, superá-las, para chegar à sua Unidade essencial.

Bem amados filhos da Luz, eu lhes transmito todas as minhas Graças e todas as minhas Bênçãos.

Eu os amo.
Eu os Abençôo.
Vão para a Fonte.

Acolham em vocês o fogo e a água que vêm a vocês, eles são os agentes e os meios de sua Ascensão aos Reinos da Verdade, aos Reinos da Alegria inefável e eterna.

Eu os Abençôo.

************
Mensagem de MA ANANDA MOYI no site francês Autres Dimensions:
http://autresdimensions.info/articlee5eb.html
07 de julho de 2009 (Publicado em 07 de julho de 2009).
Versão do francês para o português: Celia G.
via: http://leiturasdaluz.blogspot.com.br

2 comentários:

Postar um comentário